WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Esquenta Black Friday 25%OFF nos cursos online

Plantas medicinais? Atenção à toxocologia!

Tão importante quanto conhecer os efeitos benéficos das plantas medicinais é saber analisar essas plantas com relação à toxicologia, pois, muitas vezes, intoxicações podem ocorrer

Plantas medicinais? Atenção à toxocologia!   Artigos CPT

 

Antes de fazer qualquer preparação com as plantas medicinais, primeiramente é preciso conhecê-las para saber identificar qual é a mais indicada para determinado sintoma ou doença. “Porém, tão importante quanto conhecer os efeitos benéficos das plantas medicinais sobre o organismo humano é saber analisar essas plantas com relação à toxicologia, pois, muitas vezes, intoxicações podem ocorrer”, afirma Alessandra Azis, professora do Curso CPT Farmácia Viva - Princípios Ativos, Identificação e Utilização de Plantas Medicinais.

Fatores que levam à intoxicação por mau uso de plantas medicinais:


- Com relação à dosagem
Muitas pessoas se intoxicam porque usaram determinada planta de forma muito exagerada ou por um tempo muito prolongado. Existe uma frase que diz o seguinte: “essa planta é natural, se não fizer bem, mal também não vai fazer não”, essa é uma falsa afirmativa, pois um princípio ativo pode interagir com outro, e até mesmo com medicações, e fazer mal sim!

- Sobre o tempo consecutivo de uso de cada planta
É importante observar que não se deve utilizar a mesma planta por um período de 15 dias, pois há pessoas que são sensíveis até mesmo à hortelã, podendo ocorrer a intoxicação. Então, é importante que se dê uma pausa para que o organismo desacostume ou então descanse da planta e, após cerca de sete dias, se possa retomar o uso. É possível também intercalar os chás de acordo com a função: por exemplo, se está utilizando um chá com função digestiva, como a hortelã, após 15 dias de uso, é preciso interromper o consumo, mas é possível consumir outro com a mesma função, como o boldo por mais 15 dias, podendo retomar a hortelã após esse período.

- Com relação à mistura de ervas
A recomendação é que se misture até três plantas por vez, e com mesma sinergia, para maior segurança e uso adequado. É comum no mercado, por exemplo, chá de 37 ervas, o que parece perigoso devido à soma dos vários princípios ativos presentes ali.

- Consumo por mulheres gestantes
Gestantes com até três meses de gestação não devem consumir plantas medicinais de espécie alguma, pois muitas agem diretamente no útero, podendo prejudicar a saúde do feto e da mãe.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


Princípios ativos de plantas medicinais. O que são?
Vai cultivar plantas medicinais em casa? Deposite carinho nessa ação!

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Aprimore seus conhecimentos. Conheça os Cursos CPT da área Plantas Medicinais.

Por Silvana Teixeira.

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Plantas Medicinais

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!