WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Black Friday 30%OFF nos cursos online 15% OFF nos cursos em livro+DVD + 5% OFF extra no cartão de crédito

Orçamento familiar é a chave para se libertar das dívidas

Planejamento financeiro é um hábito que quanto mais cedo se inicia, mais fácil se incorpora à rotina da família

A qualidade de vida é uma preocupação constante da família, portanto, administrar os recursos é primordial.

O IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, apresentou, na pesquisa divulgada em  junho deste ano, que 75% das famílias têm dificuldade de terminar o mês com o salário que ganham. De acordo com esse relatório, as famílias gastam, em média, R$ 2.626,31 mensais, sendo um pouco mais na população do Sul do país e um valor menor para os nordestinos.

Outro estudo avaliado pelo Ipea – Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada indicou que 54,15% das famílias brasileiras estão endividadas. Segundo o levantamento, realizado também em 2010,  a dívida média atingiu o valor de R$ 5.426,59. Essa quantia é cinco vezes maior que o rendimento mensal em 23% das famílias endividadas, de duas a cinco vezes maior em 16% e até o dobro em 23,5%. A pesquisa ainda apresentou que 15% das famílias têm metade do orçamento comprometido e 21% têm dívidas que equivalem ao total da renda.

Esses dados confirmam, acima de tudo, a dificuldade dos cidadãos em planejar seus gastos considerando seus rendimentos. A forma como o dinheiro é administrado permite atender às  necessidades cotidianas, e, também, realizar sonhos e desejos. Na economia doméstica, a qualidade de vida é uma preocupação constante e, portanto, administrar os recursos da família, mantendo as contas da casa em dia, é primordial.

Essa administração compreende desde as operações mais simples, como obter dinheiro para prover o sustento da unidade doméstica, abrir e fechar conta bancária, até as mais complexas, como fazer e controlar os investimentos, além do patrimônio da família. Independentemente do poder aquisitivo ou do tamanho da renda familiar, é preciso que todos os membros planejem e controlem o uso do dinheiro, decidindo em quê e como gastá-lo.

Para um bom planejamento familiar é preciso analisar as necessidades, desejos e aspirações, mas também as receitas e despesas.

Para isso, é preciso analisar, por um lado, as necessidades, desejos e aspirações, e do outro, as receitas e despesas. Um bom planejamento começa com informações completas sobre tudo que diz respeito aos objetivos e prioridades, bem como aos meios necessários e disponíveis, sejam esses pessoais, familiares ou públicos.

Algumas estratégias são básicas para a boa administração financeira na família. Uma delas é proteger o que o lar possui, incluindo os cuidados no uso e na manutenção dos bens materiais e no capital humano, como saúde e educação. Outra  fórmula de sucesso é a maximização dos recursos usando-os em todo o seu potencial, sem, contudo, desgastá-los e, ainda, aumentar a riqueza total, procurando criar novas formas de ganhos por meio de poupanças, investimentos financeiros ou de capital humano.

Assim, o curso Finanças na Família – Administração e Controle, desenvolvido pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, tem o objetivo de ensinar formas para alcançar o sucesso na administração da renda familiar. Ao estudar os módulos, o aluno aprenderá a colocar as contas em dia e, se possível, fazer uma reserva para o futuro. Para alcançar essas metas, a professora Dr.ª Nerina Aires Coelho Marques, coordenadora do curso, apresenta conceitos fundamentais sobre o dinheiro e sua gestão.

Na aplicação prática, o aluno compreenderá o significado do dinheiro para a família e no local onde vive, conhecerá o ambiente econômico e as instituições com as quais pode interagir e saberá melhor seu comportar como consumidor, trabalhador, entre outras funções da sociedade. Além disso, a professora ensina como obter as estratégias básicas da administração, quais os passos e meios para poupar e acumular riqueza e patrimônio, e os fatores que dificultam a gestão da renda familiar.

Após fazer o curso e ser aprovado na avaliação, o aluno recebe um certificado de conclusão emitido pela UOV – Universidade On-line de Viçosa, filiada mantenedora da ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância.

O planejamento financeiro é um hábito que quanto mais cedo se inicia, mais fácil se incorpora à rotina da família. Compartilhar as metas e estratégias melhora a qualidade de vida de toda a família, que tenderá também ser mais seletiva na demanda de gastos. Planejar e controlar o consumo são fatores chaves subjacentes à acumulação de riquezas.

Por: Ariádine Morgan

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!