WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Para que usamos as reticências?

As reticências são usadas para indicar dúvidas ou hesitação; interrupção de uma frase incompleta; ao fim de uma frase completa para prolongar a ideia; e para indicar supressão

Por que usamos as reticências?   Artigos Cursos CPT

 

A pontuação é um recurso utilizado para marcar na escrita as pausas, entonações e os gestos que teríamos na situação de fala. “Devemos saber tudo sobre esse recurso da língua portuguesa, uma vez que a falta de pontuação ou a sua má colocação, por exemplo, pode alterar todo o sentido do que se pretende escrever”, afirma Rozimar Gomes, professora responsável pela Aula 8 – Pontuação, da Série Professor Eventual, Volume VII, elaborada pelo Centro de Produções Técnicas. Por exemplo:

1- Eles não são amigos = afirmativa
2- Eles não, são amigos = exceção (Trata-se de uma afirmativa ainda que a frase apresente uma palavra negativa)

Principais elementos de pontuação: reticências, aspas, parênteses, vírgula; ponto final, ponto e vírgula, dois pontos, travessão, exclamação e interrogação. A exclamação, o travessão e a interrogação, embora também usados em grande escala na língua portuguesa, tem seu uso restringido em textos técnico-científicos por serem considerados recursos emotivos.

Regras de pontuação: uso das reticências


a) As reticências são usadas para indicar dúvidas ou hesitação de quem fala. Ex.: “eu… não sei se devo dizer...”
b) Interrupção de uma frase gramaticamente incompleta. Ex.:
- Alô! Posso falar com a coordenadora?
- Ela está em outra ligação…
c) Ao fim de uma frase completa para prolongar a ideia. Ex.: Infância plena de injustiças, falta de dinheiro, ausência da escola, orfandade...
d) Para indicar supressão, ou seja, ausência de palavras. Ex.: “São mulheres desgraçadas (…) trazendo filhos e algemas nos braços.” (Castro Alves)
e) No início ou no meio de uma citação para indicar supressão de partes. Ex.: (…) aprendizado da leitura (…) permite tanto a expansão do vocabulário como a apropriação de situações sociais e contextos culturais variados. (Psicologia em Estudo, Maringá, v.9, n.3, p.439-438, set./dez. 2004).

Quer saber mais sobre essa Série? Conheça todas as aulas disponibilizadas em DVDs. No Box são abordados os seguintes temas:


Aula 1- Acentuação Gráfica
Aula 2- Coerência e Coesão
Aula 3- Concordância Nominal e Verbal
Aula 4- Crase
Aula 5- Classes de Palavras Invariáveis
Aula 6- Classe de Palavras Variáveis
Aula 7- Ortografia: Letras Concorrentes
Aula 8- Pontuação
Aula 9- Reforma Ortográfica
Aula 10- Regência Verbal e Nominal

Por Silvana Teixeira.

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Maria daro

19 de mai. de 2022

Amei, estes conteúdo.obrigada

Resposta do Portal Cursos CPT

27 de mai. de 2022

Olá, Maria! 

Nós que agradecemos sua visita em nosso site! 

E ficamos felizes por contribuir com seu conhecimento! 

Abraço! 

Ingrid Filomeno 

Wagner lopes

24 de fev. de 2022

Amei a descrição sobre pontuação e principalmente sobre reticências, me tirou algumas dúvidas. Obrigado, e parabéns!

Resposta do Portal Cursos CPT

25 de fev. de 2022

Olá, Wagner! Tudo bem?

Fico feliz em saber que nosso artigo te ajudou de alguma forma

No link a seguir você encontra maiores informações sobre os cursos da empresa CPT https://www.cpt.com.br/

Agradeço seu contato e precisando estou à disposição. Abraço!!

Karina Theodoro

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!