WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Black Friday 30%OFF nos cursos online 15% OFF nos cursos em livro+DVD + 5% OFF extra no cartão de crédito

Os benefícios do vinho: mitos e verdades

Muita polêmica permeia em torno dos benefícios do vinho; por isso, é preciso esclarecer as verdades e os mitos sobre a bebida

Muita polêmica permeia em torno dos benefícios do vinho; por isso, é preciso esclarecer as verdades sobre tais benefícios, bem como os mitos sobre o consumo da bebida

 

Muitos acreditam que a origem do vinho data de 8000 a 6.000 a.C. Indícios arqueológicos, que evidenciam sua produção pelos povos antigos, foram encontrados em inúmeros países do mundo. Entre eles, Geórgia, Turquia e China. A verdade é que, século após século, a bebida disseminou-se pelo mundo, conquistando os mais apurados paladares. Da mesma forma, alguns mitos foram nascendo em torno da bebida, como o consumo diário para combater o câncer, ou ainda como o elixir da juventude. Entretanto, pesquisas recentes questionam tais benefícios, pois ainda não foram comprovadas cientificamente.

Com base no consenso entre os pesquisadores e em estudos recentes, elencamos alguns mitos e verdades sobre essa deliciosa bebida.

MITOS

→Muitos afirmam que o vinho desencadeia a cefaleia. Isso é um mito, pois o consumo exagerado da bebida, além da má qualidade, é que podem gerar dor de cabeça no dia seguinte. Vinhos de baixa qualidade possuem grande quantidade de sulfitos, conservantes muito utilizados pela indústria. Estes promovem a contração dos vasos sanguíneos, ocasionando a cefaleia. Uma dica para evitar esse mal é consumir, junto ao vinho, uma boa quantidade de água, para hidratar o organismo.

→Cientistas descobriram uma substância considerada o elixir da juventude, conhecida como  resveratrol. Entretanto, a quantia de resveratrol presente no vinho tinto é insuficiente para promover a longevidade do indivíduo, embora promova outros benefícios, como diminuição do açúcar no sangue e estimulante muscular. Para prolongar a vida, seriam necessárias várias garrafas de vinho por dia. Isso seria inviável já que, sendo o vinho uma bebida alcoólica, o seu consumo em excesso geraria mais males do que benefícios à saúde.

VERDADES

→O vinho tinto beneficia o sistema cardiovascular do indivíduo, pois contém substâncias que afinam o sangue. Dentre as inúmeras vantagens, temos: prevenção de enfarte e AVC (Acidente Vascular Cerebral), pois evita a coagulação sanguínea e reduz a adesão de plaquetas, prevenindo o entupimento de uma coronária. Recomenda-se uma taça de 125ml por dia, contanto que seja um vinho de qualidade.

→Como é uma bebida alcoólica, o consumo de vinho tinto ou branco não é recomendado para as grávidas. Embora os cientistas ainda não comprovaram danos ao bebê, as gestantes não devem consumir quaisquer tipos de bebida que contenham álcool, inclusive o vinho.

→Cientistas descobriram algumas substâncias benéficas no vinho tinto, conhecidas como polifenóis, que são elementos naturais encontrados na casca e na semente da uva. Estes possuem inúmeros benefícios, como ação antibiótica e antioxidante, além da prevenção de placas de gordura nas artérias, reduzindo o LDL (colesterol ruim) e aumentando o HDL (colesterol bom). Entretanto, deve-se consumir a bebida com moderação, já que é uma bebida alcoólica e o álcool é nocivo à saúde.

Fonte: Uol Notícias e Wikipédia.

Por Andréa Oliveira.

 

 

 

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Vinho - como escolher, pedir e harmonizar no restaurante

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!