WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Torne realidade o sonho de viver do que você ama! 20% OFF nos cursos online + 5% OFF pagando no cartão

Doenças do abacaxi: podridão negra e fusariose

O abacaxizeiro (Ananas comosus) é uma fruteira de clima tropical e subtropical, que pode ser acometida por doenças

Doenças do abacaxi: podridão negra e fusariose

O abacaxizeiro (Ananas comosus) é uma fruteira de clima tropical e subtropical. No Brasil, os maiores produtores de abacaxi são os mineiros, os paraibanos e os paraenses, graças às condições climáticas favoráveis nas regiões”, relatam os especialistas da FRUPEX – Programa de Apoio à Produção e Exportação de Frutas, Hortaliças, Flores e Plantas Ornamentais do Brasil, e professores do Curso CPT Produção de Abacaxi.

Entretanto, são necessários alguns cuidados para aumentar a produtividade e qualidade dos abacaxis, como a adoção de medidas de controle de doenças (podridão negra e fusariose). Vejamos ambas com maiores detalhes:

Podridão negra


No transporte e armazenamento dos abacaxis, o manejo inadequado pode desencadear a podridão negra. Principalmente porque o Ceratocistys paradoxa, responsável pela doença, penetra em lesões causadas nos frutos. No abacaxi maduro, a podridão se concentra no pedúnculo e na base do fruto. Com o ataque do fungo, o fruto passa exalar odor de fermentado, com polpa coberta pela cor negra.

Medidas de controle:

->Não colher abacaxis em dias de chuva;
->Transportar cuidadosamente os frutos;
->Evitar injúrias nos abacaxis no transporte e no armazenamento;
->Embalar os frutos com todo cuidado;
->Armazenar os frutos em temperaturas abaixo de 10°C;
->Desinfetar os locais de embalagem e armazenagem dos abacaxis.

Fusariose


A fusariose é um dos piores pesadelos dos fruticultores, causada pelo agente patogênico Fusarium subglutinans. Nos frutos, as perdas podem chegar a 40%, e nas mudas, a 20%. Altos índices pluviométricos e temperaturas baixas, em especial nas fases de floração e frutificação, geram perdas ainda maiores (80%). As variedades de abacaxi mais vulneráveis à fusariose são o abacaxi Pérola e o abacaxi Smooth.

No caule do abacaxizeiro, a ação do fungo promove odor semelhante à cana fermentada. Já nos abacaxis verdes, da superfície, verte uma espécie de goma. Além disso, os frutos se tornam amarelados, precocemente, sem estarem maduros. Da mesma forma, eles deformam devido à perda de turgidez da polpa. Quanto aos abacaxis maduros, eles ganham coloração, que varia de parda a marrom.

Medidas de controle:

->Plantar variedades resistentes;
->Eliminar abacaxizeiros doentes com enterrio;
->Descartar restos culturais com queima;
->Proceder à indução floral em períodos sem chuva;
->Cobrir novas inflorescências com sacos de papel dupla face;
->Usar fungicidas alternadamente (prescritos por engenheiro agrônomo).

Conheça os Cursos CPT da Área Fruticultura:

Produção de Abacaxi

Produção de Maracujá

Produção de Melão

Fonte: Portal Agropecuário - portalagropecuario.com.br

Por Andréa Oliveira.

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis E-book Implantação de Pomar e Cultivo de Frutíferas

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!