Resultados da busca para "plantas-em-estufa-clima-frio"

Estufa para cultivo evita problemas causados pelas mudanças climáticas

As plantas desenvolvem-se melhor em determinadas temperaturas. Estufas são utilizadas quando o objetivo é aquecer o ambiente. O frio pode causar má germinação da semente, além de má absorção de nutrientes, pois o sistema radicular paralisa sua atividade, provocando abortamento de flores e crescimento lento. A umidade relativa do ar baixa é um fator que pode contribuir para a desidratação das plantas, levando à necessidade de uma irrigação mais eficiente.

Cultivo em estufas auxilia no melhor desenvolvimento das plantas

Especial - A denominação estufa ou abrigo é utilizada quando o objetivo é o aquecimento do ambiente. Essa técnica é importante, porque algumas plantas se desenvolvem... E mais: No vídeo, veja como você pode trabalhar com o cultivo de estufas.

Como construir uma estufa para hortaliças orgânicas

Existem muitos modelos de estufas atualmente em uso, mas os mais comuns e recomendados para a horticultura orgânica são os de arco, de capela e geminada. O modelo em arco, como o nome sugere, é composto por arcos, de diâmetro e altura variáveis, geralmente fixados em um suporte, que poderá ser de diferentes materiais, como troncos de eucalipto, madeira aparelhada, vigas de metal ou postes de concreto.

Vassourinha Verde - de planta invasora à planta de cultivo

A vassourinha verde, também conhecida como Alecrim do Campo, largamente encontrada nos campos do cerrado mineiro, até muito pouco tempo era considerada uma planta invasora. Atualmente, ao contrário de antes, é planta de grande cultivo e está mudando a vida dos criadores de abelha do norte de Minas. Diga-se de passagem, muito para melhor!

Produção de mudas de flores e plantas ornamentais cresce no Brasil

O Brasil detém um dos maiores parques mundiais produtores de mudas, especialmente estacas de crisântemos, fora da Holanda. Segundo o Ibraflor, o mercado mundial de flores e plantas ornamentais, considerando-se toda a produção e o consumo dos países, é avaliado em mais de US$ 70 bilhões anuais.

Plantar tomate depende da temperatura, luminosidade e estação chuvosa

O tomateiro se desenvolve bem em regiões de clima temperado, tropical de altitude e subtropical. Por isso, sua produção é realizada em diversas regiões do mundo. A temperatura média no período de cultivo deve ser de 21ºC, no entanto, a planta tolera uma faixa de 10 a 34ºC. Se a temperatura noturna for baixa, ao redor de 14ºC, pode ocorrer uma boa produção, mesmo se a diurna for alta. Isso possibilita o plantio em regiões semi áridas, com a vantagem de reduzir a necessidade de controle preventivo de doenças.

Cuidados com as plantas

Especial - Há várias práticas indispensáveis à correta manutenção de um jardim. Além da adubação, da irrigação, da poda, as plantas precisam de um acompanhamento... E mais: Assista ao vídeo sobre os cuidados com as plantas.

Cultivar plantas e flores ornamentais é opção rentável de negócio

Especial - Esse ramo de negócio tem crescido e ganhado espaço no mercado agrícola, em vista disso, produzir flores e plantas ornamentais tem se mostrado uma alternativa lucrativa de negócio. Capacite-se para obter renda, montando seu próprio...

BNDES financia projetos de combate ao efeito estufa

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) administrará a carteira de crédito reembolsável do Fundo Nacional sobre Mudança do Clima (Fundo Clima). Ele recebe 60% do valor de participações especiais da exploração de petróleo brasileiro que é recebido pelo Ministério do Meio Ambiente. O ministério escolheu o órgão para operar as linhas de financiamento destinadas a projetos que visem a redução de emissões de gases de efeito estufa e a criação de tecnologias para a adaptação às mudanças climáticas.

Novos selos dos Correios trazem plantas medicinais

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT - Correios) lança hoje, quarta-feira, dia 15, em Belém do Pará, 4 selos com estampas de plantas medicinais da Amazônia. Os selos são uma homenagem aos 117 anos do Museu Paraense Emílio Goeldi, referência nos estudos na área de meio ambiente e biologia na região.

Atendimento Online
Quer Facilidade