Resultados da busca para "pecuaria-semi-intensiva"

Alevinagem intensiva, semi-intensiva e semiextensiva

A alevinagem é a produção dos alevinos, ou seja, os filhotes dos peixes que já se assemelham aos adultos da sua espécie, os quais, quando atingem o tamanho e o peso ideal, serão comercializados para outras pisciculturas, que se encarregarão de fazer a recria e a engorda destes. Essa etapa é realizada em criatórios especializados que são responsáveis, exclusivamente, pela produção dos alevinos de forma eficiente. Daí a importância de se conhecer os tipos de sistemas de criação de alevinos: intensiva, semi-intensiva e semiextensiva. Principalmente porque, nessa fase, utilizam-se matrizes selecionadas e de alto potencial genético e reprodutivo, fruto de investimentos.

Criação de capivara - 9 dicas para a criação em cativeiro

Independente do tipo de sistema, intensivo, semi-intensivo ou extensivo, existem alguns cuidados que deverão ser mantidos pelo criador para o sucesso da criação de capivara em cativeiro. Um desses cuidados diz respeito ao comedouros, que deverão estar em locais devidamente protegidos por cobertura de sapé, folha de coqueiro, cimento, telhas de zinco ou outros. Também há a necessidade de um tanque com rampa suave em pelo menos um de seus lados, para que os animais possam banhar-se.

Por que preferir os sistemas semi-intensivos de criação de peixes?

Um dos sistemas de produção de peixes mais disseminados no Brasil é o semi-intensivo, em que são adotados viveiros escavados exclusivamente para a criação comercial de peixes. "A escavação dos viveiros é feita de forma planejada, para permitir o controle adequado do abastecimento e escoamento da água, ou seja, manter o nível adequado d’água do viveiro"

Criação de capivara - a alimentação no sistema semi-intensivo

Os pastos mais frequentemente oferecidos são o capim-fino e a grama estrela. Porém, como o custo de cercar com tela de alambrado é o principal gasto para o estabelecimento da criação de capivaras no sistema semi-intensivo, seria mais interessante cercar apenas uma pequena área em volta de uma lagoa ou açude (10 a 20 m de margem) e o plantio de uma forrageira de alta produtividade fora da área do criadouro, realizando-se o corte e fornecimento diariamente. A preferência tem sido pelo capim elefante (Napier ou Camerom) cortados em intervalos de 60 dias na estação das águas.

Criação de tilápias - sistemas de produção extensivo, semi-intensivo, intensivo e superintensivo

A finalidade desse sistema é obter alta produtividade e, por isso, deve ser feito em viveiros, podendo ser adotado como uma das principais atividades da propriedade. Aqui, as fases de recria e de engorda são bem definidas, as quais poderão ser realizadas em conjunto na própria piscicultura. Caso os peixes juvenis venham a ser adquiridos junto a pisciculturas de recria de alevinos, a engorda poderá ser feita sozinha.

Capivara - manejo alimentar no sistema intensivo de criação

Os pastos mais frequentemente oferecidos são o capim-fino e a grama estrela. Porém, como o custo de cercar com tela de alambrado é o principal gasto para o estabelecimento da criação de capivaras no sistema semi-intensivo, seria mais interessante cercar apenas uma pequena área em volta de uma lagoa ou açude (10 a 20 m de margem) e o plantio de uma forrageira de alta produtividade fora da área do criadouro, realizando-se o corte e o fornecimento diariamente. A preferência tem sido pelo capim elefante (Napier ou Camerom) cortados em intervalos de 60 dias na estação das águas. Durante a estação seca, em virtude da menor produtividade desse capim, pode-se realizar o fornecimento intercalado com cana-de-açúcar, rolão-de-milho ou ração.

Criação de capivara - instalações necessárias para o sistema semi-intensivo de manejo

Em geral, observa-se, na maior parte das propriedades agrícolas, áreas abandonadas consideradas "marginais". Caso essa área apresente um lago ou açude com superfície de pelo menos 100 m2 e vegetação arbórea e, ou arbustiva, provavelmente, ela é apta para uma criação de capivaras em manejo semi-intensivo.

Capivara - piquetes de reprodução em sistema intensivo de criação

Na criação intensiva, transferências entre piquetes são feitas com relativa facilidade. Os animais são tocados para o portão, se encaminhados para a rua interna do criatório. Os corredores e as ruas internas do criatório são fechados com telas, não oferecendo pontos de fuga, dessa forma, todo o grupo chega à entrada do piquete, cujo portão deve estar aberto.

Galinha caipira ganha escala comercial de produção no sistema semi intensivo

Da panela vem o cheiro que lembra o passado, o fogão a lenha e o almoço feito pelas avós. A carne firme e saborosa denuncia a atração do cardápio do dia: o frango é caipira, ou, pelo menos, um caipira estilizado. A ave, criada no modelo semi-intensivo, se alimenta de ração e...

Capivara - instalações para a criação em cativeiro em sistema intensivo de produção

Existem várias práticas a respeito das necessidades de instalações para a criação da capivara em cativeiro. Porém, o sistema intensivo, em virtude das suas características, torna viável a sua produção em pequenas propriedades rurais, porque reduz gastos com instalações e mão de obra permitindo melhor retorno financeiro, principalmente, se essa criação estiver integrada às demais atividades da propriedade.

Atendimento Online
Quer Facilidade