WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Como controlar as pragas e doenças do abacateiro?

O manejo integrado das três formas de controle é a melhor solução para os produtores

Abacateiro - imagem ilustrativa

Dalmo Lopes de Siqueira, professor do Curso CPT Produção Comercial de Frutas em Pequenas Áreas, ressalta que produzir frutas é sempre um bom negócio, podendo ser essa a atividade principal de pequenos produtores ou complementar para produtores rurais, sitiantes e chacareiros.

A produção de frutas esbarra sempre no empecilho das pragas e doenças, que atacam as plantações, destroem os frutos e causam enormes prejuízos aos produtores. No caso do abacate, isso não seria diferente.

Há algum tempo, o abacate foi considerado por muitos como um vilão na alimentação. Hoje, porém, essa crença popular foi superada e essa fruta é frequentemente associada a uma boa saúde. É rico em gordura e calorias, funcionando como um remédio natural para o organismo, protegendo contra alguns tipos de câncer e sendo utilizado também para dar brilho aos cabelos.

Dentre os principais inimigos do abacateiro, podemos relacionar:

- Pragas: broca ou lagarta-de fruto; bicudo do abacateiro; e carunchos, lagartas, ácaros, tripes, percevejos e formigas.
- Doenças: podridão radicular ou gomose, antracnose, cercosporiose, verrugose e oídio.

Todos esses causam prejuízos que reduzem a produtividade da planta e desvalorizam o fruto, que apresenta os seguintes sintomas:

i. Danos na casca – sintoma causado pela broca do fruto;
ii. Lesões nos troncos, formação de galerias, seca de galhos e frutos novos perfurados – sintoma causado pelo bicudo do abacateiro e por carunchos;
iii. Folhas perfuradas – sintoma causado pelas lagartas;
iv. “Bronzeamento” de folhas e frutos – sintoma causado por ácaros e tripes;
v. Frutos manchados ou com má formação – sintoma causado por percevejos;
vi. Frutos manchados – sintoma antracnose, pela cercosporiose e pela verrguose;
vii. Folhas que murcham, caem, causando seca dos galhos e ramos e, por fim, causando morte da planta – sintoma da podridão radicular.

Controle de pragas e doenças

Há vários fatores que interferem para a ocorrência de pragas e doenças no abacateiro. Uma opção interessante para o produtor é a promoção de um manejo que integre os três tipos de controle:

Controle cultural

Consiste na catação e derrubada de frutos doentes, além de podar a planta, para que o pomar permaneça iluminado e arejado. Também deve-se manter a limpeza dele, removendo troncos, galhos e restos de culturas e/ou de frutos.

Controle biológico

Consiste na utilização de produtos biológicos e requer orientação de um profissional capacitado, como um engenheiro agrônomo.

Controle químico

Emprego de produtos químicos na plantação. Porém, é necessário total atenção na utilização, recomendando-se, também, a orientação de um profissional capacitado. Deve-se seguir as orientações do fabricante para utilização, além de verificar se o produto está registrado junto ao MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Outros cuidados

Uma estratégia também eficiente para o controle fitossanitário é o monitoramento das pragas e doenças, observando sintomas e tomando decisões acertadas para benefício do abacateiro. Além dos cuidados com a planta, deve-se dar atenção também ao solo e a plantas daninhas, que podem servir como hospedeiras para as pragas e outros patógenos.

 


Conheça os Cursos CPT da Área Fruticultura:

Produção Comercial de Frutas em Pequenas Áreas
Produção de Mudas Frutíferas
Cultivo Orgânico de Citros

Fonte: Campo & Negócios – revistacampoenegocios.com.br
por Renato Rodrigues

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!