WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Gosta de cerveja? Conheça as características da tipo LAGER

A cerveja tipo Lager foi desenvolvida a relativamente pouco tempo. Mas, em nível mundial, a ela é a mais produzida e vendida no mundo, chegando a 90% de toda a produção mundial

Gosta de cerveja? Conheça as características da tipo LAGER   Artigos CPT

A cerveja tipo Lager foi desenvolvida a relativamente pouco tempo. Mas, em nível mundial, a ela é a mais produzida e vendida no mundo, chegando a 90% de toda a produção mundial. Esse estilo de cerveja é amplamente produzido pelas grandes cervejarias e não pelos homebrewers que, na grande maioria dos casos, produzem cerveja do tipo ALE.

As leveduras desse tipo de cerveja realizam a fermentação em temperaturas mais baixas, entre 6°C e 12°C, e ela ocorre de forma mais lenta, além de decantar a levedura durante o processo fermentativo e, por isso, é chamada de cerveja de baixa fermentação. “Esse processo mais lento que deu origem ao nome lager, que vem do alemão lagern, e significa armazenar, refere-se ao maior período de maturação sob baixa temperatura, chamado de lagering”, afirma Dr. Alexandre Fontes Pereira, professor do Curso CPT Homebrew - A Arte de Fazer Cerveja em Casa.

A sua origem está na Baviera do século XIX, onde os mestres cervejeiros tinham por hábito guardá-las em caves muito frias, de modo a lhes darem certa maturação. Esse maior período de fermentação proporciona maior eliminação de muitos dos gostos gerados pela fermentação, garantindo uma cerveja mais suave, clara e gasosa. Esse processo também garante pouco aroma do lúpulo utilizado, dependendo do estilo.

Esse estilo de cerveja também possui algumas variações que dão origem a vários tipos de cerveja, mas quase todos de cor clara, com alto teor de gás carbônico, de sabor moderadamente amargo e conteúdo alcoólico entre 3°GL e 6°GL. Praticamente toda a produção de Lagers é impulsionada por somente 3 ou 4 estilos, sendo a principal a Pilsen e suas variantes. Elas apresentam cor clara (amarelo dourado ou palha). O sabor, geralmente, não tem notas marcantes, nem alta drinkability e, preferivelmente, devem ser consumidas em breve tempo e em temperaturas mais baixas (4-6°C), sendo, por isso, mais consumidas em locais de clima quente.

Existem outros tipos de Lager como: Bock, Doppelbock, Eisbock, Munchner Helles, Munchner Dunkel, Maibock, DryBeer, Export, Pilsener e Schwarzbier (cerveja preta). Vale ressaltar que a cor e a graduação alcoólica de uma cerveja não indicam se ela é uma Lager ou uma Ale, pois existem tanto Lager quanto ALE escuras e alcoólicas. Mas, de forma geral, as cervejas mais alcoólicas, frutadas e escuras são do tipo ALE.

Por serem de baixa fermentação, geralmente, em cervejas Lagers, a complexidade olfativa e gustativa virá dos maltes e lúpulos usados para a fabricação da cerveja, ao contrário de uma Ale, que confere aromas formados durante o processo de fermentação pela ação das leveduras Saccharomyces cerevisiae. Portanto, as principais características sensoriais de uma Lager são notas herbais, picantes, florais, cereais, caramelo, chocolate, café e algumas vezes defumadas (http://www.ocaneco.com.br/conheca-mais-sobre-ascervejas-lager-2/).

Esses dois principais tipos de cerveja dão origem a diversos estilos que podem ser caracterizados. É importante para todos os homebrewers conhecerem essas características, pois facilitam muito a escolha da receita a ser produzida, de acordo com o seu gosto. Esses estilos de cerveja são conhecidos e utilizados há mais de 4.000 anos, mas os conceitos modernos foram definidos, principalmente, a partir do livro World Guide To Beer de Michael Jackson e do livro The Essentials of Beer Style de Fred Eckhardt. Apesar de os tipos de cerveja considerarem os costumes locais, os ingredientes e o local de origem é a impressão empírica, dividida em elementos mais utilizados e importantes para caracterizá-los. Os principais elementos são: aparência, aroma, sabor, sensação na boca, força e a densidade.

Quer saber mais sobre o Curso CPT? Dê play no vídeo abaixo:


 

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia as matérias abaixo:


- Por que as cervejas têm de ser maturadas?
Leveduras para a fabricação de cerveja
Por que as cervejas tipo Lager são de baixa fermentação?

Conheça os Cursos CPT da área Treinamento Profissional.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!