WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

6 subprodutos da agroindústria para alimentação do gado

Farelo de milho, polpa cítrica e bagaço de cana são bons exemplos de subprodutos da agroindústria para alimentação do gado

6 subprodutos da agroindústria para alimentação do gado

Bovinos em confinamento ou a pasto podem receber como alimentos subprodutos da agroindústria, pois se trata de uma prática com viabilidade técnica e econômica. Além de investir menos em ração, o pecuarista mantém o bom desempenho produtivo do gado. Farelo de milho, triguilho, resíduos de soja, polpa cítrica, melaço e bagaço de cana são exemplos de produtos secundários da fabricação de produtos agrícolas, que podem ser fornecidos ao gado.

1. Farelo de milho


O farelo de milho é obtido da produção de amido de milho. O farelo de glúten de milho 22 vem de parte da membrana externa do grão de milho, do gérmen e do glúten. Ele é constituído de 22% de proteína e energia semelhante à do sorgo, mas com palatabilidade média. Já o farelo de glúten de milho 60 vem do resíduo seco de milho, constituído de maior porcentagem de proteína e energia, mas com baixa palatabilidade.

2. Triguilho


Após a colheita do trigo, ele passa pelo processo de limpeza, que elimina os grãos pequenos, quebrados e chocos. Juntos, esses resíduos do trigo recebem o nome de triguilho utilizado na alimentação do gado. Embora apresente valor nutricional similar ao do milho, o triguilho apresenta maior porcentagem de proteína. A proteína bruta varia entre 13% e 14%, enquanto a fibra bruta em torno de 2,7% e 3,0%.

3. Resíduo da soja


Da extração da soja na agroindústria, surge uma parte residual constituída de fragmentos e cascas de soja. Sua composição é de 17% de proteína e 29% de fibra bruta e, por isso, pode ser adicionada à dieta do gado. Além disso, o resíduo de soja abrange 80% do valor energético do milho e apresenta pectina (fibra) com cerca de 90% de digestibilidade. Ele pode corresponder a, no máximo, 20% da ração dos bovinos.

4. Polpa cítrica


A polpa cítrica vem da fabricação de suco concentrado de citros, principalmente laranja. Constituída do descarte de frutas, bagaço, sementes e casca, esse subproduto apresenta propriedades energéticas semelhantes às do concentrado e propriedades fermentativas similares às do volumoso. Sua digestibilidade de matéria seca ultrapassa à do milho laminado. Sem falar que é um alimento rico em fibra digestível e energia.

5. Melaço da cana


O melaço da cana vem do refino e da industrialização do açúcar. Sua consistência lembra a do xarope, com odor típico e cor escura. Além disso, ele é considerado um alimento energético devido à porcentagem de açúcar (55%). Entretanto, apresenta baixa quantidade de proteína (2,8%). A recomendação é de 6,0 Kg de melaço por dia (por animal). Sua ministração na dieta deve ser gradual até a adaptação do bovino.

6. Bagaço da cana


O bagaço da cana é constituído de 30% da cana moída. Embora apresente baixo valor nutricional e baixa digestibilidade (30%), esse subproduto pode ser fornecido ao gado contanto que passe por tratamento. Trata-se da hidrolise do bagaço, que rompe a ligação entre a lignina e a celulose. Com isso, a lignina indigesta é eliminada pelo trato gastrointestinal do bovino e a celulose, aproveitada como energia.

Conheça os Cursos CPT da Área Pastagens e Alimentação Animal:

Cultivo de Milho Hidropônico - Para Alimentação Animal

Produção de Feno

Produção e Utilização de Silagem

Fonte: Rural Centro

Por Andréa Oliveira

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Alimentação de Gado de Corte

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!