Resultados da busca para "veneno-para-lagartas-no-maracuja"

As 10 cobras mais venenosas do mundo

As cobras venenosas dividem-se em três grupos, conforme a ação do seu veneno. O primeiro é o grupo das cobras cujo veneno age no sistema nervoso periférico, causando parada respiratória. É o caso da Taipan e da Coral Verdadeira. Já o grupo das víboras inocula substâncias tóxicas, que provocam distúrbios na coagulação do sangue, hemorragias e necrose local. Por fim, o terceiro grupo é o das serpentes marinhas, estas liberam um tipo de veneno chamado miotóxico, que causa destruição das fibras musculares e insuficiência renal aguda. Todas são extremamente letais.

Mudas de maracujá: por sementes, em sacolas plásticas e em tubetes

A forma de propagação do maracujazeiro mais utilizada é através de sementes. Mas, também podem ser utilizadas as técnicas de plantio em sacolas plásticas e em tubetes. É comercializado como fruta fresca para mercados atacadistas e varejistas e, principalmente, para as indústrias de processamento de suco e outros derivados.

Bicho-da-seda - desenvolvimento larval, limpeza da cama e manutenção dos casulos

Muitas vezes ocorre desuniformidade no desenvolvimento das lagartas na criação, podendo dificultar o manejo. As causas são as mais diversas, mas é preciso prestar atenção principalmente no último trato de cada idade (o último abastecimento antes do sono deve ser fraco), e o primeiro trato quando as lagartas acordam do sono deve ser feito somente quando a maioria das lagartas estiverem acordadas. Ao polvilhar as folhas com cal hidratada, estas ficam secas e assim as lagartas, ao acordarem do sono, não se alimentarão, aguardando o primeiro trato. Dessa maneira, o criador tenta igualar o desenvolvimento das lagartas. Se o criador não conseguir igualar as lagartas, deve separá-las em locais diferentes da esteira. Isso pode ser feito durante o sono, após o polvilhamento com cal; restando ainda lagartas acordadas, faz-se outro fornecimento de ramos e quando as lagartas subirem nos ramos, elas serão transportadas para outra parte da esteira.

Brigadeiro de maracujá - aprenda a fazer

Se o tradicional já é uma delícia, hummm, imagine a maravilha que é o brigadeiro de maracujá, servido na própria casca, decorado com a própria polpa e preparado para comer de colherada. Gostou da ideia? Então saiba que ele é fácil de fazer, leva ingredientes simples e, acredite, surpreende até mesmo os mais finos paladares. Quer experimentar? Siga o passo a passo abaixo e delicie-se com essa sobremesa de comer rezando.

Como é feita a polinização do maracujá?

As flores do maracujá abrem-se de maneira sincronizada, uma única vez, e devem ser fecundadas no período em que estão abertas. Passado este período, aquelas que não sofreram fecundação caem da planta. Segundo Waldir Vicente dos Santos, professor do Curso a Distância CPT Produção de Maracujá, em Livro+DVD e Curso Online, "A flor do maracujá apresenta alguns problemas com relação à polinização

Produção de Amendoim - pragas que atacam o amendoinzal

Considerando-se a frequência com que ocorrem e prejudicam a cultura, as principais pragas encontradas no amendoim, são o trips e a lagarta do pescoço vermelho. Cigarrinhas e outras lagartas podem ocorrer, com frequência e, também, danos variáveis. Mais esporadicamente, podem ocorrer ácaros, percevejos, cupins e cochonilhas. As características das principais pragas são apresentadas a seguir:

Quer ganhar dinheiro com o quintal de sua casa? Plante maracujá!

Quer ganhar dinheiro com o quintal de sua casa? A dica da vez é maracujá! Isso mesmo: plante, colha e comercialize essa fruta, tanto em forma in natura quanto processada. “A produção e o processamento de frutas constituem importantes atividades econômicas, permitindo obtenção de maior renda por área cultivada e gerando mais empregos do que outras atividades agropecuárias

As cobras mais venenosas do Brasil

Classificar as serpentes mais venenosas do Brasil é um assunto um pouco complexo, pois temos de avaliar a quantidade de acidentes ofídicos, bem como as consequências do envenenamento. No entanto, quatro delas são bastante significativas, como a coral verdadeira, a cascavel, a surucucu e a jararaca. A coral verdadeira é a mais venenosa, embora cause apenas 1% dos acidentes com cobras no país. Em segundo lugar, está a cascavel; em terceiro, a surucucu pico-de-jaca; e, em quarto, a jararaca, responsável por mais de 80% dos acidentes no Brasil. Independente de seu tamanho, uma única picada de uma dessas criaturas pode ser tão letal quanto o ataque voraz de um grande carnívoro. Por outro lado, as serpentes (ou cobras) contribuem, e muito, para a medicina. O Captopril (hipertensão), isolado do veneno da jararaca, é um exemplo disso, além da cola para fins cirúrgicos. Daí a importância de se preservar as espécies, respeitando-as.

Pragas do maracujá - controle de pulgões, percevejos e lagartas

As lagartas atacam o pomar, em períodos secos do ano, de junho a agosto, principalmente as folhas novas. As borboletas colocam seus ovos na face inferior das folhas, de onde saem as lagartas, que passam a comer as folhas, reduzindo a área fotossintética, afetando a produção. Em plantas jovens, os prejuízos podem ser maiores, porque as lagartas podem causar desfolha total, levando-as à morte, no caso de ataques sucessivos.

Receita de Bombons de Maracujá com Chocolate Branco

Nunca dois ingredientes combinaram tão bem como o maracujá com o chocolate. O sabor ácido do maracujá unido ao doce suave do chocolate fazem um casamento perfeito, deliciando todos os que provam essa mescla de sabores. E quando falamos do bombom de maracujá com chocolate então? É de dar água na boca! Por isso, para que você também conquiste o paladar de seus familiares e amigos, vamos mostrar o passo a passo desse magnífico bombom. Vamos lá?

Atendimento Online
Quer Facilidade