WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Arborização urbana neutraliza muitos efeitos negativos do crescimento das cidades

Além do benefício estético estão a proteção contra ventos, a absorção de parte dos raios solares e da poluição atmosférica

 

Qualquer planta só adquire pleno desenvolvimento em clima apropriado, caso contrário, poderá ter alterações no porte, floração e frutificação.

 

Atualmente, a maioria da população vive no meio urbano, necessitando, cada vez mais, de condições que possam melhorar a convivência. A arborização urbana proporciona, além da função paisagística, benefícios à população, como proteção contra ventos; absorção de parte dos raios solares; diminuição da poluição sonora; sombreamento; ambientação aos pássaros e absorção da poluição atmosférica, neutralizando os seus efeitos na população.

Para o bom desenvolvimento dessa atividade da gestão urbana, vários fatores devem ser levados em consideração, para que uma árvore seja bem estabelecida nas ruas das cidades.

Qualquer planta só adquire pleno desenvolvimento em clima apropriado, caso contrário, poderá ter alterações no porte, floração e frutificação. Deve-se evitar, portanto, o plantio de espécies cuja aclimatação não seja comprovada.

A recomendação do professor Dr. Wantuelfer Gonçalves, no curso Arborização Urbana, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, é não utilizar plantas nas ruas estreitas, ou seja, aquelas com menos de sete metros de largura. “Quando essas forem largas, deve-se considerar, ainda, a largura das calçadas, de forma a definir o porte da árvore a ser plantada”, diz o professor, doutor em estruturas urbanas e paisagismo.

É aconselhável, também, verificar a fiação elétrica da aérea, a passagem dos veículos e dos pedestres, para que a copa da planta a ser inserida não interfira. Outro problema que pode ser evitado com a escolha ideal da vegetação são as raízes, que por serem muito largas e extensas, acabam danificando ruas, acostamentos e calçadas.

Por: Ariádine Morgan

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!