WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Cultivo de rosas: doenças da roseira e o seu controle

Murcha dos botões, ferrugem, pintas roxas e mosaicos na roseira são doenças comuns, que podem afetar a plantação de rosas. Saiba como identificar e controlar corretamente tais doenças

Murcha dos botões caracteriza-se pela não abertura dos botões florais, que tomam a cor cinza-marrom, típica de tecido seco.

Murcha dos botões caracteriza-se pela não abertura dos botões florais, que tomam a cor cinza-marrom, típica de tecido seco. Foto: reprodução

Cultivar rosas implica no conhecimento de métodos e técnicas, além dos cuidados rotineiros necessários à saúde da planta e obtenção da floração. É  comum o surgimento de doenças em uma plantação de rosas, portanto, fique atento! Conheça as características e o controle das principais doenças da roseira.

Murcha dos Botões, Mofo dos Botões, Mofo Cinzento

Caracteriza-se pela não abertura dos botões florais, que tomam a cor cinza-marrom, típica de tecido seco, e persistem na planta até que entrem em decomposição. Abrindo-se os botões atacados, nota-se a presença de filamentos esbranquecidos, as hifas do fungo. O fungo é favorecido pela alta umidade.

Controle: Remoção dos botões atacados, eliminação de restos culturais e pulverizações com produtos químicos.

Ferrugem

Nas folhas, as pústulas amarelas são vistas na face dorsal, essa doença é chamada ferrugem.

Nas folhas, as pústulas amarelas são vistas na face dorsal, essa doença é chamada ferrugem. Foto: reprodução

Ataca as folhas e as hastes. Nas folhas, as pústulas amarelas são vistas na face dorsal, podendo ocorrer com grande intensidade, causando grande desfolha. Na face ventral da folha são vistas apenas manchas claras, correspondendo às pústulas.

Controle: Pulverizações com produtos químicos.

Míldio ou Pinta Roxa

Ataca partes novas, tais como: botões, hastes e folhas, caracterizando-se pelo aparecimento de manchas de cor marrom e bordos angulosos. Nas folhas, a doença é observada inicialmente na face ventral, e, posteriormente, nas duas faces causando grande desfolha. A doença é favorecida pela alta umidade e temperaturas baixas, com grande incidência nos meses de abril a junho.

Controle: Pulverizações com produtos químicos.

O mosaico da roseira é uma doença caracterizada pelo aparecimento de manchas amarelas, em forma de zigue-zague, na superfície das folhas. Foto: reprodução

O mosaico da roseira é uma doença caracterizada pelo aparecimento de manchas amarelas, em forma de zigue-zague, na superfície das folhas. Foto: reprodução

Mosaico da Roseira

Doença virótica caracterizada pelo aparecimento de manchas amarelas, em forma de zigue-zague, na superfície das folhas, tanto novas como velhas. Causa depauperamento geral da planta. Transmite-se pela enxertia ou pela podas, razão pela qual não se deve deixar plantas com mosaico entre as utilizadas como matrizes e no roseiral.

Controle: Desinfecção do material de trabalho e eliminação das plantas afetadas.

Conheça todas as doenças e pragas quem podem se desenvolver em sua plantação de rosas, acessando o Curso Como Produzir Rosas, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

Por: Paula Tibúrcio

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Maria Regina Moreira Rosa Sande

8 de out de 2017

Comecou apenas por amor as rosas e as plantas , mas agora passou a ser também uma fonte de renda para mim e minha familia , por isso mesmo gostaria de fazer algum curso e me preparar melhor para o mercado. Obrigada.

Resposta do Portal Cursos CPT

9 de out de 2017

Olá, Maria.

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato.

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

IRIS APARECIDA MARTINS

24 de mar de 2013

Sou apaixonada por rosas.

Resposta do Portal Cursos CPT

25 de mar de 2013

Olá, Iris!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!