Resultados da busca para "como-plantar-pimenta-comari"

Pimenta - propriedades e benefícios do seu consumo para a saúde

Rica em vitaminas A, E e C, ácido fólico, zinco e potássio, além dos princípios ativos capsaicina, que age como um analgésico no organismo, e piperina, a pimenta, tanto do gênero piper (pimenta-do-reino) como do capsicum (pimenta vermelha), traz diversos benefícios à saúde, acelerando o metabolismo do nosso organismo, auxiliando na liberação de endorfina (o hormônio do prazer), ajudando na desobstrução dos vasos sanguíneos (podendo evitar ataques cardíacos ou derrames cerebrais) e atuando no tratamento da rinite aguda. Além disto, seus princípios ativos combatem a ação danosa dos radicais livres no organismo que, por sua vez, estão relacionados com doenças degenerativas como o Parkinson e o Alzheimer.

Qual o melhor tipo de solo para plantar pimenta, você sabe?

As pimentas são plantas rústicas e se desenvolvem bem em uma grande variedade de solos, mas os mais indicados são os solos profundos, leves, férteis e bem drenados, com pH entre 5,5 a 7. A pimenta não tolera solos encharcados, sendo essa uma das principais limitações quanto ao solo a ser utilizado. “Devem ser evitados solos salinos ou com elevada salinidade, uma vez que as pimentas, assim como pimentão, são moderadamente sensíveis”, afirma Roseane Mendonça de Figueiredo, professora do Curso a Distância CPT Produção e Processamento de Pimenta, em Livro+DVD e Curso Online.

Geleia de pimenta com abacaxi - aprenda a fazer

Geleia é uma espécie de conserva, de aspecto gelatinoso e brilhante, preparada com frutas naturais, mais açúcar. De acordo com Roseane Mendonça de Figueiredo, professora do Curso CPT Produção e Processamento de Pimenta, "Uma boa geleia deve apresentar as seguintes características: ser clara, macia, gelatinosa, brilhante e quase translúcida. Deve ter cor atraente e aroma característico da fruta utilizada". Nesta receita, deve-se utilizar pimentas com ardume de médio a alto, como ocorre com a pimenta malagueta ou a dedo de moça. Aprenda, agora, como produzir uma deliciosa geleia de pimenta com abacaxi:

A produção de pimenta tem grandes perspectivas e potencialidades no mercado

O mercado para as pimentas no Brasil está sofrendo grandes modificações pela exploração de novos tipos de pimentas e pelo desenvolvimento de produtos com grande valor agregado. Sendo assim, há grandes perspectivas e potencialidades do mercado de pimentas pela versatilidade de suas aplicações culinárias, industriais, medicinais e ornamentais.

Tipos de pimentas mais consumidas no Brasil

As pimentas pertencem ao gênero Capsicum. As Capsicum annuum são originadas do México e do Norte da América Central. Já as Capsicum frutescens são originadas da América do Sul. As primeiras são as designadas pimentas doces, como o pimentão e as últimas, pimentas picantes, como a tabasco. Além de conferirem um sabor todo especial aos pratos, a capsaicina contida em algumas espécies de pimenta alivia dores de cabeça e dores musculares, além de melhorar a digestão. Tais propriedades são encontradas na Malagueta, na Dedo-de-Moça e na Cumari. Estas representam a grande maioria das pimentas cultivadas no Brasil. Já a pimenta-do-reino pertence a outro gênero e a substância que causa sua ardência recebe o nome de piperina.

É viável plantar pimentas em regiões frias? Não, não é!

Ocorre boa produção das pimenteiras quando as condições ambientais são adequadas ao seu desenvolvimento, crescimento e frutificação, que é a parte que vamos utilizar. “Por ser a pimenta uma planta de origem tropical, as condições relacionadas às condições edafoclimáticas para o seu desenvolvimento, como a temperatura, o regime de chuvas, a umidade relativa do ar e a luminosidade são característicos de plantas tropicais”, afirma Roseane Mendonça de Figueiredo, professora do Curso a Distância CPT Produção e Processamento de Pimenta, em Livro+DVD e Curso Online.

Sistema hidropônico de cultivo de hortaliças e plantas medicinais

O sistema hidropônico de cultivo de hortaliças e plantas medicinais, condimentares e aromáticas, é a melhor alternativa para atender a um público cada vez mais exigente em relação a qualidade das plantas, higiene, ausência de resíduos de agrotóxicos e alto teor de princípios ativos. Nesse sistema, as plantas são cultivadas sem contato com o solo, utilizando apenas solução nutritiva para promover o seu crescimento. Com o uso de água de boa qualidade, as plantas não sofrem contaminação por organismos nocivos à saúde.

Pimentas - como fazer picles de pimenta

O picles de pimenta mais procurado no mercado é o considerado bem ardido, por isso, deve ser fabricado com pimentas com alto teor de capsaicinoides, como a pimenta malagueta e a cumari. Entretanto, picles feitos com pimenta dedo de moça também são muito procurados e apreciados pelos consumidores. Para controlar o botulismo, o picles de pimenta deve ser fabricado em solução de vinagre, não se utilizando álcool ou óleo para esse fim.

Pimentas - como fazer pimenta em salmoura

A salmoura é um método simples de conservação da pimenta, consistindo em armazená-la na solução por um período de até dois anos, mas não como um produto final para ser consumido. Este é um excelente método de conservação utilizado para manter as pimentas, in natura, com condições de uso, podendo ser posteriormente, processadas por até um ano. A pimenta em salmoura é uma boa alternativa para o produtor, que não tem como escoar sua produção, e para a indústria conservar a pimenta para os períodos de entressafra, fazendo o estoque anual da fábrica. Essa é a principal forma de comercialização da pimenta em grandes quantidades.

Produção comercial de Agapanto - propagação, cultivo, tratos culturais e cultivo em vasos

Planta ornamental, apesar de sua rusticidade, o Agapanto é uma nativa da África do Sul. Possui características de clima subtropical e é muito encontrado em jardins do sul e do sudeste por gostar e tolerar climas frios. Para se desenvolver satisfatoriamente, o Agapanto precisa de solo rico em matéria orgânica. O nome Agapanthus, em latim, significa "flor do amor" e chama mesmo a atenção no jardim, por suas hastes florais de quase 1 m de altura. No auge da beleza, que acontece durante a primavera e o verão, o Agapanto apresenta inflorescências globosas, compostas por inúmeras flores azuladas. A planta é perfeita na separação de plantas altas em jardins e também para embelezar paredes exeternas e muros.

Atendimento Online
Quer Facilidade