WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Horta - como plantar Vagem (Phaseolus vulgaris)

Horta - como plantar Vagem (Phaseolus vulgaris)

 

A Vagem (Phaseolus vulgaris) é uma planta anual leguminosa, rica em cálcio, ferro e fósforo, além de grande quantidade de vitaminas A e C. Trata-se de uma herbácea de caule flexível com folhas compostas verdes e flores branco-avioletadas, seguidas de frutos do tipo vagem. Podemos encontrar as plantas anãs e as trepadeiras, esta última podendo atingir até 3,0m de comprimento.

Pelo país todo encontramos diferentes variedades, adaptadas às regiões. Entre elas, citamos as variedades Brasília, Andra e Argus como a do tipo de Vagem cilíndrica e Mimoso, Chata e Maravilha como as de Vagem achatada. É utilizada cozinha, em sopas e em outras receitas. Os frutos podem ser tipo macarrão, de Vagens cilíndricas e as de Vagem achatadas.

Planta anual, pertencente à família Fabaceae (Ieguminosae). Originária da América do Sul, provavelmente do sul do Brasil e regiões do Paraguai, daí, por volta de 1540 foi para a Europa e espalhou por todo o mundo Suas vagens são tenras e utilizadas na alimentação humana cozidas ou em forma industrializada (congelada e em conserva). E a principal leguminosa hortícola.

É hortaliça própria de clima quente para ameno, com temperatura variando entre entre 20 e 25ºC. Não gosta de frio intenso ou geadas. Os ventos, durante a floração, prejudicam a polinização ou promovem a queda de flores por desidratação. Evitar solos muitos argilosos, rasos e com baixos teores de matéria orgânica. Os solos argilosos causam maior apodrecimento de sementes. O solo deve ser fértil e ter acidez de média a fraca.

Como plantar Vagem

1. Nas regiões mais quentes do país, o plantio fica nos meses de abril a junho, nas regiões frias de agosto a março. Nas regiões de clima ameno podem cultivar o ano todo.

2. A planta não tolera geadas nem ventos frios. O vento forte prejudica a polinização e pode ocasionar a queda das flores por falta de água.

3. Necessita de alta luminosidade, com luz solar direta pelo menos algumas horas por dia.

4. Cultive em solo bem drenado, fértil e rico em matéria orgânica. A planta forma uma associação simbiótica com bactérias conhecidas como rizóbios ou rhizobium, capazes de fixar o nitrogênio do ar no solo como amônia, provendo o nitrogênio necessário para a planta e ainda enriquecendo o solo com este elemento.

5. Para cultivar a Vagem recomenda-se colocar 3 ou 4 sementes nas covas, com profundidade de 2,5 cm e espaçamento de 50 cm entre elas e de 1 metro entre as linhas.

6. Cobrir com terra peneirada e regar. Regar todos os dias. Irrigue de forma a manter o solo sempre úmido, sem que permaneça encharcado.

7. Quando as plantas estiverem com 3 ou 4 folhas, deve-se fazer a raleação, deixando apenas as duas mais fortes e saudáveis.

8. O solo necessita ser capinado com frequência, a fim de protegê-lo de ervas invasoras, pragas e doenças.

9. A colheita poderá ser feita 70 dias após o plantio.

10. Pode ser consorciada com hortaliças, como milho, pepino, rabanete, nabo e cenoura; podendo fazer rotação com hortaliças de outras famílias e de variedades que resistem ao calor (cenoura, tomate, batata, etc.)

Aprimore seus conhecimentos acessando os Cursos CPT, da área Horticultura, entre eles o Curso Horta Caseira - Implantação e Cultivo, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas.

Entre os mais comuns, fáceis de serem cultivados e manejados, listam-se os seguintes vegetais listados nos links de referência abaixo. Clique e confira!

Horta - vegetais cultivados em pequena quantidade para o consumo próprio

Abobrinha (Cucurbita pepo L.)

Acelga (Beta vulgaris cicla)

Agrião (Nasturtium officinale)

Alcachofra (Cynara cardunculus subsp scolymus)

Alface (Lactuca sativa)

Alho Poró (Allium porrum)

Almeirão (Cichorium intybus)

Aspargo (Asparagus setaceus)

Bardana (Arctium lappa)

Batata (Sclanum tuberosum)

Berinjela (Solanum melongena)

Beterraba (Beta vulgaris)

Brócolis (Brassica oleracea)

Cebola (Allium Cepa L.)

Cenoura (Daucus carota)

Chicória (Cichorium endivia)

Couve (Brassica oleracea)

Couve-flor (Brassica oleracea var. botrytis L.)

Ervilha (Pisum sativum)

Espinafre (Spinacia oleracea)

Fava (Vicia faba)

Grão-de-bico (Cicer arietinum L.)

Inhame (Colocasia esculenta)

Mandioquinha (Arracacia xanthorrhiza)

Mostarda (Sinapis alba)

Nabo (Brassica rapa L.)

Ora-pro-nóbis (Pereskia aculeata Miller)

Pepino (Cucumis sativus)

Pimentão (Capsicum annuum)

Quiabo (Abelmoschus esculentus)

Repolho (Brassica oleracea var. Capitata L.)

Serralha (Sonchus oleraceus)

Taioba (Xanthosoma sagittifolium)

Tomates (Solanum lycopersicum)

Por Silvana Teixeira

Fontes: Hortamiga, nplantas, Portal do Jardim, Globo Rural, Globo Rural, Jardinaria, O Meu Jardim, Site Unimed, Frutas no Brasil, Saberes do Jardim, Vovó que ensinou, Horta em Casa, Como Fazer Tudo, Portal São Francisco

Horta - como plantar Vagem (Phaseolus vulgaris)

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Jose Ribas

31 de mai de 2019

Muito rica a matéria.

Resposta do Portal Cursos CPT

3 de jun de 2019

Olá José Ribas,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Ficamos felizes em saber que gostou do conteúdo apresentado em nosso artigo.

Atenciosamente,
Victor Sampaio

Edson Ribeiro Santana

15 de mai de 2019

Gostaria de mais informações sobre o plantio de vagem. Tenho interesse no produto.

Resposta do Portal Cursos CPT

15 de mai de 2019

Olá Edson Ribeiro Santana,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Em breve, uma das nossas consultoras entrará em contato com informações e esclarecimentos sobre o curso que será de suma importância para você conseguir se destacar com a produção de vagem, e outros vegetais.

Atenciosamente,
Victor Sampaio

 

maristela

6 de fev de 2018

Pretendo plantar vagem e quiabo, se puder me indicar onde tem produtor para obter mais informações, obrigado.

Resposta do Portal Cursos CPT

7 de fev de 2018

Olá Maristela,

Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

José Salvino

31 de mar de 2016

Qual o melhor tipo, anã ou trepadeira, qual apresenta melhor produção?

Resposta do Portal Cursos CPT

31 de mar de 2016

Olá José Salvino,

Isto vai depender de como será sua produção e qual o tamanho da mesma.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

SONIA SANTORO

7 de abr de 2015

Boa tarde... Onde posso encontrar semente de vagens charas trepadeiras? grata Sonia

Resposta do Portal Cursos CPT

9 de abr de 2015

Olá, Sônia!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Recomendamos que procure por estas sementes em casas especializadas em produtos agrícolas.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

jesus

11 de mai de 2014

GOSTEI MUITO DA MATÉRIA. GOSTARIA DE SABER QUAIS PRAGAS ATINGEM A PLANTAÇÃO DE VAGEM? E COMO COMBATER?

Resposta do Portal Cursos CPT

12 de mai de 2014

Olá, Jesus!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

As principais pragas que atingem a produção de vagem são:

- Cigarrinha-verde: Como medida de controle é recomendável evitar o plantio de cultivares muito sensíveis, como a 'Jalo', por exemplo. Na maioria dos casos, a única alternativa é a utilização de produtos químicos, entre os quais os inseticidas sistêmicos, aplicados no ato da semeadura, têm sido os mais eficientes.

- Percevejos: Como medida de controle é recomendada a aplicação de produtos químicos.

- Ácaro-branco: A infestação inicial ocorre em reboleiras, o que faz que as folhas do feijoeiro enrolem para cima. Posteriormente, a face inferior da folha torna-se bronzeada, e a superior, verde-escura. Em altas infestações, as folhas tornam-se coriáceas e quebradiças, e o ataque pode atingir as vagens que ficam bronzeadas e retorcidas.

- Lesmas: O controle das lesmas pode ser realizado com iscas contendo produtos químicos.

- Carunchos: O controle químico com fosfeto de alumínio tem se mostrado eficiente. Em pequenas quantidades, o armazenamento dos grãos dentro de garrafas tipo pet é também uma boa forma de evitar o ataque e desenvolvimento dessa praga.

Para mais informações sobre o controle desta pragas, recomendamos que procure um engenheiro agrônomo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!