WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Torne realidade o sonho de viver do que você ama! 20% OFF nos cursos online + 5% OFF pagando no cartão

Lixo orgânico? Conheça as fases da compostagem

As fases da compostagem do lixo são a triagem, a trituração, a homogeneização, a fermentação e a humificação ou maturação. Cada uma delas deve ser cuidadosamente manejada

Lixo orgânico? Conheça as fases da compostagem   Artigos Cursos CPT

 

As fases de processamento da compostagem do lixo são, basicamente, a triagem, a trituração, a homogeneização, a fermentação e a humificação ou maturação. “Cada uma delas deve ser cuidadosamente manejada, pois tem influência direta na qualidade do composto final”,afirma Maria Esther de Castro e Silva, professora do Curso CPT Compostagem de Lixo em Pequenas Unidades de Tratamento.

Fases de processamento


I- Triagem
A triagem reduz a quantidade de material que não se decompõe biologicamente, o que vale dizer, que aumenta a qualidade do produto final.

II- Trituração
A trituração deve transformar os resíduos em partículas com diâmetro entre 3 a 5 centímetros e essa diminuição do tamanho das partículas ativa o processo de fermentação, tomando o material mais vulnerável à ação das bactérias, pelo aumento da superfície exposta por unidade de volume.

III- Homogeneização
A homogeneização tem influência direta nas condições de aeração e de umidade. A aeração deve proporcionar o oxigênio indispensável para o trabalho de decomposição das bactérias, por processo aeróbio. Em excesso, provoca o ressecamento do material, devendo ser suficientemente dosada.

IV- Humificação e Fermentação
A umidade é outro parâmetro determinante das condições a serem respeitadas na produção de composto orgânico, pois afeta o metabolismo dos organismos responsáveis pela fermentação. É necessária à constituição das células desses organismos, dissolvendo os elementos nutritivos, tomando-os assimiláveis pelas bactérias.

O teor de umidade deve situar-se entre 30 e 60%, isso porque a umidade em excesso faz com que a água desloque o ar dos vazios que estes deveriam ocupar, provocando retardamento do processo e, em alguns casos, a decomposição pode até tornar-se anaeróbia. A falta de umidade toma os microrganismos desprovidos de água necessária ao seu metabolismo, impedindo, portanto, a sua atividade.

Quando é necessário proceder-se à correção da umidade, existem algumas técnicas que podem ser utilizadas:


-> A correção do excesso de umidade pode se realizar por aeração forçada, por reviramentos procedidos mecanicamente, ou por mistura com material seco.
->  A correção da falta de umidade, obviamente, é realizada pela irrigação.

A aeração das leiras pode ser feita por reviramento periódicos ou por aeração forçada. Em ambos os casos, algumas condições devem ser observadas quanto ao tamanho das partículas do lixo, teor de umidade, condições de aeração, dimensionamento das leiras, ciclo de reviramento, tempo de processamento e proteção sanitária da leira.

As leiras são dimensionadas com comprimentos variáveis, seção reta de forma triangular durante a fase ativa, podendo apresentar-se em forma de cones na fase de maturação. O comprimento pode ser estabelecido em função das dimensões disponíveis do pátio de compostagem.

Outros fatores influem no processamento, dentre eles os principais são a temperatura, o pH e a relação carbono nitrogênio. Esses fatores são indicativos do grau de fermentação dos resíduos.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- O que é e para que serve a compostagem do lixo orgânico?
- Vai reciclar? Conheça os tipos mais utilizados de sobras

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos CPT da área Meio Ambiente.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!