WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Trabalhar com mel e seus subprodutos dá dinheiro? Sim, dá!

As alternativas de processamento e comercialização de mel e de outros produtos das abelhas, além de incentivar o consumo, agregam maior valor, permitindo melhor remuneração a quem o produz

Trabalhar com mel e seus subprodutos dá dinheiro? Sim, dá!   Artigos Cursos CPT

 

O mercado brasileiro de mel encontra-se em franca expansão e há muito mercado para o apicultor conquistar, tanto no mercado interno como para exportação. Apesar de a produção anual de mel brasileira ter aumentado muito nos últimos anos, boa parte do mel consumido é importado, especialmente da Argentina, um dos grandes exportadores mundiais.

O aumento da demanda para exportação, especialmente os preços convidativos pagos pelo mercado internacional, determinou um deficit do produto no mercado interno, onde, ainda assim, as vendas têm se mantido aquecidas, em função da crescente demanda por alimentos naturais.

Vale destacar que, especialmente os compostos, mel com própolis, geleia real e extratos vegetais variados (que têm função terapêutica, na medicina popular e alternativa) já representam a maior parte do mel comercializado no país. Por outro lado, os cosméticos artesanais à base de mel e outros subprodutos das abelhas, também têm ganhado espaço no mercado. Sem contar balas, doces e confeitos, que são cada vez mais procurados, por consumidores ávidos por produtos de apelo natural.

“É importante destacar que estas alternativas de processamento e comercialização de mel e de outros produtos das abelhas, além de incentivar o consumo, agregam maior valor, permitindo melhor remuneração a quem o produz”, afirma Paulo Sérgio Cavalcanti Costa, professor do Curso a Distância CPT Planejamento e Implantação de Apiário.

Da mesma maneira, os mercados de mel “in natura”, ou seja, que não foram misturados, começam a encontrar um caminho de crescimento de mercado, ao se apresentarem de forma diferenciada quanto ao tipo de mel produzido, em relação às floradas. As diferentes fragrâncias das flores determinam diferenças no aroma, conforme a origem do mel, facilmente percebidas. Além disso, os elementos que compõem o néctar da planta influenciam diretamente na coloração.

Esse tipo de produto proporciona ao apicultor um duplo benefício:


• aumenta a oferta de produtos para a maioria dos consumidores que estão em busca de produtos cada vez mais diferenciados; e
• vende mel de diversas floradas, que acontecem em diferentes épocas do ano, mantendo a oferta de mel por mais tempo.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- 3 segredos do apiário de sucesso: equipamentos, manejo e florada
- Vai implantar um apiário? Conheça aqui os 5 primeiros passos

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos a Distância CPT da área Apicultura.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!