WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Dia do Cliente

Formação de pastagens para equinos: minimize os riscos de fracasso

Para se formar ou recuperar um pasto, são necessários conhecimentos básicos que possam minimizar os riscos de fracasso

Formação de pastagens para equinos: minimize os riscos de fracasso   Dicas Cursos CPT

 

Para se formar ou recuperar um pasto, são necessários conhecimentos básicos que possam minimizar os riscos de fracasso. “O ideal é contar com os serviços de um profissional especializado”, afirma Orlando Marcelo Vendramini, professor do Curso a Distância CPT Alimentação de Cavalos, em Livro+DVD e Curso Online.

Alguns fatores limitantes devem ser apreciados, no que diz respeito ao clima, forrageira e ao solo:


- disponibilidade de água;
- fertilidade do solo;
- preparo desse solo;
- qualidade da semente ou muda a ser plantada;
- época do plantio ou da semeadura.

- O Clima
O fator clima está condicionado às chuvas, à temperatura e ao tempo de incidência de sol (fotoperíodo). De tal maneira, a irrigação não conseguiu ainda equilibrar a produção de gramíneas
tropicais na seca, pois a água não é o único fator limitante.

- A Forrageira
O conhecimento da forrageira a ser explorada é também importante. Deve-se conhecer alguma noção de fisiologia vegetal (altura de corte, tempo de descanso, exigências nutricionais).

- O Solo
A qualidade do solo tem importância sobre a qualidade da forragem, da qual depende a produção dos herbívoros. O fator solo é importantíssimo na escolha da espécie forrageira. Devem ser observados as condições físicas (textura, densidade e estrutura) e químicas do solo que são determinantes na formação e manutenção da pastagem.

Os equinos são animais muito exigentes no que se refere à qualidade do solo, tanto química como fisicamente, pois somente em solos permeáveis ricos em cálcio e fósforo se desenvolvem vantajosamente. Neste sentido, a análise do solo é essencial, pois o solo que apresentar índices abaixo de 25 ppm de cálcio ou abaixo de 3 ppm de fósforo não é aconselhável para a criação de equinos. O simples exame do pH do solo pode dar informações a respeito da qualidade da forragem que ele será capaz de produzir. Toda vez que o pH for inferior a 5,5, pode-se garantir a sua pobreza em cálcio (Ca) e fósforo (P).

As forragens provenientes de terrenos úmidos são de qualidade inferior (pobres, fibrosas, pouco nutritivas e ácidas). Além disso, os terrenos tornam-se focos de doenças infecciosas e parasitárias.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Minha égua morreu. Como vou alimentar o potro órfão?
- Vai comprar um cavalo? Alimente-o da melhor forma possível!

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Criação de Cavalos.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!