WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Como fazer desobstrução uretral em felinos? Aprenda aqui!

Aqui, as etapas e materiais que o médico veterinário ou estudante de medicina veterinária precisam saber para uma correta desobstrução uretral em felinos. Aprenda!

Como fazer desobstrução uretral em felinos? Aprenda aqui!   Artigos CPT

Você é médico veterinário ou estudante da área e precisa saber mais sobre a forma correta de desobstruir a uretra de felinos? Você veio ao lugar certo. Aqui você aprenderá que o procedimento de desobstrução uretral vai identificar a necessidade de uma terapia mais invasiva no gato. Em outras palavras, quando se consegue desobstruir, não há necessidade de cirurgia.

Mas há um porém, “esse procedimento requer sedação, uma vez que precisará manipular o pênis do gato, podendo causar dor e desconforto. Por isso, o procedimento requer um profissional especializado da área”, explica Luiz Eduardo Duarte de Oliveira, professor do Curso CPT Nefrologia e Urologia de Cães e Gatos. Todo o cuidado de assepsia deve ser feito, com a tricotomia e limpeza da região.

No que diz respeito à sedação, sugere-se a anestesia epidural, já que ela proporciona o relaxamento do local que será manipulado e dos esfíncteres, facilitando a sondagem uretral.

E quanto à desobstrução, quais materiais são necessários para a realização do procedimento? Quais são as etapas a serem seguidas pelo médico veterinário para um trabalho perfeito? Bem, vamos lá. 


Os materiais utilizados para desobstrução uretral são:

Cateter: variados tamanhos, para desobstrução de forma gradativa (do menor para o maior), conforme a necessidade do paciente.
Sonda: uretral ou Tom Cat
Materiais de lavagem da vesícula urinária evitando possíveis infecções.

As etapas do procedimento de desobstrução uretral, por sua vez, são:


1. Colocação do paciente em decúbito lateral.
2. Exposição do pênis, empurrando-se o prepúcio.
3. Introdução do cateter no 24 na ponta do pênis, com cuidado, evitando a laceração da uretra.
4. Realização da retro-hidropulsão, com solução fisiológica estéril, tentando jogar para dentro da vesícula urinária o que está obstruindo a uretra.
5. Introdução do cateter 22.

Processo de introdução dos cateters (A) e da retro-hidropulsão (B)   Artigos CPT

Fotos: Processo de introdução dos cateters (A) e da retro-hidropulsão (B).

6. Colocação da sonda pela ponta do pênis, seguindo até a bexiga, de forma suave.

Curvatura anatômica da uretra do felino (A) e posição correta de colocação da sonda (B)

Fotos (2): Curvatura anatômica da uretra do felino (A) e posição correta de colocação da
sonda (B).

7. Fixação da sonda na pele através de uma sutura, evitando que se perca. A sonda pode permanecer aberta, gotejando a urina ou sendo drenada. O local deve ser protegido evitando o acesso do animal ao pênis.

Após o processo de desobstrução, realiza-se a lavagem da vesícula urinária. Utilizam-se seringas estéreis e solução fisiológica morna. O médico veterinário deve continuar com esse processo até que a urina saia translúcida e sem sedimentos. Dependendo da situação em que o paciente se encontra, a sonda uretral deve ser mantida por até 3 dias. Esse período é importante para a cicatrização de possíveis lesões causadas durante a desobstrução, reduzindo a inflamação.

Os tratamentos pós-desobstrução irão variar conforme a causa da DTUIF (Doença do Trato Urinário Inferior do Felino), portanto, o Médico Veterinário deve pesquisar a base da doença. É importante lembrar que o que caracteriza essa enfermidade são sinais clínicos relacionados ao trato urinário inferior, como a hematúria, periúria, disúria e polaciúria.

Um pouco mais sobre o que encontrar no Curso CPT Medicina Veterinária? Assista ao vídeo!


 

Conheça os Cursos CPT da área Medicina Veterinária.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!