Taxidermia - equipamentos e produtos químicos para o empalhamento de aves e mamíferos

Na taxidermia, é indispensável um conjunto de equipamentos e produtos químicos apropriados para a preparação e a conservação da pele de aves e de mamíferos a serem empalhados

Taxidermia - equipamentos e produtos químicos para o empalhamento de aves e mamíferos

 

Para se trabalhar com taxidermia, é indispensável a existência de um conjunto básico de equipamentos (instrumentos ou ferramentas) e produtos químicos apropriados para serem utilizados na preparação e na conservação da pele de aves e de mamíferos, a serem empalhados. A taxidermia pode ser utilizada com várias finalidades, entre elas, para  estudos e fins decorativos. O fato de animais como aves e mamíferos poderem ser taxidermizados  possibilita formar e manter uma coleção, em museus de zoologia, escolas de primeiro e segundo graus, cursos técnicos e superiores de biologia, entre outros. A coleção de peças taxidermizadas servirá de objetos de estudo, e poderá ser formada por espécies comuns em uma determinada região, espécies de outras regiões, espécies raras e até mesmo espécies já extintas.

Os equipamentos mínimos necessários para a taxidermização de aves e mamíferos são:

A taxidermia pode ser utilizada com várias finalidades, entre elas, para  estudos e fins decorativos

A taxidermia pode ser utilizada com várias finalidades, entre elas, para  estudos e fins decorativos

Freezer – é necessário que se mantenha o  animal devidamente conservado, até o momento de empalhá-lo. O animal deverá estar enrolado em folhas de jornal e  acondicionado em sacolas de plástico para que não haja vazamentos de secreções  indesejáveis. Nestas condições, os corpos dos animais mortos poderão permanecer por um  período de 90 dias (ideal) ou mais.

Mesa - deverá ser preferencialmente de fórmica, mármore ou granito, para facilitar a limpeza.

Luvas cirúrgicas – necessárias para a prevenção de eventuais contaminações por doenças (zoonoses), que  poderão existir nos animais que serão taxidermizados.

Bisturi ou faca pequena - a abertura do corpo do animal, a retirada da pele, e os cortes das partes do corpo do animal são etapas realizadas com a utilização de uma lâmina de corte.

Pinças - são ferramentas  muito utilizadas durante todo o processo de taxidermia para  prender a pele no momento em que a mesma estiver sendo retirada, para retirar pequenas  partes de músculos em locais onde o acesso por meio de outras ferramentas se torna bastante  difícil; servem para encher de algodão os pequenos espaços, para prender e puxar a linha nas  ocasiões de realizar a costura da pele, entre outras aplicações.

Tesouras - são eventualmente utilizadas em incisões feitas na pele dos  animais; para cortar excessos de músculos, em locais de difícil acesso por outros tipos de  ferramentas; para realizar a abertura do crânio de aves, entre outras funções.

Arame galvanizado – usado para dar a forma desejada à pele de um animal, após o seu enchimento, por meio de uma estrutura de sustentação simplificada.

Alicate de corte - indicada para cortar o arame.

Algodão não-hidrófilo –
é  recomendado para fazer o enchimento das peles dos animais taxidermizados.

Linha e agulha – usadas para fechar as incisões e eventuais furos e rasgos decorrentes de acidentes diversos acontecidos com as aves ou mamíferos antes de perderem a vida.

O fato de animais como aves e mamíferos poderem ser taxidermizados  possibilita formar e manter uma coleção, em museus de zoologia, escolas

O fato de animais como aves e mamíferos poderem ser taxidermizados  possibilita formar e manter uma coleção, em museus de zoologia, escolas

Barbante ou cordonê – usados para fazer amarrações entre algumas partes do animal taxidermizado.

Furador de pele - alguns animais possuem uma pele relativamente grossa e, por isso,  bastante resistente, o que dificulta fazer as perfurações para realizar as costuras, durante o  processo de fechamento da pele.

Balança analógica ou digital – utilizada para que o animal taxidermizado tenha peso correto, de acordo com a sua espécie, conforme ficha de especificação. Além disso, a balança poderá ser utilizada , também, em outras situações, como é o caso da preparação da solução, quando se adota a  técnica de curtimento da pele.

Seringas - as seringas de plástico descartável são utilizadas para fazer a aplicação de formol em algumas partes do animal, onde permanece algumas partes do tecido muscular.

Martelo - o martelo é uma ferramenta indispensável para construir a base (suporte) para  fixação do animal taxidermizado.

Furadeira - A furadeira elétrica também é uma máquina de uso indispensável no momento de construir a base de sustentação da peça taxidermizada.

Trena - várias são as medidas  corporais que deverão ser obtidas de qualquer animal a ser taxidermizado. Para isso,  recomenda-se utilizar uma trena flexível, de material não absorvente, como o instrumento de  medida das diversas partes do animal, cujos dados deverão ser registrados.

Olhos artificiais - os olhos artificiais servem para substituir os olhos verdadeiros dos  animais. Em alguns casos, pode-se utilizar olhos de vidro, bolinhas de gude, ou até mesmo  alguns tipos de botões de roupas para servir de olhos aos animais taxidermizados.

A coleção de peças taxidermizadas servirá de objetos de estudo, e poderá ser formada por espécies comuns em uma determinada região

A coleção de peças taxidermizadas servirá de objetos de estudo, e poderá ser formada por espécies comuns em uma determinada região

Tinta e pincel - podem ser utilizados para pintar os olhos  artificias a serem utilizados e para fazer eventuais  reconstituições e, ou, acabamentos que se tornam necessários nos animais taxidermizados.

Formol – usado para a conservação de órgãos e, ou, tecidos de animais.

Tetraborato de Sódio - o bórax é utilizado para fazer a  secagem e fixação da pele dos animais taxidermizados.

Paraformoldeído - age como  elemento fixador de peles de animais taxidermizados.

Alúmen de Potássio e Cloreto de Sódio (sal de cozinha) - produtos indicados para compor a solução química a ser utilizada no  curtimento da pele, antes de fazer o seu enchimento.

Atenção:

O curtimento da pele é uma técnica que se aplica apenas a mamíferos. Animais taxidermizados, cuja pele tenha sido curtida, sempre que for preciso, poderão ser limpos com pano ligeiramente úmido. Já aqueles cuja pele não tenha sido curtida, deverão ser apenas espanados, ou limpos com pano seco.

Aprimore seus conhecimentos, acessando os Cursos CPT, da área Como Fazer, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas. Entre os Cursos, destacam-se:

Curso CPT Taxidermia - Empalhamento de Aves e Mamíferos

Curso CPT de Ourives - Como Fabricar e Reparar Joias 

Curso CPT Como Fazer Banho e Tosa em Cães 

Curso CPT de Ourives - Aperfeiçoamento de Técnicas - Como Fazer 

Curso CPT Como Fazer Lapidação de Pedras 

Curso CPT de Perfumaria - Sabonetes, Perfumes, Óleos e Sais de Banhos
 

Curso CPT Como Fazer Bijouterias - Técnicas de Fabricação e Comercialização

Por Silvana Teixeira

Cursos Relacionados

Curso de Ourives - Como Fabricar e Reparar Joias Curso de Ourives - Como Fabricar e Reparar Joias

Com Prof. Ailton Lopes

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Perfumaria - Sabonetes, Perfumes, Óleos e Sais de Banhos Curso Perfumaria - Sabonetes, Perfumes, Óleos e Sais de Banhos

Com Prof. Francisco Ferreira

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Taxidermia - Empalhamento de Aves e Mamíferos Curso Taxidermia - Empalhamento de Aves e Mamíferos

Com Prof. José Lélis

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso de Ourives  -  Aperfeiçoamento de Técnicas - Como Fazer Curso de Ourives - Aperfeiçoamento de Técnicas - Como Fazer

Com Prof. Ailton Lopes

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Como Fazer Lapidação de Pedras Curso Como Fazer Lapidação de Pedras

Com Prof. Itamar Fernandes

R$ 378,00 à vista ou em até 12x de R$ 31,50 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Banho e Tosa em Cães e Gatos - Infraestrutura, Banhos e Tosa Higiênica Curso Banho e Tosa em Cães e Gatos - Infraestrutura, Banhos e Tosa Higiênica

Com Prof.ª Alessandra Sayegh

R$ 478,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,83 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Outros artigos relacionados à área Como Fazer

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade