WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Conheça nossos Cursos Profissionalizantes (combos) com 40% de DESCONTO

Outubro Rosa

Conheça informações sobre o câncer de mama, sintomas, diagnóstico, tratamentos, mamografia, autoexame.

Outubro Rosa é uma campanha realizada por diversas entidades durante o mês de outubro.

Outubro Rosa é uma campanha realizada por diversas entidades durante o mês de outubro.

Outubro Rosa é uma campanha realizada por diversas entidades durante o mês de outubro e tem como finalidade a conscientização das mulheres e da sociedade para prevenção e diagnóstico do câncer de mama.

O movimento teve início no ano de 1990, em uma corrida que ficou conhecida como Corrida da Cura, realizada em Nova York. Mas foi somente em 1997 que outras cidades dos Estados Unidos e do mundo começaram a promover atividades voltadas para o diagnóstico e prevenção da doença, escolhendo o mês de outubro para realização destas ações.

O que é o câncer de mama?

O câncer de mama afeta as mamas, glândulas que são formadas por lobos que se dividem em estruturas menores chamadas lóbulos e ductos mamários. É o tumor maligno mais comum em mulheres e o que mais leva as brasileiras à morte, segundo o Instituto Nacional do Câncer - INCA.

Relativamente raro até os 35 anos de idade, tem incidência maior e desenvolvimento rápido e progressivo em mulheres acima desta idade. Cabe ressaltar que nem todo tumor de mama é maligno e a maioria dos nódulos detectados são benignos.

Principais fatores de risco

O desenvolvimento deste tipo de câncer pode acontecer em decorrência de diversos fatores de risco como:

- histórico familiar;

- estilo de vida, como excesso de peso e a ingestão regular, mesmo quando moderada, de álcool;

- aumento da idade;

- menarca precoce, primeira menstruação antes dos 11 anos;

- menopausa tardia, após os 55 anos;

- nunca ter engravidado;e

- ter tido o primeiro filho depois dos 30 anos.

Diagnóstico precoce

Quanto mais cedo o câncer de mama for detectado, mais fácil são as chances de curá-lo. Se no momento do diagnóstico o tumor tiver menos de 1 centímetro, estágio inicial, as changes de cura chegam a 95%, segundo a Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama - Femama.

Quanto maior o tumor, menor a probabilidade de vencer a doença, por isso, a detecção precoce é tão importante e fundamental na luta contra o câncer de mama.

Autoexame

O autoexame é muito importante para diagnóstico do câncer de mama, de forma secundária. É essencial que a mulher conheça seu corpo, em especial a mama, e perceba qualquer alteração existente.

Ele deve ser realizado uma vez por mês, após a menstruação, por meio visual ou de palpação. Já para as mulheres que não menstruam mais, cabe definir uma data e fazê-lo uma vez por mês, sempre no mesmo dia.

Mamografia

A mamografia é um exame de raio-X onde a mama é comprimida entre duas placas de acrílico para melhor visualização. Apesar desta compressão ser desagradável para algumas mulheres, é importante lembrar que ela não é prejudicial para a mama. A dose de raio-X em aparelhos modernos é muito baixa, não sendo empecilho à realização do exame.

Fundamental e insubstituível, a mamografia pode detectar nódulos na mama em seu estágio inicial, quando não são percebidos na palpação do autoexame feito pela mulher ou pelo profissional de saúde. Por serem pequenos, esses nódulos têm menor probabilidade de disseminação e mais chances de cura.

Por essa razão, as mulheres acima de 40 anos, devem realizar a mamografia regularmente, em intervalos anuais. Com a efetivação da Lei Federal nº 11.664/2008, em vigor a partir de 29 de abril de 2009, toda mulher brasileira tem direito a realizar pelo SUS sua mamografia anual a partir dessa idade.

Sintomas

O sintoma mais comum do câncer de mama é o aparecimento de um caroço. Nódulos que são indolores, duros e irregulares têm mais chances de ser malignos, mas há tumores que são macios e arredondados. Portanto, é importante ir ao médico. Outros sinais do câncer de mama incluem:

- inchaço em parte do seio;

- irritação da pele ou aparecimento de irregularidades, como covinhas ou franzidos, que fazem a pele se assemelhar à casca de uma laranja;

- dor no mamilo ou inversão do mamilo (para dentro);

- vermelhidão ou descamação do mamilo ou pele da mama;

- saída de secreção (que não leite) pelo mamilo;e

- caroço nas axilas.

Informações:

Para maiores informações consulte os seguintes site:

- Portal da Saúde

- Instituto da Mama

#cancerdemama nas redes sociais

 

 

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Aprenda a Fazer o Autoexame das Mamas

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!