WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Tratamento de madeiras para cercas

As madeiras utilizadas na construção de cercas devem ser tratadas

Madeiras cruas

Quem possui uma propriedade rural sabe da importância de cercá-la, seja para evitar a evasão dos animais ou até a entrada de pessoas e animais indesejados. Na hora de adquirir as madeiras para construir a cerca, o preço pode assustar, pois, a madeira por si só já tem um custo muito grande, e, para usá-la em cercas ela precisa estar tratada.

Nas indústrias, o tratamento de madeiras é feito pela autoclavagem, que consiste em impregnar profundamente a madeira com produtos inseticidas e fungicidas, em um processo complexo e demorado, o que justificaria os altos custos para adquirir essa madeira já tratada. Porém, existem algumas formas de tratamento de madeira que podem ser feitas por você mesmo. Confira:


Tratamento com preservativos hidrossolúveis


Dado que o tratamento da madeira é essencial para evitar o desgaste rápido, devido ao fato de insetos e fungos penetrarem o interior delas, provocando a podridão e consequente perda da madeira, um tratamento que pode ser feito é o tratamento com preservativos hidrossolúveis.

Esse tratamento consiste, basicamente, em mergulhar a madeira em uma solução que a penetre, tomando o lugar da seiva e, consequentemente, barrando a entrada desses problemas.

Há dois tipos de preservativos hidrossolúveis: em pasta e em líquido, que atuam de forma diferente. Os líquidos preenchem o espaço da seiva, servindo como um bálsamo. Os em pasta formam uma película na superfície da madeira, bloqueando a entrada desses organismos indesejados. A quantidade a ser usada no tratamento é bem variável, de acordo com o tipo de madeira usado, utilização e escala de produção.


Tratamento por carbonização


Essa alternativa é mais barata e relativamente fácil, podendo ser usada por muitos anos. Após construir uma barreia, acenda o fogo e deixe as madeiras encostadas nela, de forma que somente a parte que será enterrada fique exposta ao calor. Caso a parte a ser enterrada seja, por exemplo, de 50 cm, carbonize 20 cm a mais. De acordo com a carbonização, vá virando a madeira até que todos os lados estejam carbonizados igualmente. Mas, é preciso atenção para que o interior da madeira seja preservado e não seja atingido pela carbonização, para que a madeira se mantenha forte e resistente.

 


Conheça os Cursos a Distância CPT, constituídos de Livro+DVD, e Cursos Online da Área Produtos Florestais:

Secagem e Tratamento de Madeira na Fazenda
Uso da Madeira de Eucalipto na Fazenda
Construção de Cercas na Fazenda


Fonte: Candela Verde – meioseculodeaprendizagens.blogspot.com.br


por Renato Rodrigues

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Neri Rogério Alves Pessoa Junior

7 de fev de 2019

Secagem nas estufas

Resposta do Portal Cursos CPT

8 de fev de 2019

Olá Neri,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site.

Nossas consultoras entrarão em contato para mais informações.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!