WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Formação do sistema urinário de cães e gatos: aprenda agora

Você está iniciando seus estudos acadêmicos em Medicina Veterinária e precisa saber mais sobre a formação do sistema urinário de cães e gatos? Nós podemos ajudar!


Você está iniciando seus estudos acadêmicos em Medicina Veterinária e precisa saber mais sobre a formação do sistema urinário de cães e gatos? Nós podemos ajudar! O conteúdo a seguir, explicado de forma simples e prática, ajudará você nesses primeiros passos. Lembre-se que essa é a melhor estratégia de assimilação de conteúdo para uma carreira de sucesso. Vamos lá?

Formação do sistema urinário de cães e gatos: aprenda agora

Segundo Waleska de Melo Ferreira Dantas, professora do Curso CPT Patologia Clínica Veterinária, “O sistema urinário é complexo e formado por órgãos essenciais para a manutenção do organismo. Além da produção de urina, também é responsável pela manutenção da homeostase e produção de hormônios.”

Mas, afinal, que órgãos são esses? Como são e qual a sua importância? O sistema urinário é composto por:


• Rins: órgãos duplos, em formatos de “feijões. Tem como funções principais a produção de eritropoietina, a manutenção da pressão arterial, do equilíbrio hídrico-eletrolítico, ácido-base, e do pH.
• Ureteres: encontra-se em pares, possuindo a função de transportar a urina produzida no rim até a vesícula urinária.
• Vesícula urinária (bexiga): armazena a urina.
• Uretra: local por onde a urina é excretada, fazendo a comunicação com o meio externo.

Sistema urinário de cães e gatos    Artigos CPT

Foto: Sistema urinário.

Mas não é só isso. O médico veterinário tem de saber que o sistema urinário de cães e gatos é dividido anatomicamente em trato urinário superior (rins e ureteres) e inferior (vesícula urinária e uretra). Também é importante esclarecer que a micção é o ato de eliminar/excretar a urina e suas alterações podem estar relacionadas tanto à vesícula urinária e uretra, quanto a distúrbios neurológicos. Por fim, saber que o rim possui as regiões cortical (mais externa), medular (mais interna) e de pelve renal (onde ocorre a coleta da urina produzida).


Gostou do assunto? Leia mais:


- Vai coletar amostras de sangue animal? Conheça as vias de acesso!


Conheça os Cursos CPT da área Medicina Veterinária.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!

Precisa de ajuda?