Resultados da busca para "camarao-gigante-da-malasia"

Produção orgânica de alho - principais cultivares comerciais

A classificação dos cultivares de alho é confusa, uma vez que eles podem receber nomes diferentes em cada região. Os cultivares são, também, chamados clones, porque as mudas são pedaços da planta mãe. Atualmente, os clones que produzem bulbilhos de maior tamanho e em menor número são os preferidos dos consumidores. Por isso, eles têm sido mais amplamente cultivados. Como exemplos desses cultivares, temos o Amarante, o Gigante de Lavínia, o Gigante Roxão e o Gigante Curitibanos.

Dicas de criação de galo Índio Gigante

O galo Índio Gigante apresenta rusticidade e resistência a variações climáticas. Sendo assim, ele se adapta muito bem a várias regiões do país, pois sobrevivem muito bem ao frio e ao calor. Mesmo assim, é preciso garantir à ave conforto e bem-estar, para que se mantenha sempre saudável e com vigor.

Raças de coelhos gigantes

Os coelhos gigantes adultos podem chegar de 5,5 a 10 kg. Chegam a atingir 5 kg com apenas 5 meses. Existem relatos de coelhos que chegaram a atingir os 22 quilos. Por isso, são vendidos para a reprodução, já que podem ser abatidos mais cedo do que os coelhos comuns. No entanto, por terem um belo porte, muitas pessoas os criam em casa, como animais de estimação. Se conviverem, desde bem novos com as pessoas, podem se tornar muito amigáveis.

Peixe Pirarucu, o Gigante Amazônico

Maior peixe de água doce do Brasil, o pirarucu (pira: peixe; urucum: vermelho, devido à cor da cauda) pode chegar a 3 m de comprimento, bem como pesar até 250 kg. Geralmente, encontrado na bacia Amazônica, no Norte do país, esse peixe habita as águas rasas mais calmas das várzeas de rios e lagoas, pois eles sobem à superfície para respirar ar, mais ou menos a cada 20 minutos. Outro aspecto bastante peculiar é que este gigante prefere águas claras e, ligeiramente alcalinas, com temperaturas entre 24 a 37ºC.

Polinização artificial controlada do coqueiro anão: como fazer

A polinização artificial controlada do coqueiro anão consiste em selecionar as matrizes anãs, com inflorescências prontas para abrir, e prepará-las para receber o pólen extraído de matrizes gigantes. As espatas deverão ser abertas, bem limpas, e no pedúnculo das mesmas será necessário enrolar algodão e uma fita de saco de aniagem. "Será necessário fazer a emasculação da planta, ou seja, proceder à retirada das espiguetas que contêm as flores masculinas", afirma Dr. Luiz Ângelo Mirisola Filho, professor do Curso a Distância CPT Produção de Mudas de Coqueiro Anão e Híbrido, em Livro+DVD e Curso Online.

Escargot, uma criação com tecnologia brasileira

A criação de escargot ou caracol, no Brasil, teve início na década de setenta e de uma maneira mais intensiva e comercial a partir dos anos oitenta, com criadores dos Estados do Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo.

Larvicultura do camarão - conheça sobre o cultivo de larvas de camarão

Para realizar a larvicultura do camarão, o carcinicultor deve ter disponível água salgada e doce, que são misturadas de forma adequada, antes de serem fornecidas aos tanques de cultivo de camarões. Quando a propriedade situa-se longe da costa, a aquisição da água salgada encarece muito a produção. Nesse caso, utilizam-se sistemas fechados de circulação, que reciclam a água salobra, que pode ser preparada com a fórmula de água do mar artificial, indicada às propriedades situadas a mais de 600 km do litoral. Para distâncias menores, é mais interessante transportar a água do mar natural.

Camarão, riqueza das águas

Os cultivos de camarões marinhos tiveram início no Brasil entre os anos de 1972 e 1974. Porém, somente 20 anos depois, com a popularização dos cultivos de uma espécie exótica, o camarão-branco do Pacífico, Litopenaeus vannamei, é que a atividade começou a deslanchar no país.

Tecnologia na criação de camarão de água doce gera índices de produtividade elevados

A aquicultura produz alimentos de considerável valor econômico que a torna uma atividade interessante para o produtor, além do elevado valor proteico, beneficiando o consumidor. Nesse contexto, uma das categorias cuja exploração vem despertando grande interesse, é a do camarão. A produção mundial de camarões atinge 2.200.000 toneladas anuais, ressaltando-se que, atualmente, 50% dos camarões consumidos são oriundos da carcinicultura, contra apenas 6% na década passada, sendo que os cultivados em água doce contribuem com cerca de 5% de toda cultura.

Camarão marinho tem mercado e preços atrativos para os produtores

A produção de camarões marinhos, em ambiente de cultivo no Brasil, tem se expandido rapidamente nos últimos 20 anos. Essa evolução tem se dados a passos muito largos, em um processo dinâmico e rápido, devido ao clima favorável, somado ao domínio de novas tecnologias de produção, que colocam o país como o principal produtor de camarões das Américas. Em poucos anos, a atividade se popularizou, deixando de ser um negócio apenas para grandes investidores e se tornando atrativa também para pequenos produtores.

Atendimento Online
Quer Facilidade