WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Reprodução de caprinos: como manejar

A reprodução dos caprinos é de extrema importância para a produção de leite pois o filhote precisa estar recém parido e alcançar o pico de lactação. Por isso o cuidado e a observação dos dias de lactação são essenciais.

A reprodução dos caprinos é de extrema importância para a produção de leite pois o filhote precisa estar recém parido e alcançar o pico de lactação. Por isso o cuidado e a observação dos dias de lactação são essenciais.

O período de lactação é essencial tanto para o filhote quanto para se iniciar um novo processo reprodutivo. O pico da lactação pode durar até 300 dias, porém, após 60 dias as cabras começam a produzir em menor quantidade e isso é importantíssimo! É agora que se deve iniciar um novo processo de acasalamento por meio de inseminação artificial para que o animal retome o pico de produção de leite. 

  No entanto, é fundamental que um veterinário acompanhe o manejo reprodutivo para se aplicar a melhor forma reprodutiva: monta natural, monta controlada ou aplicando-se biotécnicas reprodutivas, sendo essas utilizadas quando o objetivo é melhorar a genética do rebanho. 


  • Monta natural: método utilizado sem haver interferência humana. Vantagens: menos custo e menor mão de obra. Desvantagens: necessidade de machos reprodutores no rebanho, ausência de controle sobre o número de coberturas realizadas.
  • Monta controlada: método utilizado em sistemas intensivos de produção de leite em que fêmeas em cio são identificadas. Após isso, elas são encaminhadas para uma baia de machos reprodutores. Vantagens: menor custo, controle reprodutivo, utilização mais eficiente de caprinos reprodutores. Desvantagens: necessidade de mão de obra e risco de doenças sexualmente transmissíveis, necessidade de instalações. 
  • Inseminação artificial: Utilizado quando os produtores não possuem macho reprodutor. O semên é congelado e só é retirado no momento da inseminação.   

"Ao escolher que método aplicar ao rebanho de caprinos é necessário que o médico veterinário leve em consideração não apenas características da raça e do manejo alimentar, mas também o sistema de criação, a mão de obra disponível e as instalações da propriedade rural", explica a professora Magna Coroa Lima do Curso Caprinocultura: Produção e Principais Doenças

Gostou da matéria? Quer saber mais sobre os cursos CPT? Assista ao vídeo abaixo 

 

 

Conheça os Cursos CPT da área Medicina Veterinária

Por Anna Luiza Mariquito

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!