WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Conheça nossos Cursos Profissionalizantes (combos) com 40% de DESCONTO
Cursos da Área Curso Inseminação Artificial em Bovinos - Convencional e em Tempo Fixo Curso Fabricação de Ração na Fazenda Curso Planejamento Alimentar em Sistema de Pastejo - Para Gado de Leite e Corte Curso Alimentação de Vacas Leiteiras em Pasto e em Confinamento Curso Enquanto o Veterinário Não Chega - Atendimento a Bovinos Curso Produção de Leite em Pasto Curso Pastoreio de Lotação Rotacionada para Gado de Leite e Corte Curso Prevenção e Controle de Mastite Curso Melhoramento Genético de Gado de Leite Curso Manejo da Vaca Gestante no Parto e Pós-Parto Curso Como Produzir Mais Leite e Mais Bezerras Curso Bezerras de Raças Leiteiras - Do Nascimento ao Desaleitamento Curso Conforto Animal para Maior Produção de Leite Curso Cana Ureia - Alimento de Baixo Custo para Bovinos Curso Sistema Superintensivo de Produção de Leite em Pasto Curso Ordenha Mecânica Curso Shamballah - O Segredo da Alta Produtividade Leiteira Curso Produção de Leite em Confinamento Curso Controle de Carrapato, Berne e Mosca-dos-Chifres Curso Recria de Novilhas para Produção de Leite Curso Formação e Manejo de Capineira Curso Sistemas Silvipastoris - Consórcio de Árvores e Pastagens Curso Criação de Bezerros de Raças Leiteiras para Corte Curso Pastejo Rotativo em Capim-Elefante Curso Manejo Homeopático para Gado de Leite Curso Produção de Leite Orgânico Curso Pastoreio Voisin para Gado de Leite Curso Manejo Sanitário de Bovinos para Produção Orgânica de Leite Curso Vacas Meio-Sangue para Produção de Leite Curso Avaliação, Julgamento e Preparo de Vacas Leiteiras para Eventos Curso Produção de Vitelos Áreas Afins 30Gado de Corte 17Pastagens e Alimentação Animal Depoimentos dos Alunos Alunos de Sucesso Depoimentos Publicações TV Cursos CPT Artigos Notícias Dicas Cursos CPT Entretenimento Beirada de Fogão Melhores Filmes do Cinema Reflexões

Por que o pecuarista deve conhecer o comportamento de seu gado?

O conhecimento das atividades diárias dos bovinos pode ser muito útil, visto que, mudanças dessas atividades podem ser indicativas de algum problema de manejo ou de saúde

Por que o pecuarista deve conhecer o comportamento de seu gado?   Artigos CPT

A importância do estudo do comportamento animal baseia-se, principalmente na sua utilização como ferramenta auxiliar na solução de problemas que afetam os animais. Deste modo, o conhecimento das atividades diárias dos bovinos pode ser muito útil, visto que, mudanças dessas atividades podem ser indicativas de algum problema de manejo ou de saúde; além disso, é possível alterar ou melhorar a rotina do rebanho com base nos resultados de pesquisas concernentes ao padrão comportamental.

Embora existam poucas evidências concretas sobre a extensão das mudanças comportamentais em condições de estresse térmico, fica claro que "alterações da postura, das atividades físicas, dos hábitos alimentares e de outros comportamentos são importantes mecanismos adaptativos para reduzir o efeito do estresse calórico", explica Prof. Dr. Aloisio Torres de Campos, do Curso CPT Conforto Animal para Maior Produção de Leite.

Baseando-se em alterações do tempo dedicado às atividades de padrão fixo de comportamento (alimentação, ruminação e ócio) bem como nas modificações da postura entre o verão e inverno observadas nos experimentos citados, pode-se sugerir que, nos períodos mais quentes do ano, os animais utilizam alguns destes mecanismos (redução no tempo de alimentação, ruminação e aumento no tempo de ócio), para diminuir a produção de calor metabólico excedente, enquanto outros (aumento do tempo em pé) auxiliam na dissipação do calor. Deve-se considerar também que mudanças de comportamentos como permanecer grande parte do dia à sombra e aumentar a ingestão de água contribuem significativamente para manter a homeotermia dos animais.

Estas mudanças comportamentais sugerem algumas práticas de manejo que visam o conforto dos animais e consequentemente o aumento na produção de leite e melhora dos índices reprodutivos. Por exemplo:
- disponibilizar sombra adequada para os animais principalmente com relação ao tipo e a dimensão de sombra.
-
Permitir livre acesso á água durante as 24 h. Para isto deve-se atentar para as dimensões do bebedouro e sua localização no piquete.
- Aumentar a frequência de distribuição da mistura completa para os animais confinados, principalmente durante a noite, forçando assim o consumo nas horas mais amenas.
- Eliminar obstáculos à ventilação natural próximo às instalações dos animais maximizando assim a perda de calor por convecção.

Alterar o horário da ordenha da manhã para 8 h, considerando que a nova modalidade de coleta de leite com a utilização obrigatória do tanque de expansão, desobriga os produtores do antigo horário rígido de coleta realizada por “caminhões de leite”. A ordenha tardia, em torno das 8 h, visa fornecer aos animais a oportunidade de pastejo nas horas de temperaturas amenas e de pique de pastejo segundo padrões comportamentais. Intensificar a observação do cio de animais da raça Holandesa, em razão da menor intensidade de manifestação. Do mesmo modo, no inverno, deve ser intensificada a observação de cio nas fêmeas zebuínas, principalmente no final da tarde e á noite.

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos CPT da área Gado de Leite.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!