Ligue Agora (31) 3899-7000 WhatsApp (31) 99294-0024
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Musicalização infantil - a importância da música na primeira infância

A musicalização infantil é a pré-escola da música, um conjunto de atividades que visam à sensibilização e que buscam ampliar os conhecimentos musicais da criança

Musicalização infantil - a importância da música na primeira infância

 

Musicalizar é tornar a criança sensível e receptiva aos sons, promovendo o contato com o mundo musical já existente dentro dela, e, melhor ainda, fazendo com que ocorra uma apreciação afetiva e, indo mais além, uma apreciação criativa dos sons que estão à sua volta. Da mesma forma, podemos definir a musicalização como a pré-escola da música, um conjunto de atividades que visam à sensibilização e que buscam ampliar os conhecimentos musicais da criança, de forma bastante intuitiva, inclusive com sua participação criadora. Entretanto, é preciso que a musicalização seja estimulada, de alguma forma, em todo o convívio social, a começar em casa. Isso porque o desenvolvimento da musicalidade na primeira infância depende da vivência musical.

A criança e sua percepção dos fundamentos musicais

Ritmo

O ritmo, além dos movimentos do corpo, trabalhará a percepção sensorial motora da criança.

Melodia

“A melodia, se trabalhada por canções que tenham um bom vocabulário, ajuda a desenvolver a fala, a rapidez de raciocínio e o poder de concentração da criança”, afirmam Maurícia Schitine e Cássio Fernandino (Thyaga), professores do curso Educação Infantil – Musicalização Infantil, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

Harmonia

Por outro lado, cantar e tocar ao mesmo tempo faz com que as crianças busquem a harmonização sonora, o que contribui para a sociabilização do grupo, por conta de um interesse que é comum a todos. Ouvir música depende dos cinco sentidos humanos, um estímulo que se dá pela incorporação dos elementos rítmicos e sonoros.

É importante destacar que explorar som, ritmo, melodia, harmonia e movimento irá significar a descoberta e a vivência da riqueza de sons e movimentos que são produzidos a partir do corpo de cada um. Sons que podem ser inventados ou ainda produzidos pelo ser humano e por outros elementos da natureza, vivos ou não. Ao longo da atividade de musicalização, esse processo se sofistica, levando a atividades criadoras musicais, e à prática rítmica partindo das palavras.

A musicalização é um conjunto de atividades que visa à sensibilização, e que busca ampliar os conhecimentos musicais da criança. O mais interessante é que a musicalização é promovida por atividades intuitivas. Estas criam situações intelectuais favoráveis à aquisição de conhecimentos musicais. Entretanto, além da atividade formalizada na escola, é preciso que a musicalização seja estimulada em casa, oferecendo ferramentas à criança para que ela mesma possa descobrir os sons. Por exemplo: discos, objetos sonoros, instrumentos musicais, canções, e até mesmo gravuras que estejam relacionadas ao tema.

Já na escola, o que se propõe é o direcionamento para que se desenvolvam outros aspectos, como senso estético, criatividade, coordenação motora e lógica, entre outros. Entretanto, tenha sempre em mente que será preciso diferenciar muito bem os conceitos de musicalização e aprendizado musical. A musicalização não se propõe a ensinar manuseio técnico de um instrumento musical. Com a musicalização, pretendemos criar um vínculo entre a música e a criança. E, ainda mais, desenvolver na criança o gosto pela música.

Resumidamente, a musicalização contribuirá fortemente para os seguintes aspectos: socialização, alfabetização, inteligência, capacidade inventiva, expressividade, coordenação motora e tato fino, percepção sonora; percepção espacial, raciocínio lógico e matemático e estética.

Musicalização infantil - a importância da música na primeira infância

Com a musicalização, cria-se um vínculo entre a música e a criança.

Vale aqui destacar o aspecto da socialização, que é um dos mais importantes, porque a musicalização tende a integrar a criança. Isso ocorre porque, quando a criança canta, ou se envolve com papéis de interpretação da música junto a seu grupo, ela, além de sentir-se integrada, adquire consciência de que os componentes do grupo são também importantes.

Na verdade, ocorre uma compreensão sobre o fato de que a cooperação com os outros é necessária, pois é do esforço conjunto que surgirá a possibilidade de atingir os objetivos propostos pelo grupo. Tudo isso acontece porque, ao estudar e executar a música em conjunto, a criança acaba tornando-se mais comunicativa e tem um convívio mais ativo com regras de socialização. A criança passa a ter de respeitar o tempo e a vontade do outro, vê-se na condição de criticar de forma construtiva, percebe o valor da disciplina e potencializa sua capacidade de ouvir e interagir.

O desenvolvimento da criança quanto à educação musical

Manifestação artística


A educação musical pretende desenvolver na criança uma atitude positiva para a música e procura capacitá-la para expressar e captar sentimentos de beleza da criação artística.

Autoestima

É por meio da música e do processo de criação, em que a música é apropriada, adaptada e alterada de múltiplas maneiras, que a criança se torna criadora e se sente autora, e assim se satisfaz, o que é positivo para o desenvolvimento da auto-estima.

Criatividade

A presença da arte na educação torna a criança mais capaz de criar, inventar e reinventar o mundo à sua volta. Devemos considerar que a criatividade é essencial, pois a criança criativa raciocina melhor, tem mais facilidade para inventar meios para resolver problemas e dificuldades. E isso é fundamental em um mundo em que a tecnologia busca soluções cada vez mais elaboradas para seus problemas.

Sentido estético

Por meio da música, que tem seus próprios valores estéticos, acaba sendo resgatado o verdadeiro sentido do belo. Para motivar o consumo, muitas vezes a mídia influencia negativamente o senso estético, especialmente nas crianças.

Ética

Ao mesmo tempo, o desenvolvimento do sentido estético acaba sendo acompanhado do desenvolvimento do sentido ético, ou seja, de uma escolha mais correta do que realmente pode ser bom, bonito e útil para as pessoas.

Aprimore seus conhecimentos, acessando os cursos da área Educação Infantil.

Por Andréa Oliveira.

Acesse os links abaixo e conheça mais sobre Musicalidade Infantil:

Aptidões da criança

Atividades rítmicas usando o corpo

Atividades rítmicas com instrumentos

Canções de roda

Atividades lúdicas

Temas musicais

Formação do coral infantil

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Giusliaini Maria Gomes da SIlva

19 de mai de 2018

Olá, gostaria de saber em que ano esse artigo foi escrito. Conteúdo muito bom! Grata pela atenção!

Resposta do Portal Cursos CPT

21 de mai de 2018

Olá Giusliaini,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. O presente artigo foi postado no dia 11/07/2013.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Cristian Araujo

6 de fev de 2018

Ótimo conteúdo parabéns. No meu site também falo sobre esse assunto tão importante. Gostei muito do conteúdo do site.

Resposta do Portal Cursos CPT

7 de fev de 2018

Olá Cristian,

Ficamos felizes que tenha gostado do nosso conteúdo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Geraldo da Silva

12 de jan de 2017

Muito bom, é preciso resgatar essas atividades..Parabéns.

Resposta do Portal Cursos CPT

13 de jan de 2017

Olá Geraldo,

Ficamos muito felzies que tenha gostado do nosso conteúdo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!