Tratos culturais para o cultivo do morango

Influência climática e drenagem do solo são de grande importância para o sucesso da cultura

Em locais mais quentes, os morangos possuem acidez mais elevada e, nos ambientes de clima mais ameno, os frutos são mais adocicados.

O morango é uma planta herbácea, rasteira, de pequeno porte e perene. Propaga-se por estolhos e suas folhas são compostas por folíolos e flores brancas ou róseas. O morangueiro prefere ambientes com temperatura amena e, para a polinização, as abelhas são extremamente importantes.

A fruta possui poucas calorias e muitas fibras, além de bioflavonoides que ajudam a evitar alguns tipos de câncer. É também uma grande fonte de vitamina B1 e C, de cálcio, fósforo, ferro e magnésio. Nativo da América, o morango se espalhou pelo mundo, principalmente na Europa, devido a sua facilidade de produção.

O professor Dr. Afonso Peche, pesquisador do IAC – Instituto Agronômico de Campinas e coordenador do curso Produção de Morango Orgânico, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, afirma que “a influência do clima no plantio de morangos é de grande importância tanto na formação de mudas como na produção de frutos”.

Segundo Peche, em locais mais quentes, os morangos possuem acidez mais elevada e, nos ambientes de clima mais ameno, os frutos são mais adocicados, firmes e com aroma mais acentuado.

Outro fator climático que influencia o desenvolvimento da planta é o “comprimento do dia” ou “fotoperíodo”. Em dias mais longos, como no final da primavera e no verão, os cultivares de dias curtos tendem a vegetar, formando estolhos. Já em dias menores, a frutificação é estimulada.

Quanto aos solos, o professor Peche ensina, no curso do CPT, que “o morangueiro prefere solos levemente ácidos, com pH na faixa de 5,5 a 6,0”. Peche acrescenta que para o sucesso da cultura é interessante que a terra esteja rica com matéria orgânica e textura areno-argilosa.

A drenagem do solo é um fator muito importante, pois a planta não tolera um mínimo de encharcamento. Por isso, Peche ressalta que é importante verificar a presença  de manchas no solo e promover as análises individuais sempre que necessário.

Por: Ariádine Morgan

Curso CPT - Produção de Morango Orgânico

 

Cursos Relacionados

Curso Produção de Morango Orgânico Curso Produção de Morango Orgânico

Com Prof. Dr. Afonso Peche, Prof. Aurélio Carpalhoso e Prof. José Dahir

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo Orgânico de Brócolis, Couve-Flor e Repolho Curso Cultivo Orgânico de Brócolis, Couve-Flor e Repolho

Com Prof. Dr. Jacimar Souza

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo Orgânico de Gengibre, Taro e Inhame Curso Cultivo Orgânico de Gengibre, Taro e Inhame

Com Prof. Carlos Alberto e Prof. Dr. Jacimar Souza

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo Orgânico de Citros Curso Cultivo Orgânico de Citros

Com Prof. Paulo Antônio

R$ 386,00 à vista ou em até 12x de R$ 32,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Mais Notícias sobre diversas áreas do conhecimento

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade