WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Torne realidade o sonho de viver do que você ama! 20% OFF nos cursos online + 5% OFF pagando no cartão

Como devo armazenar queijos?

Cada tipo de queijo deve ser armazenado de uma forma, para manter sua textura e sabor

Queijo - imagem ilustrativa

O queijo é um laticínio bastante popular e que está presente na mesa de famílias por todo o mundo. Há uma grande variedade desse tipo de alimento, que é feito a partir do leite de vacas, cabras, ovelhas, búfalas e outros mamíferos, a partir da coagulação. Está disponível no mercado para os diversos gostos, desde os mais suaves até os que possuem sabor mais marcante.

Juliano Gomide Souza, professor do Curso CPT Instalação de Queijaria e Controle de Qualidade, explica que as diversas formas de produção de queijos são processos que requerem uso de boas técnicas de fabricação, para que os produtos sejam de qualidade e conquistem o mercado consumidor.

No entanto, esse tipo de alimento é mais delicado e demandam total atenção ao serem armazenados, para que não se deteriorem e se tornem impróprios para o consumo humano. De forma e evitar esse problema, garantir o sabor e a textura, deve-se estar atento a algumas recomendações:

Queijos suaves

Queijos suaves, como o prato, a muçarela e o estepe, dever ser envolvidos em papel filme após serem abertos, consumindo-os em até cinco dias. Caso o pedaço armazenado ainda esteja dentro do prazo de validade, mas apresente alguns pontos de mofo superficiais, é possível retirar esses pontos e consumir o restante.

Queijos frescos

Os queijos frescos possuem muita umidade e só podem ser expostos ao ambiente pouco tempo ante do consumo, sendo crucial voltá-los à geladeira o mais rápido possível. São exemplos desse tipo, a ricota, o cottage, a muçarela de búfala e o minas frescal. Desse último, deve-se retirar o soro que ele acumula e seu armazenamento tem que ser feito com ele tampado. Os outros também podem ser envolvidos em papel filme para que não ressequem.

Queijos de mofo azul

O gorgonzola, tipo mais popular dos queijos de mofo azul, também deve ser envolvido em papel filme ou até papel alumínio, o que ajudará a manter a sua textura e também fará com que sua vida útil seja maior.

Queijos de mofo branco

Os diferentes queijos que possuem crosta aveludada branca na superfície, devem ser embalados novamente no papel branco em que vêm embalados, após abertos. Esse tipo de papel tem a finalidade de manter essa crosta e proteger o queijo da deterioração. Deve ser armazenado na geladeira e consumido em até 5 dias. De forma natural, esse tipo de queijo costuma ter o mofo branco espalhado na sua superfície e seu sabor tende a ficar mais forte.

Queijos duros e maturados

Parmesão, reino e provolone, por exemplo, podem ser armazenados em locais frescos e arejados durante o prazo de validade. A conservação na geladeira faz com que a vida útil deles seja maior e, após abertos, devem ser embalados em papel filme. Como são duros, isto é, não possuem umidade, o prazo de consumo, mesmo após abertos, é maior.

Queijos fundidos e processados

O armazenamento desse tipo de queijo deve seguir o “clima” do local onde ele foi comprado. Em outras palavras, se você compra um queijo fundido ou processado de uma gôndola climatizada, ele deve ser armazenado em um ambiente climatizado. Caso esteja exposto “ao tempo”, pode ser armazenado fora da geladeira, nas mesmas condições.

É importante estar atento às orientações das embalagens para que o armazenamento seja feito de forma adequada, bem como armazenar o produto na embalagem original, se assim estiver especificado.

Queijos que forem congelados podem perder a textura e sabor originais.

 


Conheça os Cursos CPT da Área Laticínios:

Instalação de Queijaria e Controle de Qualidade
Produção de Queijo Minas Frescal, Muçarela e Gouda
Produção de Queijo Minas Padrão, Prato e Provolone

Fonte: Ipanema – queijosipanema.com.br/queijolatras/
por Renato Rodrigues

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Infográfico Como Montar um Minilaticinio

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!