WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Tomate produzido especialmente para a indústria movimenta o campo

Produzir tomate em escala comercial é muito lucrativo, já que o acordo firmado entre a indústria e o produtor garante o suprimento de matéria-prima a um e a certeza da comercialização ao outro

Tomate produzido especialmente para a indústria movimenta o campo. Curso CPT Produção de Tomate para a Indústria

 

Produzir tomate em escala comercial é uma atividade bastante lucrativa para o produtor rural. O tomate, devido a sua grande popularidade nos quatro cantos do mundo, usado nos mais diversos pratos culinários, está entre os alimentos que nunca deixarão de ser comercializados, seja para o consumo in natura, seja para o processamento. No entanto, a produção em grande quantidade para atender a demanda de indústrias exige alguns cuidados por parte do produtor. Desta forma, é importante que o produtor se atente aos seguintes fatores, tais quais:

- Produzir tomate em escala industrial é uma atividade estritamente vinculada à indústria, ou seja, é ela que determina o quanto deve ser produzido. Sendo assim, o produtor nunca deverá definir a quantidade a ser plantada por sua própria conta, para não correr o risco de prejuízos futuros;

- Antes de começar a plantar tomate em escala industrial, o produtor deverá identificar a existência de indústrias de processamento na região, onde está a propriedade;

- O produtor, antes de iniciar a produção de tomates, deve firmar um contrato com a indústria ou, então, fechar um acordo de compra e venda.

- É necessário que o produtor entenda que a indústria será a responsável por determinar a área a ser  cultivada, a partir de sua demanda, e o escalonamento, para ter a matéria-prima no momento em  que precisa.

No contrato, a indústria estipula os insumos que devem ser utilizados, incluindo sementes, mudas, fertilizantes, defensivos agrícolas e outros; o manejo que deve ser adotado, como espaçamento de plantio, irrigação e controle de plantas invasoras; o cronograma de adubação e aplicação de produtos químicos; e as épocas de plantio e colheita. Além disso, as indústrias fornecem assistência técnica, por meio de um técnico da indústria que acompanha todo o processo de produção. O acordo estabelece, também, o preço pago pelo produto final. Em troca, o produtor se compromete a vender toda sua produção para a indústria. Assim, a indústria de processamento tem a vantagem de garantir o suprimento de matéria-prima e o produtor tem certeza da comercialização de sua produção.

Devido ao fato de o tomateiro ter grande adaptabilidade climática, é possível plantá-lo em regiões de climas tipo tropical de altitude, subtropical e temperado. Sendo assim, sua cultura é possível em diversas regiões do mundo. No Brasil, os principais Estados produtores de tomate são: Minas Gerais, São Paulo, Goiás, Bahia, Pernambuco e Ceará.

Quanto ao que se refere às indústrias, é importante ressaltar que a produção e o processamento de tomate industrial tem alta demanda de mão de obra, o que confere grande importância social a essa atividade, já que dá emprego a várias famílias. No campo, por sua vez, as operações que demandam mais mão de obra durante a produção do tomate são o transplante, a capina e a colheita, já que são realizados manualmente.
 
Alguns produtos industrializados para o consumo, cuja matéria-prima é o tomate:

- Catchup;
- Massa de tomate;
- Molho de pimenta;
- Pão de tomate;
- Bala de tomate;
- Suco de tomate;
- Tomate cristalizado;
- Polpada de tomate;
- Geleia de tomate.

Por Silvana Teixeira.

Conheça o Curso CPT Produção de Tomate para Indústria.

Saiba mais sobre os Cursos CPT da área Agricultura.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!