Resultados da busca para "inseticida-para-lagarta-do-pepino"

Cultivo de Pepino - vantagens da produção em estufas

O cultivo de pepino em ambiente protegido teve início na década de 80. Essa técnica permitiu, ao produtor agrícola, um grande aumento de produtividade, além de melhorar a qualidade dos pepinos esteticamente, eliminando a cerosidade, proporcionando mais brilho, e obtendo frutos mais retos, sem a curvatura que os desvaloriza no mercado. Outras possibilidades que merecem destaque são a possibilidade de produção durante as entressafras e a colheita de frutos uniformes. Percebe-se, então, que a qualidade, a quantidade e alguns cuidados para com o produto são condições básicas para que o horticultor tenha sucesso no seu empreendimento.

Bicho-da-seda - desenvolvimento larval, limpeza da cama e manutenção dos casulos

Muitas vezes ocorre desuniformidade no desenvolvimento das lagartas na criação, podendo dificultar o manejo. As causas são as mais diversas, mas é preciso prestar atenção principalmente no último trato de cada idade (o último abastecimento antes do sono deve ser fraco), e o primeiro trato quando as lagartas acordam do sono deve ser feito somente quando a maioria das lagartas estiverem acordadas. Ao polvilhar as folhas com cal hidratada, estas ficam secas e assim as lagartas, ao acordarem do sono, não se alimentarão, aguardando o primeiro trato. Dessa maneira, o criador tenta igualar o desenvolvimento das lagartas. Se o criador não conseguir igualar as lagartas, deve separá-las em locais diferentes da esteira. Isso pode ser feito durante o sono, após o polvilhamento com cal; restando ainda lagartas acordadas, faz-se outro fornecimento de ramos e quando as lagartas subirem nos ramos, elas serão transportadas para outra parte da esteira.

Produção de pepinos em estufa - salinização do solo

A salinização consiste na deposição de sais na superfície do solo, trazidos pela evaporação da água. É importante, então, que o produtor de pepinos saiba tudo a respeito desse fator, pois o não tratamento correto implica na possibilidade de perda da produção. Sendo assim, conhecer os sintomas apresentados pelos pepinos devido à salinização do solo, saber como retardar ou minimizar os efeitos da salinização e conhecer os sais com menor potencial de salinizar o solo, é muito importante para o sucesso da produção.

Produção de Amendoim - pragas que atacam o amendoinzal

Considerando-se a frequência com que ocorrem e prejudicam a cultura, as principais pragas encontradas no amendoim, são o trips e a lagarta do pescoço vermelho. Cigarrinhas e outras lagartas podem ocorrer, com frequência e, também, danos variáveis. Mais esporadicamente, podem ocorrer ácaros, percevejos, cupins e cochonilhas. As características das principais pragas são apresentadas a seguir:

Produção de pepinos em estufa - transplante, condução, polinização e irrigação das mudas

No cultivo de pepino em estufa, o sucesso da produção está em se seguir alguns princípios de grande importância, como o transplante, a condução, a polinização e a irrigação das mudas. Além disso, outro fator que merece atenção especial diz respeito a população dentro de uma estufa. Esta deve ser um fator muito importante a ser considerado, tanto sob o ponto de vista de manter a sanidade das plantas, como manter o ambiente dentro da estufa, ou seja, alta densidade populacional ocasionará um microclima propício para o desenvolvimento de doenças, além de bloquear fotossinteticamente a planta, provocando sombreamento entre elas.

Formigas cortadeiras e lagartas dos cafeeiros - reconhecimento e controle

As formigas cortadeiras e causam prejuízos às grandes culturas, aos reflorestamentos, aos horticultores, às pecuárias de corte e leite (pastagens), inclusive aos pequenos sitiantes e proprietários de chácaras e casas-de-campo. Além das formigas, o cafeeiro é hospedeiro de lagartas de muitas espécies, algumas delas urticantes, que causam queimaduras (dermatite urticante) nos trabalhadores. Estas são conhecidas como taturanas ou lagartas-de-fogo. Já a lagarta-dos-cafezais, de coloração variável (verde, alaranjada, marrom e preta), não é urticante, mas, da mesma forma, é uma praga que causa sérios prejuízos ao cafeeiro.

Pragas do mamão - Lagarta-rosca (Agrotis ipsilon)

Não é uma praga muito comum à cultura do mamoeiro, mas pode atacar as plantinhas no viveiro, seccionando-as rente ao solo. É uma lagarta de hábito noturno, e que durante o dia abriga-se sob o solo. - Controle O mesmo produto indicado anteriormente para mandarová, assim que os primeiros danos sejam observados, desde que seja verificada a presença da lagarta na planta.

Plantação de Pepino em estufas - principais pragas e doenças

O cultivo em estufa oferece boas condições para o pepino, mas é condição ideal para a maioria das pragas e doenças. Por isto, o monitoramento deve ser feito diariamente e caso não haja possibilidade de agir preventivamente, o controle deve ser feito com o surgimento dos primeiros sinais ou sintomas das pragas e doenças. Entre as doenças que mais atacam a produção de pepino em estufas, estão:

Controle de pragas do pepino: pulgões, brocas e mosca-das-frutas

No Brasil, a cultura do pepino está mais suscertível de ser atacada por pragas como os pulgões, entre eles o Aphis gossypii e o Myzus persicae, que podem causar sérios prejuízos ao agricultor; as brocas, entre elas a Diaphania nitidalis e a Diaphania hyalinata, que podem atacar desde as folhas do pepineiro até os frutos; e a famosa mosca das frutas, que promove o apodrecimento da polpa do pepino, tornando-o impróprio para a comercialização.

Pragas do milho: controle da lagarta-do-cartucho

O milharal pode ser muitas vezes atacado por pragas. Mas nenhuma delas é tão destrutiva como a lagarta-do-cartucho, cientificamente chamada de Spodoptera frugiperda. Como sempre, a prevenção é a melhor arma contra a disseminação de pragas como essa. Além disso, o agricultor deve conhecer os principais meios de controle da lagarta, pois, caso contrário, o prejuízo será imensurável

Atendimento Online
Quer Facilidade