WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Galinha D`Angola - sua criação pode gerar lucro certo para o produtor

A criação de Galinhas D`Angola pode ser lucrativa, desde que seja feita em larga escala

A Galinha D'Angola colabora com o equilíbrio ecológico, pois devora  lagartas, formigas, carrapatos, cobras e escorpiões. Foto: reprodução

A galinha D'Angola surgiu, como o próprio nome já diz, em Angola, na África. Muito conhecida também como guiné, galinha-do-mato, capote, capota, sakué, pintada ou fraca, é uma ave bastante procurada no mercado, pois além de fornecer carne e ovos. Sua carne tem consistência firme e é muito saborosa, sendo comparada a do faisão. Muitos a criam como ornamental, pois possui penas muito bonitas. Por ser muito barulhenta e estressada, a Galinha D'Angola é usada como animal de guarda, além de colaborar com o equilíbrio biológico, pois devora lagartas, formigas, carrapatos, cobras e escorpiões.

Particularidades da ave

 

Essa espécie de galinha exige poucos cuidados, assim como a galinha caipira, e pode ser criada, solta, no chão, mas em um espaço apropriado, de preferência, longe de outras aves. No Brasil, são encontrados três raças mais comuns. São elas: a Pedrês, com bolinhas brancas; a Branca; e a Pampa, esta oriunda do cruzamento entre a Pedrês e a Branca. Com cerca de três meses, o macho já apresenta uma crista pronunciada para a frente, como um chifre. Na fêmea, essa crista é mais arredondada.

 

Quanto à alimentação, esta é bastante variada, alimentando-se de grãos, verduras, insetos e cobras. Quando completa 6 meses, a Galinha D'Angola já começa a produzir ovos, produzindo de 50 a 80 ovos ao ano. No entanto, não são boas poedeiras. Quanto ao período de acasalamento, a proporção é de um macho para três fêmeas.

 

Sistemas de criação

 

A criação de Galinhas D'Angola pode ser lucrativa, desde que seja feita em larga escala. Muitos preferem criá-las soltas, no quintal, pois o custo de criação é mais barato.

 

Quando criadas livremente, as galinhas recebem uma ração pela manhã ou à tarde, pois essa ave adora comer quaisquer alimentos que encontrem pelo caminho. Com isso, o produtor não tem, praticamente, nenhuma despesa com a alimentação da Galinha D'Angola. Por outro lado, criá-las soltas gera poucos resultados, pois, como adoram viver no mato, fazem o seu ninho nele, longe da propriedade, escondendo os ovos embaixo de palhas, que elas mesmas colocam. Dessa forma, quando encontrados, alguns ovos já estão estragados.

 

Alguns produtores optam por criá-las em confinamento, pois o manejo da criação é melhor controlado. No entanto, o produtor deve criá-las em abrigos e cercados cobertos com tela, já que fogem facilmente, pois são aves muito ariscas, difíceis de serem capturadas novamente. Como não são boas chocadeiras, é preciso recorrer a galinhas comuns ou incubadeiras para que os ovos sejam chocados, principalmente se o plantel for grande. No caso de criação destinada ao abate, as aves devem ser abatidas com 80 a 90 dias de idade e com peso entre 900 gramas a 1,3 Kg.

 

Principais doenças que podem afetar a Galinha D'Angola

 

Embora seja uma ave rústica e resistente, algumas doenças, comuns aos Galliformes, podem afetá-la. As mais comuns são a Bouba Aviária e a Newcastle. Por isso, convém vacinar os pintinhos de 21 dias contra essas doenças como medida de prevenção. Além disso, no período de postura, é imprescindível que o produtor administre vitaminas apropriadas, diluídas na água, para fortalecer a poedeira, melhorar seu desempenho e protegê-la contra essas doenças.

 

Bouba Aviária

 

Galinhas D'Angola que vivem com outras aves podem ser acometidas por essa doença, que é transmitida por insetos ou fezes de outras aves já infectadas pela doença. É muito conhecida como caroço ou pipoca, em virtude dos nódulos que se formam na face, crista, barbelas e outras partes expostas das aves, assemelhando-se a crostas ou verrugas, além de falsas membranas no trato digestivo e respiratório. No entanto, existem vacinas para preveni-la, bem como tratamento para aves contaminadas.

 

Doença de Newcastle

 

Essa doença é bastante preocupante, causada por vírus, altamente contagiosa, espalhando-se por meio do ar e capaz de dizimar todo o lote. As galinhas infectadas levam, em média, cinco dias para manifestar os sintomas que são: encefalite, redução no consumo de ração, sintomas de resfriado, inspiração ruidosa com o bico aberto, diarreia abundante e esverdeada, tremor nas pernas e torcicolo no pescoço. No entanto, há vacina preventiva e, se detectada com antecedência, existe tratamento.

 

Pensando em você, cliente CPT, o Centro de Produções Técnicas disponibiliza gratuitamente um manual prático sobre as principais raças de galinha com fim comercial. Tudo elaborado em linguagem simples e ilustrações para melhor exemplificar o conteúdo.

Portanto, não perca tempo!

 

Aprimore seus conhecimentos sobre criação de galinhas, acessando os cursos da área Avicultura, elaborados pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

 

Por Andréa Oliveira

 

Fonte: UOL

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Manual sobre as Principais Raças de Galinha com fim Comercial

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

João Paulo Teixeira Bezerra

20 de nov de 2019

Quero fazer um criatório de galinha da angola para o abater.

Resposta do Portal Cursos CPT

29 de nov de 2019

Olá,João Paulo

Como vai?

Agradecemos sua visita a nosso site!

O CPT disponibiliza na área em questão vários cursos na área de criação de Avicultura.

Acesse o link https://www.cpt.com.br/cursos-avicultura e conheça melhor nossas opções de capacitação.

Uma de nossas consultoras entrará em contato com você para lhe passar maiores detalhes sobre os assuntos abordados no curso.

Atenciosamente,

Erika Lopes

João Gonçalves dos Santos

4 de out de 2019

Em qual mês do ano a galinha da angola começa a botar!

Resposta do Portal Cursos CPT

7 de out de 2019

Olá João Gonçalves dos Santos,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Não há um mês específico para que a galinha d'angola inicie a postura. O início da fase de postura das galinhas d'angola é quando elas estão com 6 meses de vida.

Atenciosamente,
Victor Sampaio

Francisco Marcus Lima Bezerra

17 de dez de 2017

Tenho algumas gali ha de Angola. Adoro cria-la mas estou com problemas que voam e são mortas por cachorro quando vão para a casa do vizinho. Gostaria de saber como operar suas aves pra não voarem. Marcus BEZERRA

Resposta do Portal Cursos CPT

18 de dez de 2017

Olá, Francisco.

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. O ideal é aumentar a cerca ou instalar telas para que não voem pro quintal do seu vizinho.

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

Maura Alves

28 de mai de 2017

Estou com minhas galinhas da angola com as pernas tremulas, caindo, como se tivesse amunhecando, o que será que esta acontecendo com elas?

Resposta do Portal Cursos CPT

29 de mai de 2017

Olá Maura,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações recomendamos que procure um médico veterinário de sua região.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Luiz Augusto de carvalho

23 de jan de 2017

Boa noite, eu tenho sete angolinhas. Mas, elas estão com as asas muito grandes o que eu faço.

Resposta do Portal Cursos CPT

23 de fev de 2017

Olá Luiz Augusto,

O recomendado, para dar mais liberdade as aves é cortar um pouco de suas asas, para mais informações de como fazer este processo recomendamos que consulte uma casa agrícola em sua região.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Edson Gimenes Teixeira

29 de jul de 2016

Eu aplique a vacina contra new castle a galinha está botando eu posso deixa ela choca

Resposta do Portal Cursos CPT

1 de ago de 2016

Olá Edson,

Pode sim.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Edson Gimenes Teixeira

28 de jul de 2016

Quero saber eu dei a vacina contra new castle eu posso consumi os ovos.

Resposta do Portal Cursos CPT

29 de jul de 2016

Olá Edzon,

Pode sim.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Fernanda Santos

12 de mai de 2015

Boa noite, preciso de ajuda, tenho um capote fêmea e a mesma hoje passou o dia triste e não está conseguindo andar, está com as pernas para trás, parece que ela teve um avc ou deu uma paralisia nas pernas dela, se alguém puder me ajudar agradeço muito, estou preocupada. Agora a pouco dei cachaça alemã , aqueles composto que tem jalapa, se alguém já tiver visto algo parecido em suas aves, me diga uma solução, um remédio pra mim da para esse animal. Obrigada pela compreensão.

Resposta do Portal Cursos CPT

13 de mai de 2015

Ola Fernanda!

Seria interessante consultar um médico veterinário para uma correta avaliação de como proceder.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

edgleison Leite

26 de abr de 2015

Oi tô querendo fazer um criadouro e gostaria mais de informações .

Resposta do Portal Cursos CPT

27 de abr de 2015

Olá, Edgleison!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

JOSE ÂNGELO FAZION

20 de fev de 2015

Gostaria de obter informações sobre galinha de Angola gigante.

Resposta do Portal Cursos CPT

23 de fev de 2015

Olá, José Angelo!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!