WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Doenças aviárias do tipo bacteriose

Bactérias são causadoras de muitas doenças aviárias que levam à mortalidade

Algumas doenças aviárias são causadas por bactérias. Bactérias são organismos unicelulares, de tamanho muito pequeno. Os tipos de doenças aviárias, causadas por elas, podem ser facilmente controladas pelo uso de antibióticos. No caso dos humanos, os antibióticos devem ser usados com muita cautela, pois desenvolvem imunidade antibiótica. Um programa de sanidade, bem planejado e manejado, deve existir no combate contra essas doenças. Um esquema de vacinação deve ser empregado, paralelamente a um programa sanitário contínuo, com um manejo correto diário.

Tipos de doenças:

Colibacilose

A colibacilose pode também causar artrite e salpingite

 

1) Colibacilose

As bactérias instalam-se nos intestinos das aves e são eliminadas junto às fezes. Os pintinhos podem nascer contaminados devido às cascas dos ovos.
Sintomas: onfalite, aerosaculite, pericardite, perihepatite e peritonite. Pode também causar artrite e salpingite.
Como prevenir: Higiene e desinfecção periódica das instalações.

 

 

 

Salmonelose

As salmonelas causam o paratifo aviário

2) Salmonelose

Pode ser contraída pelo ser humano. Os principais tipos são a pulorose, que afeta as aves jovens e o tifo, que afeta as adultas. As salmonelas não específicas e causam o paratifo aviário. Os sintomas são confundidos com de outras bacterioses, como a colibacilose e a diferenciação é feita com o isolamento e identificação da bactéria.
Como prevenir: Higiene rigorosa e eliminação dos focos.

 

Micoplasmose

A micoplasmose afeta as aves de todas as idades

3) Micoplasmose

Afeta aves de todas as idades. Os sintomas são artrite e espirros.
Como prevenir: Higiene e eliminação dos infectados.

 

 

 

Coriza infecciosa

A coriza ataca as vias aéreas

4) Coriza infecciosa

Afeta as aves em todas as idades. Ataca as vias aéreas e os sintomas são espirros, conjuntivite, inchaço facial.
Como prevenir: Vacina, evitar correntezas de ar e friagens.

 

 

 

Pasteulerose

A pasteurelose ataca as cristas

5) Pasteurelose

Infecta aves com mais de 6 semanas de vida.
Sintomas: febre, sonolência, congestão ou cianose de cristas e barbelas e morte repentina.
Controle: Combate aos ratos e roedores silvestres, que são considerados os vetores dessas bactérias, bem como higiene, desinfecção diária, vacinas aplicadas entre 10 / 16 semanas de idade.

 

 

Botulismo

As aves com botulismo apresentam quadro de paralisia flácida

6) Botulismo

É frequente nas criações de fundo de quintal. As aves que ingerem a toxina apresentam quadro de paralisia flácida e morte repentina.
Como prevenir: Evitar fornecer alimentação que possa conter essa bactéria.

 

 

Estafilocose

 A estafilocose afeta as aves em todas as idades

7) Estafilocose

Caracterizada por artrite e abscesso no coxim plantar, podendo afetar aves em qualquer idade.
Como prevenir: Higiene e desinfecção dos criadouros.

 

 

 

Borreliose

Um dos sintomas da borreliose é a palidez

8) Borreliose

Transmitida por carrapatos em criações de aves caipira.
Sintomas: Palidez, anorexia, fezes esverdeadas e morte.
Como prevenir: Eliminar os ectoparasitas (carrapatos)

 

 

 

Ornitose

 A ornitose é uma doença muito grave

9) Ornitose

Grave e de difícil tratamento.
Sintomas: dificuldades respiratórias, gastroenterite e morte.

 

 

Tuberculose

Com a tuberculose as aves passam a ter dificuldades respiratórias

10) Tuberculose

Afeta aves adultas, principalmente, as de criação caipira e de zoológico.
Sintomas: dificuldade respiratória, palidez e manqueira.
Como prevenir: Sacrificar as aves infectadas.

 

 

 

Aspergilose

A aspergilose infecta as aves jovens em geral

11) Aspergilose

Infecta as aves jovens em geral. É provocada por fungos.
Como prevenir: Evitar qualquer vestígio de fungos nas instalações e, principalmente, na sacaria de ração ou cereais de alimentação.

 

 

Alguns outros tipos de doenças aviárias são causados por vírus, parasitas e pela disfunção nutricional e metabólica.

Pensando em você, cliente CPT, o Centro de Produções Técnicas disponibiliza gratuitamente um manual prático sobre as principais raças de galinha com fim comercial. Tudo elaborado em linguagem simples e ilustrações para melhor exemplificar o conteúdo.

Portanto, não perca tempo!

 

Conheça mais sobre a nossa área de Avicultura.

Por Natália Mayrink De Lazzari

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Manual sobre as Principais Raças de Galinha com fim Comercial

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!