Frangos e galinhas caipiras - dicas de manejo para o sucesso do empreendimento

Manejo são as práticas de manuseio das aves. São normas do processo de criação de frango e galinha caipira que, quando bem empregadas, podem explicar o sucesso do negócio

Frangos e galinhas caipiras: dica de sucesso para o empreendimento   Artigos Cursos CPT
Dicas de sucesso para a criação de frangos e galinhas caipiras   Artigos Cursos CPT
Aqueles que pretendem trabalhar com a criação de galinhas e frangos caipiras devem considerar o sistema de manejo da criação que engloba desde a chegada dos pintos

Aqueles que pretendem trabalhar com a criação de galinhas e frangos caipiras, não podem deixar de considerar o sistema de manejo da criação que, por sua vez, engloba desde a chegada dos pintos até a fase de abate.

Manejo são as práticas de manuseio das aves, buscando e respeitando o que lhes é mais adequado. São normas do processo de criação de frangos e galinhas caipiras que, quando bem empregadas, podem explicar o sucesso do negócio.

“Se não empregadas, por sua vez, explicam o fracasso do empreendimento e o prejuízo do produtor”, afirma o professor Luiz Fernando T. Albino, do curso Criação de Frango e Galinha Caipira, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

Manejo sanitário


O manejo sanitário, inserido dentro do manejo geral, por sua vez, é a limpeza e desinfecção das instalações e dos equipamentos do aviário. Dentro deste tipo de manejo, é fundamental que o produtor elimine, por exemplo, a cama do lote anterior já que a cama constitui altíssimo fator de contaminação.

Os focos de contaminação, do lote anterior, também devem ser removidos. Nesta etapa o produtor deverá retirar todos os traços de matéria orgânica, tanto das instalações como dos equipamentos, limpar a instalação hidráulica e as caixas d’ águas e realizar o combate aos ratos.

Considera-se fator essencial para o sucesso do empreendimento que os criadores saibam sobre as principais doenças que recaem sobre as galinhas e os frangos caipiras, dos tipos de vacinas em massa e individual, das formas de aplicação e recomendações quanto ao planejamento da vacinação. Sem estes conhecimentos básicos, todo o empreendimento estará em perigo.

Dicas de sucesso para a criação de frangos e galinhas caipiras: vazio sanitário   Artigos Cursos CPT
O manejo sanitário é, entre outras coisas, a limpeza e desinfecção das instalações e dos equipamentos do aviário

Vacinação


O manejo adequado das vacinas implica em elaborar o cronograma de vacinação dos lotes com base no número de aves e o consequente número de doses e diluições necessárias, seguindo-se as recomendações do fabricante quanto às vias de aplicação, conservação e validade.

Vale lembrar que a vacinação poderá trazer certos incômodos às aves, tais como reações respiratórias e digestivas ou, ainda, queda na velocidade de crescimento, mas estes sintomas desaparecerão naturalmente.

As vacinas serão aplicadas de forma individual ou massal, dependendo do que se pretende prevenir, do tipo de medicamento e das condições de aplicação. A aplicação individual poderá ser ocular, pingando-se uma a duas gotas no olho da ave, ou injetável. Ambas são demoradas e exigem muita paciência e mão de obra, principalmente quando em grandes plantéis. Quando bem feitas, conferem excelentes resultados.

A aplicação massal pode ser via nebulização, utilizada principalmente no controle de doenças respiratórias, ou via água de bebida. Trata-se de uma forma bastante prática de vacinação em larga escala; porém, deve ser criteriosa, pois as chances de dosagens insuficientes ou de inativação são muito grandes.

Vazio sanitário


É importante que os criadores nunca desrespeitem a fase do vazio sanitário. Esta fase também é primordial para o sucesso do empreendimento. Trata-se do espeço de 21 dias desde a saída de um lote até a entrada do lote seguinte, necessário para o descanso da instalação.

Dicas de sucesso para a criação de frangos e galinhas caipiras: pintinhos   Artigos Cursos CPT
Para os pintinhos, o ambiente quente é fundamental para a sobrevivência, eles devem ficar juntos e bem aquecidos

Manejo dos pintos


Logo que chegam à granja os pintos são tratados com todo o cuidado, pois ainda são muito frágeis. Principalmente em relação ao calor, já que os pintos são animais pecilotérmicos, ou seja, não têm capacidade de regular a temperatura corporal própria, tendo a temperatura do corpo igual a do ambiente.

Quando crescem, o sistema termorregular se desenvolve e passam a ser animais homeotérmicos, quando mantêm a temperatura do corpo constante, independente da temperatura do ambiente. Para os pintinhos, o ambiente quente é fundamental para a sobrevivência, eles devem ficar juntos e bem aquecidos, o que se obtém com a utilização de um cercado, chamado círculo de proteção.

A finalidade do círculo é concentrar o calor e manter os pintos sempre próximos à fonte de calor. A  campânula é a fonte artificial de calor mais utilizada nesta fase e a observação constante do comportamento dos pintos é a maneira mais eficaz de se verificar se os pintos estão ou não bem aquecidos.

Conforto ambiental


O conforto ambiental é essencial para a produtividade do plantel, uma vez que a galinha caipira utiliza 80% da energia ingerida para manter a homeotermia, e apenas 20% para a produção. Tanto em ambiente com temperatura mais alta do que o apropriado, quanto em temperaturas mais baixas, as aves necessitaram “regular” a sua temperatura, demandando gastos de energia que poderiam estar sendo aproveitados na produção.

No calor, as aves procuram sombra, lugares frescos, expõem-se mais ao vento, e preferem pisos mais frios, aumentando o consumo de água e diminuindo o consumo de alimentos. Já no frio, as aves buscam o sol, procuram lugares quentes, fogem do vento e preferem os pisos mais quentes, diminuindo o consumo de água e aumentando o consumo de alimentos.

Dicas de sucesso para a criação de frangos e galinhas caipiras: sistema de criação   Artigos Cursos CPT
No sistema semi-intensivo, independente se a criação é destinada à produção de ovos ou de carne, as aves são soltas no pasto entre a segunda e a terceira semana de vida

No sistema semi-intensivo, independente se a criação é destinada à produção de ovos ou de carne, as aves são soltas no pasto entre a segunda e a terceira semana de vida. Geralmente, são soltas pela manhã, para ciscar à vontade, e recolhidas no final da tarde. Isto é importante para que possam adquirir musculatura e também pela grande economia nos gastos com a alimentação.

Pensando em você, cliente CPT, o Centro de Produções Técnicas disponibiliza gratuitamente um manual prático sobre as principais raças de galinha com fim comercial. Tudo elaborado em linguagem simples e ilustrações para melhor exemplificar o conteúdo.

Portanto, não perca tempo!

Leia, também, outros arigos relacionados ao tema:


Galinha caipira - manejo da alimentação
Galinha caipira - aprenda a escolher a melhor ave para o consumo

Confira mais informações, acessando os cursos da área Avicultura.

Por Silvana Teixeira

 

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Manual sobre as Principais Raças de Galinha com fim Comercial

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Cursos Relacionados

Curso Criação de Frango e Galinha Caipira Curso Criação de Frango e Galinha Caipira

Com Prof. Dr. Luiz Albino

R$ 475,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,58 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Criação Orgânica de Frangos de Corte e Aves de Postura Curso Criação Orgânica de Frangos de Corte e Aves de Postura

Com Prof.ª Arenales

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Produção de Frangos de Corte Curso Produção de Frangos de Corte

Com Prof. Dr. Tadeu Cotta

R$ 475,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,58 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Galinhas Poedeiras Cria e Recria Curso Galinhas Poedeiras Cria e Recria

Com Prof. Dr. Júlio Puppa

R$ 475,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,58 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Galinhas Poedeiras - Produção e Comercialização de Ovos Curso Galinhas Poedeiras - Produção e Comercialização de Ovos

Com Prof. Dr. Júlio Puppa

R$ 475,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,58 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Como Montar e Operar um  Pequeno Abatedouro de Frangos Curso Como Montar e Operar um Pequeno Abatedouro de Frangos

Com Prof. Dr. Luiz Albino

R$ 468,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,00 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Diomar Rodrigues do Nascimento

26 de set de 2018

eu comprei os livros criação de galinhas caipiras e gostaria de ter mais informações sobre as doenças, pois faço o que o livro recomenda mas mesmo assim não estou tendo êxitos nos tratamento das doenças em pintinhos.

Resposta do Portal Cursos CPT

26 de set de 2018

Olá Diomar,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site. Cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

Gabriel carneiro

24 de set de 2018

Eu faço tecnico em agropecuaria, e vejo diariamente os pintainhos, e esses cuidados sao extremamente importantes. Eu quero elogiar esse site ele e muito bom.

Resposta do Portal Cursos CPT

25 de set de 2018

Bom dia Gabriel,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site. Ficamos felizes que tenha gostado do nosso conteúdo.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

FEllipe paulo Sousa silva

3 de mai de 2018

Tenho ideias de começar uma criação de frangos caipira , o livro contém informações sobre quantidade de ração por animal ? Normas para essa criação ? Desde já agradeço

Resposta do Portal Cursos CPT

4 de mai de 2018

Olá Fellipe,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Os assuntos abordados no Curso a Distância Criação de Frango e Galinha Caipira, são: Instalações e equipamentos; Piquetes; Planejamento da produção; Raças mais indicadas; Sistemas de criação; Manejo da alimentação; Manejo geral; Manejo das poedeiras; Incubação dos ovos e Escalonamento da produção.

Para mais informações nossas consultoras entrarão em contato.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

sidney jose da silva

7 de ago de 2017

quanto tempo uma gansa fica galada pois tenho uma gansa e o ganso foi em bora no rio e ela ficou so mas ja chocou no ano passado sera que esta galada ainda ou prescisa do ganso urgente

Resposta do Portal Cursos CPT

8 de ago de 2017

Olá, Sidney.

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Provavelmente ela precisará do ganso, pois a fertilização dos ovos não dura por tanto tempo assim.

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

daiane

16 de jul de 2015

boa tarde porque uma galinha começa a chocar e abandona o ninho sem terminar esse ciclo?

Resposta do Portal Cursos CPT

17 de jul de 2015

Olá, Daiane!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Isso não é comum, pois as aves não abandonam os ninhos antes de as crias nascerem, a não ser quando o local é atacado por algum predador ou se fixa o cheiro de alguém que mexeu nele. As aves deixam os ninhos apenas para comer e beber água e, em seguida, voltam. No caso das aves aquáticas, elas saem para comer e beber água, mas também para tomar banho. Porém, retornam para o ninho para que os ovos não esfriem. Uma possibilidade é de que o período de idas e vindas das galinhas não foi notado, dando a impressão de abandono dos ninhos. Contudo, todos os embriões e filhotes prontos para nascer morrem se a ave deixar esfriar os ovos.

Quando uma galinha abandona o ninho,o mais correto a se fazer,é colocar os ovos em uma chocadeira para evitar que se perca a ninhada.Caso não tenha uma chocadeira,procure colocar os ovos em outra galinha,para que ela possa chocá-los.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Orestalina Ferreira Lopes

20 de mar de 2015

Eu já fiz o curso de crianção de frangos e galinha caipira e fiquei interessada neste manual sobre as raças.

Resposta do Portal Cursos CPT

23 de mar de 2015

Olá, Orestalina!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações sobre o Curso CPT Criação de Frango e Galinha Caipira.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

ERNANDES DOUGLAS ALVES

11 de set de 2014

Boa tarde! Comprei o curso de criação de frango de corte caipira gostaria de saber qual a melhor chocadeira para produzir 2000 pintinho?

Resposta do Portal Cursos CPT

12 de set de 2014

Olá, Ernandes!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Recomendamos que consulte em lojas especializadas em equipamentos para avicultura por mais informações.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

natalia chipire

26 de abr de 2013

Alo CPT, sou Moçambicana residente na cidade de Maputo, leio sempre os artigos da CPT e me interessam bastante pois pretendo iniciar um projeto de criação de frangos de corte e não tenho base para tal. Como faco para receber a revista grátis e adquirir manuais Galinhas Poedeiras, Criação de Frangos de Corte e aves de postura?

Resposta do Portal Cursos CPT

26 de abr de 2013

Olá, Natália!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Nossas consultoras entrarão em contato para mais informações.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

alessandro

28 de mar de 2013

Quero começar uma criação de frango caipira para abate em sistema de semi-confinamento. Gostaria de saber qual desses materiais mais se adequam, pois a maioria também trata de postura, e essa área não me interessa. Grato!

Resposta do Portal Cursos CPT

1 de abr de 2013

Olá, Alessandro!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Nossas consultoras entrarão em contato para mais informações.

Atencisoamente,

Ana Carolina dos Santos

RASSIBE P. DA SILVA

14 de mar de 2013

Porque as galinhas põe os ovos e em seguida comem toda a produção e nunca fica choca, já não sei o que fazer.

Resposta do Portal Cursos CPT

14 de mar de 2013

Olá, Rassibe!

Agradecemos sua visita e seu comentário em nosso site.

Se suas galinhas estão comendo os próprios ovos, elas podem estar com uma deficiência de proteína na ração. Acrescentar soja e farinha de carne aos alimentos das aves, pode ajudar.

Outra solução seria a realização da debicagem que é um processo de corte e cauterização do bico da galinha, prevenindo o canibalismo e a quebra de ovos.

Qm caso de dúvidas, entre em contato conosco.

Atenciosamente,

Natália Parzanini Brum

Outros artigos relacionados à área Avicultura

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade