WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Ensino individual - Autonomia em sala de aula

Acertando, errando e se recuperando, se necessário, é que o aluno superará com tranquilidade as etapas do processo gradativo de evolução do conhecimento

Dúvidas e inseguranças ao adotar o ensino centrado no aluno são normais. Mas, é importante destacar que os métodos de trabalho individualizados só funcionam se forem adotados princípios de autonomia, iniciativa e da concepção de aprendizagem como um processo ativo.

De acordo com o nível de aprendizagem do aluno, todos esses elementos, autonomia, iniciativa, divisão das atividades em pequenas etapas, autocorreção, revisão, continuidade ou reinício, são condutores do processo. São eles que vão propiciar o ensino centrado no aluno e o trabalho sendo feito individualmente.

Os princípios do método de ensino individualizado são os seguintes:

1) Autonomia

Quando falamos em autonomia, nos referimos à confiança, ao pensamento próprio, à independência e à segurança que o aluno deve conquistar para dar andamento ao trabalho individual. Essas características devem ser incentivadas e valorizadas. Rotineiramente, o professor deve incentivar os alunos a elaborar e fazer perguntas, a partir de cada avanço no conceito estudado. E, também, a questionar os conceitos propostos e as respostar às perguntas formuladas. Perguntas e questionamentos devem ser valorizados.

2) Iniciativa

Quando falamos da iniciativa, nos referimos à motivações, à capacidade de escolha própria, aos interesses e às necessidades do processo de aprendizagem. A iniciativa deve ser estimulada e seus resultados valorizados, mesmo que insuficientes em um primeiro momento. Os exemplos de boas iniciativas devem ser elogiados rotineiramente.

3) Divisão das atividades em pequenas etapas

O princípio da divisão em etapas está relacionado à possibilidade de o aluno, ao trabalhar sozinho, poder gerenciar melhor a aprendizagem, avançando ou revendo conteúdos com mais facilidade. Unidades muito grandes são mais difíceis de serem trabalhadas de forma autônoma. Já as etapas pequenas, que reúnem conceitos mais simples, que servem de base para as etapas seguintes, permitem ao aluno um trabalho individual mais produtivo, em que a autocorreção e a revisão são facilitados.

Outras vantagens da divisão do estudo autônomo em pequenas etapas são:

- A fixação do conteúdo é mais efetiva;
- Se há necessidade de reforço, este pode ser desenvolvido com mais facilidade;
- Os alunos se sentem mais estimulados a trabalhar por vislumbrarem, em um horizonte de tempo mais curto, a conclusão da tarefa proposta;
- A conclusão efetiva de cada etapa estimula os alunos a iniciarem a etapa seguinte, melhorando o fluxo de aprendizagem.

4) Autocorreção

Outro princípio fundamental, para que os métodos de ensino individualizado sejam efetivos quanto à aprendizagem, é o da autocorreção.

Significa que o aluno, ao trabalhar sozinho, deve estar preparado para se avaliar e se corrigir, se necessário. Para isso, deverão estar seguros quanto aos critérios de verificação do próprio aprendizado, e tranquilos para recorrer ao professor, caso se sintam inseguros.

O professor, por sua vez, deve relativizar erros ou acertos, buscando nos erros elementos que levem ao acerto. Muitas vezes, equivocadamente, o professor e seus alunos, em decorrência, colocam o erro como ponto final do processo, ou seja, errou, acabou. Isso ocorre quando, na verdade, deveria colocar o erro como parte do processo de aprendizagem.

Encarar o erro com normalidade é fundamental, tanto para a fixação do conhecimento como para a recuperação da aprendizagem, se necessário.

5) Revisão

Embora os próprios estudantes duvidem disso, quando trabalham autonomamente de maneira orientada, aumentam muito a própria aprendizagem

O princípio da autocorreção nos leva ao princípio da revisão, que diz respeito aos avanços ou à repetição da etapa em que o aluno teve dificuldade. É importante que o professor mostre ao aluno que a revisão deve ser encarada como uma renovação do conhecimento. Revisar é fortalecer e reforçar as bases da aprendizagem. E isso deve ser conversado cotidianamente na sala de aula, enquanto os alunos desenvolvem atividades individuais.

6) Continuidade ou reinício

Merece destaque o princípio da continuidade ou reinício, que depende de todos os demais princípios. Em função da autocorreção e da revisão, o aluno deve decidir se passa à próxima etapa, ou se reinicia o estudo para recuperação da aprendizagem.

Ao preparar o conteúdo para utilizar algum tipo de metodologia de ensino individualizado, é preciso pensar na articulação sequenciada do conteúdo proposto e da sua continuidade. O conteúdo deve ser dividido de maneira estratégica, em uma sequência que, ao mesmo tempo em que atende ao princípio das pequenas etapas, tenha também continuidade. A divisão nunca é aleatória. Cada etapa deve ter início, meio e fim. Tem de ser feita de forma que ocorra uma organização sequenciada do estudo e que considere também a estruturação lógica do conhecimento.

Saiba mais sobre a Metodologia de Ensino Individual, acessando os seguintes tópicos:

Ensino individual – Processo de Aprendizagem

Ensino individual – Fatores que influenciam a individualidade do processo de aprendizagem

Ensino individual – O ensino centrado no aluno

Ensino individual - Características das atividades de ensino individualizado


Saiba mais informações, acessando o Curso Metodologia de Ensino Individual

Por: Paula Tibúrcio

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

enio lucena souza

13 de out. de 2013

Olá, tudo bem gostei! Gostei trabalho muito interessante parabéns.

Resposta do Portal Cursos CPT

14 de out. de 2013

Olá, Ênio!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!