Água: recurso farto e renovável

A água é um recurso renovável, constante e suficiente para suprir todas as necessidades da humanidade

Água: recurso farto e renovável

 

O Planeta Terra é composto por 97,5% de água salgada e apenas 2,5% de água doce. Dos 2,5%, apenas 0,5% é usada para o consumo humano e animal, pois 2% de água doce permanece congelada nas calotas polares do Globo Terrestre. Além disso, desse montante, 20% são águas subterrâneas, de difícil acesso; e 1%, águas superficiais, de fácil acesso. Dessa pequena parcela, 52% são lagos; 38% estão retidas no solo; 8% estão na atmosfera; 1% refere-se aos rios; e 1%, aos organismos vivos.

As águas superficiais vêm de nascentes localizadas em propriedades rurais, nas chamadas bacias de cabeceira. Por isso, a preservação ambiental desses locais torna-se imprescindível, pois proporciona qualidade e a quantidade do recurso água.

Quando falamos em consumo de água pela humanidade, a preocupação torna-se ainda maior, pois a densidade populacional do planeta aumenta ano após ano. Por isso, atualmente, prima-se por seu aproveitamento de forma sustentável.

Um meio de captação de água para suprir as necessidades populacionais do planeta são os lençóis de águas subterrâneas, já que deles obtêm-se consideráveis volumes de água apropriada para o consumo humano. Essa captação pode ser feita por meio da perfuração de poços freáticos, semiartesianos e artesianos.

O volume de água armazenada nos lençóis subterrâneos corresponde a duas mil vezes o volume dos nossos rios. Portanto, os lençóis de água subterrânea podem ser considerados uma excelente fonte de abastecimento de água doce para ser utilizada pelo homem.

Na Europa, 75% de sua população é abastecida com água subterrânea, sendo que o volume de água captado do subsolo de alguns de seus países supera os 90%.

Um outro fator importante, quando falamos em água, é que esse maravilhoso elemento é um recurso renovável, constante e suficiente para suprir todas as necessidades da humanidade. Essa renovação ocorre no ciclo hidrológico.

Durante o ciclo hidrológico, a água que evapora do solo e das superfícies líquidas, assim como a transpirada pelos vegetais, vai para a atmosfera, formando nuvens que se precipitam como chuva. Ao atingir o solo, parte da água segue os rios, lagos e mares e o restante penetra o solo.

A parte da água da chuva que infiltrou no solo equivale à parcela de água do ciclo hidrológico responsável por abastecer os aquíferos, conhecidos como lençóis de água subterrânea constituídos por água doce.

No Brasil, possuímos o aquífero Guarani, totalizando 33 mil quilômetros cúbicos de água doce subterrânea. Esta abastece 80% dos municípios paulistas. Na região do Amazonas, temos o maior aquífero do mundo, chamado Alter do Chão. Seu volume de água poderia suprir a população mundial por 100 anos.

Entretanto, para que esse volume todo de água doce potável não se esgote, o homem deve preservar a natureza, não poluindo o solo nem perfurando poços clandestinos, pois isso contamina os lençóis de água subterrânea, tornando-a imprópria para o consumo.

Por Andréa Oliveira.

Confira os cursos da área Meio Ambiente.

Cursos Relacionados

Curso Tratamento de Água no Meio Rural Curso Tratamento de Água no Meio Rural

Com Prof. Francisco Viana

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Recuperação e Conservação de Nascentes Curso Recuperação e Conservação de Nascentes

Com Prof. Dr. Paulo Sant’Anna

R$ 412,00 à vista ou em até 12x de R$ 34,33 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Perfuração de Poços Artesianos e Semiartesianos Curso Perfuração de Poços Artesianos e Semiartesianos

Com Prof. Francisco Markowicz Júnior e Prof. Joaquim Aurélio Gomes

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Outros artigos relacionados à área Meio Ambiente

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade