Cogumelo do Sol tem excelentes propriedades nutricionais e medicinais

O cogumelo do sol vem sendo relatado como um produto com propriedades medicinais, despertando grande interesse por parte da comunidade médica e científica de instituições no Brasil e em outros países.

Os cogumelos são fungos conhecidos desde a antiguidade, quando o homem já os utilizava como alimento de elevado valor nutritivo e terapêutico. Na natureza, existem centenas de espécies diferentes, sendo que alguns são venenosos, outros alucinógenos e também há aqueles que possuem propriedades medicinais curativas e até afrodisíacas.

Nos últimos anos, o consumo de cogumelos comestíveis vem aumentando e ganhando destaque em virtude do seu sabor refinado, do seu valor nutritivo e, ainda, pelo seu potencial de uso medicinal. Recentemente, o cogumelo Agaricus blazei, chamado popularmente de “Cogumelo do Sol”, vem sendo relatado como um produto com propriedades medicinais, despertando grande interesse por parte da comunidade médica e científica de instituições no Brasil e em outros países.

Cogumelos comestíveis são considerados alimentos em excelência, contêm poucas calorias e, portanto, são muito indicado para o estilo de vida sedentária do homem moderno, cuja atividade física é cada vez menor. Seu conteúdo em proteínas é relativamente alto, alcançando de 1,5 a 6% de seu peso fresco. São ricos em minerais como potássio, fósforo, manganês, ferro e cálcio, bem como em vitaminas B1, B2, B6, B12, C, D, E e K e, ainda, são fontes de quase todos os aminoácidos.

Recentemente, estudos realizados com o  Cogumelo do Sol apontaram para uma possível substância constituída de polissacarídeos associados a determinadas proteínas, denominada de Complexo Glucano Proteico, mostrando possuir uma forte atividade antitumoral. Embora empíricos, existem relatos populares de que o extrato de A. blazei foi responsável pela recuperação e melhora do quadro clínico geral de alguns pacientes com tumores cancerígenos, quando ministrados concomitantemente com os tratamentos convencionais, tais como a rádio e a quimioterapia. Em alguns casos, esse extrato pode reduzir o uso dessas terapias ou diminuir os efeitos colaterais das radiações, prejudiciais ao organismo, pela neutralização de radicais livres.

Comercializado na forma desidratada em pó ou fatiado, o uso do Cogumelo do Sol é indicado como suplemento alimentar e como nutricêutico, por causa de suas propriedades nutricionais medicinais, algumas ainda em estudo.

Com o interesse de mostrar as tecnologias produtivas para o cultivo do cogumelo do sol, o CPT – Centro de Produções Técnicas, elaborou o curso “Cultivo de Cogumelo Medicinal Agaricus blazeino qual você estará recebendo informações dos pesquisadores Gilberto Costa Braga e Dr. Augusto Ferreira da Eira, ambos do Módulo de Cogumelos Comestíveis do Departamento de Defesa Fitossanitária da UNESP de Botucatu - SP, além da participação de renomados produtores.

Após fazer o curso e ser aprovado na avaliação, o aluno recebe um certificado de conclusão emitido pela UOV – Universidade On Line de Viçosa, filiada e mantenedora da ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância.

Comercializado na forma desidratada em pó ou fatiado, o uso do Cogumelo do Sol é indicado como suplemento alimentar e como nutricêutico, por causa de suas propriedades nutricionais medicinais, algumas ainda em estudo.

Cursos Relacionados

Curso Cultivo de Cogumelo Shiitake Curso Cultivo de Cogumelo Shiitake

Com Prof. Dr. Augusto Ferreira

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo de Cogumelo Shiitake em Substratos Curso Cultivo de Cogumelo Shiitake em Substratos

Com Prof.ª Fernanda Silveira

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo Cogumelo: Shimeji e Hiratake Curso Cultivo Cogumelo: Shimeji e Hiratake

Com Prof. Dr. Augusto Ferreira e Prof.ª Fernanda Silveira

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

wellington bastos dos reis

20 de set de 2014

impressionante!!

Evanir Fernandes Ribeiro

20 de ago de 2013

Gostaria de saber quais são as propriedades do cogumelo do sol. P. exemplo: sou uma pessoa muito ativa, com 71 anos, que nunca senti o peso da idade. Fui obrigada a deixar a academia que frequentava pq estou trabalhando. De repente, minhas pernas estão doendo muito. Acreditei que fosse pq não estou praticando exercício. Me indicaram o cogumelo do sol, que já estou tomando. Isso irá me ajudar? obrigada, Evanir

Resposta do Portal Cursos CPT

20 de ago de 2013

Olá, Evanir!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

O cogumelo do sol além de funcionar como poderoso coadjuvante no tratamento da hepatite C, na medida em que melhora o apetite dos pacientes, que costumam emagrecer muito durante o tratamento da doença. Também diminui os efeitos colaterais dos medicamentos antivirais, como fadiga e dores musculares.

Ela também é uma excelente fonte de proteínas e vitaminas, já que 100 gramas de cogumelo desidratado contêm 35 gramas de proteínas, além de ferro, fósforo, cálcio e vitaminas do complexo B.

(Fonte: Unesp)

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Manoel Inacio da silva

30 de mar de 2013

Estou fazendo uso do cogumelo do sol, estou me sentindo bem, melhorou a disposição, função sexual em tudo. Tomo três comprimidos por dia, no café da manhã, após o almoço e jantar. Tenho três embalagens com cento e vinte comprimidos cada acho que vou parar, tenho 60 anos estou muito bem. Posso parar ou devo continuar?

Resposta do Portal Cursos CPT

1 de abr de 2013

Olá, Manoel!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Recomendamos que procure seu médico para mais informações sobre como proceder.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Outros artigos relacionados à área Cogumelos Comestíveis

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade