WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Características do pavão

Conheça as principais características do Pavo cristatus

O pavão,  abre seu leque de penas, quando está a procura de uma pavoa para cortejar

O pavão, abre seu leque de penas, quando está à procura de uma pavoa para cortejar

O pavão (Pavo cristatus) é dono de uma plumagem exuberante, de cores intensas, multicoloridas e em tons de branco, azul, verde, dourado ou negro. Possuindo na época do acasalamento um bailado que evidencia, ainda mais, o brilho e a cor de sua plumagem.

Adora dormir na copa das árvores, comportamento este adquirido desde os primórdios de sua existência, pois, somente assim, ele deixa de despertar a atenção dos predadores. E caso sinta algum predador por perto, emite repetidamente o seu som característico, para afugentá-lo, e avisar as outras aves da presença de intrusos.

Quando o pavão abre seu leque de penas, está à procura de uma pavoa para cortejar, e é para esse efeito que os machos usam as suas cores garridas.

A pavoa, como acontece com as fêmeas de quase todas as aves, é mais discreta. Embora seja também de grande beleza, as suas cores menos vivas servem como camuflagem para proteger o ninho, ou as crias, dos predadores.

O pavão é uma ave muito territorialista, portanto, sempre que sente o seu território invadido por outro macho da mesma espécie, vai lutar com ele, até que o estranho abandone o seu território. Se, eventualmente, perder uma luta, então se retira, para procurar outro território e lutar pela sua posse.

O pavão é um ser muito sociável e afeiçoa-se ao seu tratador, e, por isso, pode ser mantido solto. Todavia, se a ave for recém-introduzida no local, sugere-se que o casal permaneça fechado durante 15 dias. Após esse período, deve-se soltar o macho e colocar ração e água do lado de fora do viveiro. Após 15 dias, pode-se soltar a fêmea e, assim, o casal permanecerá onde o proprietário quiser.

Os machos, na época de acasalamento, demarcam seu território por meio de brigas onde usam as fortes asas e a espora, mas é raro ver uma disputa sangrenta.

Normalmente, os pavões podem ser criados em viveiros coletivos, misturando-se vários machos às fêmeas. Um macho pode cobrir até três fêmeas. Quantidade maior que essa não é recomendada, pois pode diminuir a porcentagem de nascimentos.

No Brasil, a época de procriação vai de setembro a janeiro, quando a fêmea põe, em média, 23 ovos, que eclodem após 28 a 30 dias.

Os pavões podem viver de 25 a 30 anos de idade. No entanto, sua idade média é de 16 anos. Eles reproduzem satisfatoriamente até os seis anos de idade.

Seu peso varia em torno de 4 kg, e a altura é de cerca de 80 cm. A carne é boa, especialmente saborosa. Porém, somente aves novas prestam para o consumo, uma vez que nas adultas a carne torna-se muito rígida. Por essa e outras razões, o pavão é criado mundialmente apenas para ornamentação.

A morfologia sexual dos pavões é muito evidente, o macho possui um exuberante leque, que utiliza para conquistar a fêmea para a reprodução. Essa diferenciação torna-se nítida, quando as aves atingem por volta dos 90 dias de vida. O leque, no pavão adulto, pode chegar a medir até dois metros e meio de diâmetro, e possui em torno de 200 penas de diferentes tamanhos.

 

Aprimore seus conhecimentos.

- Conheça o Curso CPT Criação de Pavões.

- Conheça os Cursos CPT da área Pequenas Criações.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

ugo luiz de oliveira

5 de nov de 2018

coloquei uma femea com um pavao e o mesmo esta batendo muito nela, será porque?

Resposta do Portal Cursos CPT

6 de nov de 2018

Olá Ugo,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site. Pode ser  que o espaço esteja apertado para os dois. É melhor separá-los para não machucar a fêmea.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

Taynara Lima Rodrigies Leite

3 de mar de 2018

O pavão é diurno ou noturno?

Resposta do Portal Cursos CPT

5 de mar de 2018

Olá Taynara,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. O pavão prefere viver em árvores. À tarde, sobe numa árvore, de galho em galho, até chegar ao topo, onde passa a noite. Desce ao amanhecer. Assim que a noite cai, pode-se ouvir os gritos do pavão. Ele é um guardião da floresta e dá o alarma logo que aparece algum predador. Não se domesticam mais pavões porque são aves de convivência difícil. São brigões e não gostam da presença de outros animais; são capazes de destruir flores e arbustos. Seus gritos noturnos, principalmente na época de acasalamento, são muito desagradáveis. O macho tem várias fêmeas.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!