WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Cultivo de banana - principais doenças

No cultivo da bananeira, as doenças são uma grande preocupação, pois a maioria das perdas que acontecem na produção são atribuídas a elas

 
Cultivo de banana - principais doenças

 

As doenças que atacam as bananeiras são consideradas umas das maiores preocupações entre os produtores, pois são responsáveis por elevadas perdas na produção. Durante todo o ciclo vegetativo e produtivo da bananeira, ela pode ser afetada por várias doenças, as quais podem ser causadas por fungos, vírus e nematoides.

→Sigatoka amarela: conhecida também como mal-de-Sigatoka, é uma doença provocada por fungos que afeta as folhas da bananeira, destruindo-as parcial ou totalmente.

→Sigatoka negra: doença que provoca danos maiores às bananeiras que os da Sigatoka-amarela, pois possui uma grande virulência, ou seja, maior capacidade de destruição dos bananais. É a doença da bananeira mais grave e temida no mundo.

→Murcha disfusário: é uma doença que, frequentemente, ataca todas as regiões produtoras de banana no mundo. No Brasil, ela torna-se mais grave porque a maioria das variedades cultivadas em nosso território são susceptíveis.

→Moko ou murcha bacteriana: trata-se de uma doença causada pela bactéria Ralstonia solanacearum Smith (Pseudomonas solanacearum). Esta doença causa perda elevada de produção e não existem variedades resistentes a essa doença.

→podridão mole: atribuída à bactéria Erwinia musa, é uma bactéria móvel, gram negativa, que forma colônias branco acinzentadas. Os sintomas caracterizam-se pelo apodrecimento do rizoma, evoluindo da base para o ápice. Ao realizar o corte do rizoma ocorre liberação de material liquido e fétido. Na parte aérea os sintomas podem ser confundidos com os do moko ou do mal-do-Panamá. Normalmente ocorre amarelecimento e murcha das folhas, podendo ocorrer quebra da folha no meio do limbo ou junto ao pseudocaule.
 
→Mosaico da bananeira: doença causada pelo vírus do mosaico do pepino, que produz sintomas parecidos com um mosaico, deixando as folhas das plantas infectadas com áreas verde-escuras e outras verdes claras e amareladas. Nos períodos de temperaturas baixas, a folha velha pode apresentar sinais de necroses.

→Estrias da bananeira: esse vírus é transmitido pela cochonilha dos citros. No campo, a sua principal forma de disseminação ocorre por meio de mudas infectadas.

→Nematoides: os nematoides também são um sério problema enfrentado pelos bananicultores. Eles são causados por pequenos vermes minúsculos que penetram na raiz da planta, causando lesões longitudinais e profundas. Com isso, o sistema radicular fica reduzido, prejudicando a absorção de água e de nutrientes que, por sua vez, inibe o desenvolvimento normal das plantas.

Quer saber mais sobre as doenças da bananeira conheça o Curso CPT Produção de Banana – Do Plantio à Pós-colheita.

Por: Ana Carolina dos Santos.

Fontes: Abanorte, Embrapa, Fitopatologia.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Semonides Ferreira da Cunha

23 de jan de 2017

Estou planejando um plantio de banana em meu sitio na região do maciço de Baturité sertão central do estado do ceara, gostaria de saber como preparar a terra e os cuidados para não ter muitos problemas com as doenças. Ob.

Resposta do Portal Cursos CPT

23 de fev de 2017

Olá Semonides,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Etapas para o plantio de banana:

A bana deve ser plantada em locais com boa irrigação, a plantação de mudas de bananeira se dá bem em qualquer período do ano. Porém, se a região for mais seca, a melhor época é o início da estação das chuvas.

Local apropriado: As regiões úmidas e com chuvas regulares são as mais indicadas para o plantio de bananeiras. A planta também gosta de temperaturas quentes, desde que não seja em excesso. Locais onde ocorrem períodos abaixo de 15 graus devem ser evitados, pois não toleram geadas.

Solo: Deve ser drenado e livre de encharcamento; o excesso de água leva as raízes ao apodrecimento. Escolha áreas pouco acidentadas, planas ou com declive abaixo de 8%. A profundidade deve ser acima de 25 centímetros. Mantenha o solo limpo com capinas regulares. Com facão, retire as folhas velhas e as brotações supérfluas.

Adubação: Para o preparo da terra, pode ser usada como adubo uma das seguintes opções: dez litros de esterco de curral curtido; dois litros de esterco de aves; ou um litro de torta de mamona. Mas, como a planta pede a adição de nutrientes, sobretudo potássio, é importante analisar o solo para determinar a adubação e a calagem.

Semeadura: O plantio das mudas é feito em covas de 30 x 30 x 30 centímetros. Também podem ser abertos sulcos em nível, com 30 centímetros de profundidade. O espaçamento é medido de acordo com o porte da cultivar: se alto, recomenda-se 2 x 3 metros ou 3 x 3 metros; se baixo ou médio, a indicação é de 2 x 2 metros ou 2 x 2,5 metros. Mantenha só uma família por cova.

Colheita: Um ano depois do plantio e pode durar o ano todo. A colheita deve ser feita com cuidado, pois qualquer batida causa escurecimento dos frutos.

Para mais informações, conheça o Curso a Distância Produção de Banana.

Atenciosamente,
Ana Carolina dos Santos

Ana Carolina de Amor Leite

30 de ago de 2016

Que tanto de doenças que a banana tem.

Resposta do Portal Cursos CPT

31 de ago de 2016

Olá Ana Carolina,

As principais doenças da banana são: As manchas foliares, que comprometem a fotossíntese. As murchas vasculares, que interferem na absorção e no transporte de água e nutrientes para a parte aérea da planta. As nematoses e as viroses, que impedem a distribuição dos produtos da fotossíntese para as demais partes da planta. Além daquelas que ocorrem em pós-colheita, que consomem as reservas dos frutos.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Alex

22 de ago de 2016

Eu trabalho na área com banana prata.

Resposta do Portal Cursos CPT

23 de ago de 2016

Olá Alex,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!