Ligue Agora (31) 3899-7000 WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

População supera consumo de água doce em nível global

Segundo estudos, o Planeta está em estresse hídrico, pois a população já superou o consumo de água doce em nível global

Consumo de água
 

Dados coletados entre 1901 e 2008, analisados novamente em 2015, comprovam que o Planeta está em estresse hídrico, pois a população já superou o consumo de água doce em nível global. Para a maior precisão dos resultados, foram estudados o clima, a hidrologia e o uso de água em diversas bacias hidrográficas distribuídas pelo mundo.

Segundo Gia Destouni, professora da Universidade de Estocolmo, a situação é alarmante e bastante preocupante. A especialista ainda completa: “O aumento dessa perda por causas humanas é como um grande rio de água doce da Terra para a atmosfera. Mudamos muito o sistema da água doce sem saber. E como resultado, superamos os limites do consumo de água doce do Planeta”.

As principais atividades responsáveis pelos maiores gastos de água doce no Planeta são as regas ou as construções de barragens. Estas ultrapassam o limite de consumo em 20%, muito mais do que o previsto conforme pesquisa publicada pela bem-conceituada revista Science.

Com isso, a água doce evaporada para a atmosfera chega a 4.370 quilômetros cúbicos anuais, ou seja, iguala-se a dois terços do fluxo anual do Rio Amazonas, o maior em volume dentre os demais rios do mundo.

Tais efeitos, antes subestimados pelo homem, já superam as mudanças climáticas extremas. Portanto, algo deve ser feito para evitar maiores impactos no meio ambiente e, assim, minimizar o colapso hídrico do Planeta.

Por Andréa Oliveira.

Fonte: Canal Rural.

Salvar

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!