WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Torne realidade o sonho de viver do que você ama! 20% OFF nos cursos online + 5% OFF pagando no cartão
Cursos da Área Curso Inseminação Artificial em Bovinos - Convencional e em Tempo Fixo Curso Fabricação de Ração na Fazenda Curso Planejamento Alimentar em Sistema de Pastejo - Para Gado de Leite e Corte Curso Alimentação de Vacas Leiteiras em Pasto e em Confinamento Curso Enquanto o Veterinário Não Chega - Atendimento a Bovinos Curso Produção de Leite em Pasto Curso Prevenção e Controle de Mastite Curso Pastoreio de Lotação Rotacionada para Gado de Leite e Corte Curso Melhoramento Genético de Gado de Leite Curso Manejo da Vaca Gestante no Parto e Pós-Parto Curso Como Produzir Mais Leite e Mais Bezerras Curso Bezerras de Raças Leiteiras - Do Nascimento ao Desaleitamento Curso Conforto Animal para Maior Produção de Leite Curso Cana Ureia - Alimento de Baixo Custo para Bovinos Curso Sistema Superintensivo de Produção de Leite em Pasto Curso Ordenha Mecânica Curso Shamballah - O Segredo da Alta Produtividade Leiteira Curso Produção de Leite em Confinamento Curso Controle de Carrapato, Berne e Mosca-dos-Chifres Curso Recria de Novilhas para Produção de Leite Curso Formação e Manejo de Capineira Curso Sistemas Silvipastoris - Consórcio de Árvores e Pastagens Curso Criação de Bezerros de Raças Leiteiras para Corte Curso Pastejo Rotativo em Capim-Elefante Curso Manejo Homeopático para Gado de Leite Curso Produção de Leite Orgânico Curso Pastoreio Voisin para Gado de Leite Curso Manejo Sanitário de Bovinos para Produção Orgânica de Leite Curso Vacas Meio-Sangue para Produção de Leite Curso Avaliação, Julgamento e Preparo de Vacas Leiteiras para Eventos Curso Produção de Vitelos Áreas Afins 30Gado de Corte 17Pastagens e Alimentação Animal Depoimentos dos Alunos Alunos de Sucesso Depoimentos Publicações TV Cursos CPT Artigos Notícias Dicas Cursos CPT Entretenimento Beirada de Fogão Melhores Filmes do Cinema Reflexões

Top 3 doenças mais comuns em bezerros

As semanas iniciais de vida do bezerro são as mais críticas, pois o animal pode contrair uma série de doenças

Top 3 doenças mais comuns em bezerros

Na pecuária, uma das fases mais críticas ocorre nas semanas iniciais de vida dos bezerros. Por serem muito novos, são frágeis e vulneráveis a infecções e doenças. Sendo assim, “o pecuarista deve monitorar continuamente esses bovinos. Se constatada alguma anormalidade, deve-se procurar imediatamente um médico veterinário para um tratamento rápido e assertivo”, Rosane Scatamburlo Lizieire Fajardo, professora do Curso CPT Criação de Bezerros de Raças Leiteiras para Corte.

1. Onfaloflebite


A onfaloflebite é uma inflamação no cordão umbilical do bezerro neonato. Ela ocorre por ação de agentes contaminantes devido à falta de higiene ao parto e cura inadequada do umbigo. Como sintoma inicial, ocorre inchaço no umbigo. Em casos mais evoluídos da doença, o bezerro pode contrair peritonite. Se houver metástase, o bezerro pode apresentar um quadro de pneumonia.

Limpar e desinfetar a região umbilical com antissépticos e aplicar antibióticos injetáveis são as melhores formas de tratamento da onfaloflebite. Como prevenção, o responsável pelo bezerro neonato deve garantir ao animal um local livre de sujeira, umidade, fezes e urina. Além disso, deve-se proceder à correta cura do umbigo para uma rápida cicatrização.

2. Diarreia


A diarreia é uma das maiores vilãs, responsáveis por altas taxas de mortalidade em bezerros. Quando infectado, o jovem bezerro começa a perder eletrólitos corporais e líquidos, com consequente desidratação. Quando não tratada a tempo, a diarreia causa choque hipovolêmico e morte do bezerro. São duas as bactéria causadoras de diarreia: a Salmonella spp. e a Colibacilose Escherichia coli.

Vacinar a vaca ao fim da gestação, fornecer colostro ao bezerro e manter o ambiente limpo e desinfetado são os melhores métodos de prevenção da doença. O bezerro com diarreia é tratado com potentes antibióticos. Entretanto, o início do tratamento deve ser imediato para aumentar as chances de cura do animal.

3. Pneumonia


O bezerro está sujeito a dois tipos de pneumonia, a infecciosa e a por metástase. Na primeira, os agentes patógenos são vírus (ou bactérias) dos gêneros Klebisielia e Pastetirelia. Na segunda, o bezerro já está doente, com diarreia em estágio avançado, por exemplo. Consequentemente, as bactérias entram na corrente sanguínea do animal e se espalham por todo organismo, inclusive nos pulmões, o que causa a pneumonia.

Antibióticos de amplo espectro são os mais recomendados. Em caso de verminose pulmonar, ministra-se anti-helmíntico. Como medidas preventivas, devem ser realizados manejo alimentar e sanitário adequados, bem como evitar superlotação dos currais. Além disso, o ambiente deve ser livre de umidade e bem ventilado.

Conheça os Cursos CPT da Área Gado de Leite.

Leia o artigo "O que fazer para diminuir o inchaço no joelho de bezerros?"

Fonte: blog.agroline.com.br

Por Andréa Oliveira.

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Manual do Gado Zebu

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!