WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Toxoplasmose em gatos: saiba mais sobre o assunto

Em gatos, o quadro clínico ocorrerá apenas em animais com baixa imunidade, apresentando como sintomas febre, falta de ar e anorexia

Toxoplasmose em gatos: saiba mais sobre o assunto   Artigos CPT

Em gatos, o quadro clínico ocorrerá apenas em animais com baixa imunidade, apresentando como sintomas febre, falta de ar e anorexia. "Nesses animais, podem ocorrer transmissão placentária, lesões pulmonares, oculares, no sistema nervoso central e na musculatura", explica Prof. Marcelo Dias da Silva, do Curso CPT Saneamento e Zoonoses em Medicina Veterinária.

O tratamento é feito com clindamicina ou prednisona, de modo que, vale lembrar, os bradizoítos não são afetados pela medicação. Os gatos eliminam os oocistos somente durante as duas primeiras semanas após tornarem-se infectados. A detecção deve ser feita por testes sorológicos.

gato Transmissão


Algumas formas de transmissão são:

- Ingestão de oocistos maduros (contendo esporozoítos) eliminados pelas fezes de gatos ou de outros felinos.
- Ingestão de cistos (contendo bradizoítos) presentes em carne crua ou malcozida (porco, carneiro).
- Ingestão de leite cru (não pasteurizado) contendo taquizoítos.
- Transplante de órgãos e transfusão sanguínea (taquizoítos).
- Transmissão placentária (taquizoítos).

gatoPrevenção


1. Medidas higiênicas
- Evitar contato direto com fezes de gatos.
- Evitar a ingestão de carne malcozida (importante causa desta doença); oocistos são inativados a 65ºC por cinco minutos ou a - 15ºC por três dias.
- Gestantes: pré-natal e cuidados.
- Lixeiros: educação e saúde; uso de equipamentos de proteção, luvas e calçados.

2. Em relação aos gatos domésticos


- Realizar testes sorológicos periódicos.
- Alimentá-los corretamente, não fornecendo carnes cruas.
- Mantê-los domiciliados, telando as janelas da casa.
- Não permitir que o gato tenha acesso a ratos e pássaros.
- Manejo correto da caixa de areia.
- Proteger as hortas com telas para que gatos não tenham acesso.

3. Manejo da caixa de areia


- Manipular a caixa usando luvas e lavar bem as mãos após o manuseio.
- Manter as caixas em ambientes neutros da casa, longe dos alimentos.
- Promover a remoção das fezes diariamente, mais de uma vez ao dia se necessário.
- Higienizar a pá usada na remoção das fezes após cada uso.
- Descartar o granulado higiênico sempre que ele estiver saturado e lavar muito bem a caixa antes de colocar o material novo.
- Caso se utilize granulado higiênico biodegradável, descartar as fezes no vaso sanitário.

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Saiba mais sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) abaixo:


- Atenção, veterinários: água boa, animais saudáveis!

Conheça os Cursos CPT da área Medicina Veterinária.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!