Substrato: componente fundamental e estratégico para jardins verticais

O substrato é um componente fundamental e estratégico para qualquer tipo de jardim vertical. Trata-se dos diferentes materiais nos quais as plantas vão se fixar por meio de suas raízes

Substrato: componente fundamental e estratégico para jardins verticais   Artigos Cursos CPT

 

O substrato é um componente fundamental e estratégico para qualquer tipo de jardim vertical. "São chamados de substratos os diferentes materiais nos quais a planta vai se fixar por meio de suas raízes", afirma Eduardo Elias Silva dos Santos, professor do Curso a Distância CPT Jardins Verticais - Implantação e Manutenção, em Livro+DVD e Curso Online. Os substratos variam conforme o tipo de planta cultivado, de tal forma que a orquídea epífita, que vive em árvores, por exemplo, tem como substrato o próprio caule da árvore, enquanto as plantas aquáticas, logicamente, têm como seu único substrato a própria água onde flutuam.

Além da fixação, também cabe às raízes outras funções fisiológicas que garantem a sobrevivência das plantas. É o caso da respiração, hidratação e retirada de nutrientes disponíveis no substrato e que são necessários à planta. Portanto, é importante que o substrato atenda às exigências da espécie, também, em termos de capacidade de oferta de ar, nutrientes e água. Nos jardins convencionais, o solo onde serão implantadas as plantas, assim como em viveiro de espera, por exemplo, o solo será o substrato onde as plantas serão cultivadas. Deverá, portanto, em suas características físicas e químicas, atender às exigências das plantas nele cultivadas.

Os substratos apresentam algumas funções, as quais também são conhecidas tecnicamente como 'atributos do substrato'. A função química do solo é conter ou receber nutrientes a serem disponibilizados para as raízes. Essa função é de grande importância para as plantas, sendo, provavelmente, o atributo mais conhecido e valorizado. Porém, os substratos não podem ser avaliados apenas por seus atributos químicos. Os atributos físicos também têm muita importância, e devem ser considerados, já que o substrato deve ter a capacidade de reter água até um certo ponto, e permitir sua drenagem quando acima da sua capacidade de retenção. Deve, ainda, proporcionar um certo nível de circulação de ar nos seus poros e microporos até as raízes. Da mesma maneira, não podem ser esquecidos os atributos biológicos do substrato. O substrato de melhor qualidade é aquele que está vivo, e conta com a presença de organismos benéficos à planta. Por outro lado, a presença de organismos patogênicos é indesejada para qualquer substrato.

Quer saber mais sobre o Curso CPT? Dê play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Jardinagem e Paisagismo.
Por Silvana Teixeira.

Cursos Relacionados

Curso Planejamento, Implantação e Manutenção de Jardins Curso Planejamento, Implantação e Manutenção de Jardins

Com Prof. Eduardo Elias

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Treinamento de Jardineiro Curso Treinamento de Jardineiro

Com Prof. Eduardo Elias

R$ 468,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,00 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Jardins Verticais - Implantação e Manutenção Curso Jardins Verticais - Implantação e Manutenção

Com Prof. Eduardo Elias

R$ 468,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,00 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Outros artigos relacionados à área Jardinagem e Paisagismo

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade