WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"dvd-fabricacao-hack"

Quantos dispositivos podem ser conectados em um cabo SATA?

O cabo SATA conecta somente um dispositivo SATA, seja ele HD ou um drive de CD ou DVD. No caso de se conectar mais de um dispositivo, deve-se utilizar um cabo e um slot da placa-mãe para cada dispositivo. Segundo Eder Moreira Lelis, professor do Curso a Distância CPT Manutenção Corretiva de Computadores, em Livro+DVD e Curso Online, "Ao conectar um dispositivo SATA, é necessário um conector de força. O conector de alimentação SATA substitui os antigos Molex e é utilizado em conjunto com o conector SATA. Ele é utilizado para a alimentação de Discos Rígidos e aparelhos de CD e DVD".

Você sabe medir ingredientes líquidos e gorduras?

Os ingredientes líquidos são os mais fáceis de medir, afirma Marli Cambraia, professora do Curso a Distância CPT Processamento de Milho Verde, em Livro+DVD e Curso Online. É só proceder da seguinte forma: colocar a xícara em um lugar que seja plano; despejar o líquido até encher a xícara ou atingir a medida desejada; não medir líquidos no ar (ou seja, com esses segurados pela mão); verificar o nível na altura da vista.

4 motivos para a degradação do solo. Evite-os!

O processo de degradação pode ocorrer devido a muitos fatores, afirma Ulysses Costa Freire, professor do Curso CPT Impactos Ambientais na Propriedade Rural - Prevenção e Controle, em Livro+DVD. São exemplos de alguns eles: I- O uso de fertilizantes sem a recomendação técnica da análise de solo induz à aplicação inadequada de calcário, degradando, quimicamente, o solo. II- As perdas de nutrientes por lixiviação, inundação do terreno, prática da monocultura, erosão, são outras causas da degradação química.

Queijo minas frescal: fabricação do queijo

Para a fabricação de queijo e outros produtos alimentícios, é necessário o uso de máscaras, como prevenção à contaminação. Porém, se forem utilizadas de forma inadequada, ao invés de reduzir os riscos de contaminação

Fabricação de móveis em série: o conceito de produção em série

O conceito de produção em série, ou seja, a fábrica produz um número limitado de modelos, em grande número, faz com que o trabalho do marceneiro seja repetitivo. Particularmente, na etapa de corte, quando as peças da lista de corte são produzidas

Fabricação de móveis em série: treinamento do marceneiro

É fundamental que todo marceneiro passe por treinamento específico, fazendo cursos e atualizando conhecimentos. Mas, uma boa estratégia para formação de um marceneiro, e que permite identificar mão-de-obra com perfil para essa profissão, é ter na função de ajudante de marceneiro um potencial aprendiz. Geralmente, são pessoas mais jovens que atuam como assistentes e com o tempo aprendem as técnicas. Se o aprendiz demonstra interesse e tem habilidade, será interessante investir no seu treinamento, além da aprendizagem na própria fábrica, por meio de cursos profissionalizantes.

Projetos e fabricação de móveis: estilo colonial

O estilo colonial, identifica móveis com aparência mais antiga, como os móveis do tempo do Império e também os móveis que predominaram até o início do sécuulo XX, no Brasil.

Projetos e fabricação de móveis: estilo moderno

O Estilo moderno, vem desde o início do século XX, originário, principalmente, da Europa, em que se demonstra a funcionalidade e a simplicidade, aceitando a decoração que não as prejudique. Apresenta as linha mais retas, evitando o rebuscado dos entalhes e torneados, com predominância de formas geométricas.

Projetos e fabricação de móveis: o designer

profissional que faz o projeto, ou seja, que faz o "design" de alguma coisa, é chamado de "designer", que nada mais é que um projetista. No ramo de fabricação de móveis, geralmente, o ?designer? é um arquiteto especializado em ambientes e mobília. Este profissional recebe treinamento na sua formação, no que diz respeito à utilidade, forma, estrutura e à beleza dos móveis, havendo, inclusive, cursos de pós graduação que tornam um arquiteto um especialista em design de móveis.

Aditivos mais utilizados na fabricação de ração para bovinos

A principal forma de suprir o requerimento energético dos bovinos é através da absorção dos Ácidos Graxos Voláteis (AGVs) e também pelos açúcares simples que chegam ao intestino. Os AGVs, responsáveis por cerca de 70% desse suprimento, são resultantes da fermentação microbiana dos alimentos que chegam ao rúmen. De acordo com Jorge Prado Borges Neto, professor do Curso a Distância CPT Fabricação de Ração na Fazenda, em Livro+DVD e Curso Online, os mais importantes são o Ácido Acético, o Ácido Propiônico e o Ácido Butírico.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!