WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Torne realidade o sonho de viver do que você ama! 20% OFF nos cursos online + 5% OFF pagando no cartão

Poda de árvores deve respeitar as características da planta

A ideia principal é elevar a copa, promovendo o crescimento em altura

O importante, na fase de formação, é garantir que a árvore tenha o formato ideal.

As árvores precisam ter seu crescimento controlado por meio de podas. Por terem características próprias, que devem ser respeitadas, o corte dessas se difere dos demais. O principal controle é quanto a altura da ramificação de galhos e da copa, que vão permitir circulação abaixo e em torno das mesmas. Pode-se, também, fazer a manutenção da forma.

O importante, na fase de formação, é garantir que a árvore tenha o formato ideal. Por isso, de acordo com o professor Eduardo Elias S. dos Santos, no curso Treinamento de Jardineiro, desenvolvido pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, “é preciso serrar os galhos baixos e aqueles direcionados para baixo. A ideia principal é elevar a copa, promovendo o crescimento em altura. Serre os galhos o mais rente possível ao caule, para que não sobrem tocos secos ou podres, que possam causar problemas à planta, dificultando a cicatrização do corte”.

A poda de limpeza tem como objetivo a retirada de galhos secos, os que quebraram com o vento e aqueles que tem risco de cair. Tanto para árvores quanto para arbustos, recomenda-se tratar o local onde foi feita a poda.

“Aplique pasta bordalesa, que atua protegendo a planta de doenças, com a ajuda de um pincel. Também o hidrofosfalto, produto usado na impermeabilização de lajes, que controla fungos e insetos, vedando o local e, dessa maneira, não permite a passagem da água e acelera a cicatrização”, acrescenta o professor, engenheiro florestal, especialista em plantas ornamentais, jardinagem e paisagismo.

A aplicação desta substância é feita com pincel e deve ocorrer não somente imediatamente após o corte, como também até que a cicatrização se concretize, em intervalos de três em três meses, se possível.

Curso CPT - Treinamento de Jardineiro

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Geraldo

5 de dez de 2019

A sibipuruma perdeu as folhas e os galho ficaram parcialmente secos,tem 5 meses que aconteceu isso .Hoje 02/12/19,ainda esta assim. O que fazer?

Resposta do Portal Cursos CPT

19 de dez de 2019

Olá,Geraldo

Tudo bem?

Recomendamos que procure um agrônomo especializado em sua região para que o mesmo possa orientá-lo de forma mais eficiente.

Atenciosamente,

Erika Lopes

Vania ipiranga

25 de fev de 2019

Quando comeca esse curso e o que e necessario pra fazer a inscricao

Resposta do Portal Cursos CPT

25 de fev de 2019

Boa tarde, Vania!

Obrigada pela sua visita e comentário em nosso site. Em breve, nossas consultoras entrarão em contato para maiores esclarecimentos.

Atenciosamente,

Lorena Tolomelli

vanessa

19 de jul de 2013

e se eu querer fazer o contrario, quero que minha sibipiruna não fique tão alta gostaria de poda-la para que fique com o caule e os galhos baixos para as crianças terem melhor acesso a subida da árvore . pode me ajudar? obrigado!

Resposta do Portal Cursos CPT

24 de jul de 2013

Olá, Vanessa!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Para que isto aconteça, na fase de formação você não deve serrar os galhos mais baixos e nem os direcionados para baixo. Se você serrá-los, estará elevando a copa, e promovendo o crescimento da planta em altura.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!