WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Semana do Campo CPT!

5 dicas para produzir goiabas de qualidade e de valor comercial

A produção de goiabas permite várias formas de aproveitamento dos frutos produzidos. Trata-se de uma cultura que oferece bons resultados de comercialização no mercado, com boas perspectivas de negócios

5 dicas para produzir goiabas de qualidade e valor de comercial - Artigos Cursos CPT

A produção de goiabas permite várias formas de aproveitamento dos frutos produzidos. Para se ter ideia, a goiaba é muito empregada nas indústrias de néctar, suco, refrigerantes, compota, biscoitos e muitos outros produtos, além de ser amplamente consumida como fruta fresca. Portanto, trata-se de uma cultura que oferece bons resultados não só com a comercialização no mercado interno, mas, também, no mercado exportador, com boas perspectivas de negócios.

Segundo os pesquisadores da Goiabrás, responsáveis pela produção do Curso a Distância CPT Produção de Goiaba, em Livro+DVD e Curso Online, “A goiabeira, ao longo do seu ciclo produtivo, apresenta sucessivas brotações e floradas, o que provoca um desenvolvimento e uma maturação dos frutos de maneira desuniforme. Por isso, a colheita dos frutos tem que ser realizada de  duas a três vezes por semana, numa mesma planta”. No entanto, para que o produtor consiga frutos de qualidade e bom valor comercial as goiabas deverão estar desenvolvidas, limpas,  de  tamanho uniforme e encontrar-se livres de odores, sabores estranhos, umidade externa anormal e insetos (em todas as suas fases de desenvolvimento).

Para aumentar suas chances de sucesso com a produção de goiabas, o produtor deverá se atentar aos seguintes fatores:

1- Concentração da produção em época determinada


A goiaba, quando cultivada sob irrigação, pode produzir mais de uma safra por ano e para que o produtor consiga concentrar a produção em determinadas épocas do ano, deverá realizar a poda total das plantas, encurtando todos os ramos do ano, deixando intactos de 12 a 15 ramos das goiabeiras. À medida que novos ramos vão brotando e ao atingirem 20 cm de comprimento, o excesso (aqueles deixados para servirem apenas de guarda-sol) deverá ser eliminado.

2- Como evitar bichos de goiaba


Os bichos comumente encontrados em goiabas são provenientes de larvas depositadas por insetos, em sua maioria, da mosca-da-fruta. A infestação acontece da seguinte forma: Elas  atacam  os  frutos  jovens  da  goiabeira,  depositando seus ovos sobre a casca que, ao eclodirem, dão origem às larvas,  conhecidas  como  bicho-da-goiaba.  As  larvas,  então,    penetram  no  fruto,  antes  de  atingir  a  maturação  e destroem a  sua  polpa,  inutilizando-o  para  o  consumo.  Quando  vai  se  transformar  em pupa, faz um orifício no fruto, caindo no solo, transformando-se em mosca na forma adulta. Para acabar com esse problema, basta ensacar as goiabas assim que atingirem de 2 a 3 cm de diâmetro. É importante que se faça um rasgo na parte inferior do saquinho para que não haja umidade excessiva em seu interior. O material para ensacamento dos frutos pode ser adquirido em casas especializadas do ramo. Esta prática permite o controle de diferentes espécies de insetos que danificam as goiabas, mas se optar pelo uso de inseticidas, procure auxílio de um especialista habilitado.

3- Como acabar com a ferrugem nos galhos


A ferrugem-da-goiabeira evidencia a existência de infecção fúngica. afeta tecidos novos de  órgãos  da  goiabeira  em  desenvolvimento.  A  ferrugem  ataca  as  folhas,  botões florais,  frutos  e  ramos,  produzindo  manchas  necróticas  e  circulares,  provocando perdas  de  grandes  quantidades  de  flores  e  de  frutos  em  desenvolvimento. Para amenizar o problema, o produtor deve aumentar o arejamento e a incidência de raios solares sobre os pés de goiaba, ao mesmo tempo que reduz o tempo de molhamento da planta. Para isto, basta retirar as brotações vegetativas e o excesso de brotações floríferas. Apesar de existirem produtos eficientes para o controle desses agentes biológicos, apenas um profissional da área agrícola poderá indicar quais produtos podem ser utilizados nessas situações e de acordo com a legislação vigente.

4- Como garantir polpa saudável


Quando os frutos de uma plantação começam a apresentar polpa de coloração escura, quase preta, o produtor deverá encaminhar uma amostra a uma profissional as Secretaria de Agricultura do município, para que o mesmo faça uma avaliação e correto diagnóstico das possíveis causas. Somente desta forma poderá fazer um correto controle da injúria e salvar sua plantação.

5- Folhas furadas


Furos em folhas de goiabeiras indicam infestação do besouro amarelo (Costalimaita ferruginea) que as têm como alimento. Sua incidência maior é no fim da primavera, após as fortes chuvas responsáveis pelo encharcamento do solo. Uma forma de acabar com a incidência do besouro amarelo é evitar implantação de pomares próximos às goiabeiras e manter o solo vegetado, dificultando que o ciclo biológico do inseto se complete e favorecendo a atividade de possíveis inimigos naturais do besouro na área. Mais uma vez, caso o produtor opte pelo uso de inseticidas a presença de um técnico da área agrícola é fundamental. Desta forma, ele poderá indicar a ação mais adequada a ser tomada para eliminar a praga.

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Fruticultura.
Por Silvana Teixeira.
Fonte Globo Rural.

Salvar

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Paulo R H Machado

15 de fev de 2020

Item 2. Moro sozinho. Ensacar meio milhão de goiabas? A maioria no meio dos galhos entre tres e quatro metros de altura! Deve ter meio mais rapido e mais prático.

Resposta do Portal Cursos CPT

5 de mar de 2020

Olá Paulo!

Agradecemos pelo seu comentário!

Essas foram apenas algumas dicas. Caso não funcione para você, recomendamos que procure meios que irão te atender melhor. Que tal buscar a ajuda de um especialista?

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!