Ourives usa técnica e arte para fabricar joias originais

A arte de fabricar joias é anterior à escrita e vem sendo aperfeiçoada desde então

Na arte de fabricar joias são nas suas várias etapas são usados equipamentos e materias espécificos.

Na arte de fabricar joias, nas suas várias etapas, são usados equipamentos e materiais específicos.

É inegável o fascínio exercido pelas joias sobre os seres humanos. Desde as eras mais remotas, os adornos foram criados e reverenciados, seja por sua beleza, valor, significado ritual ou pelo poder que simbolizavam. A opulência dos faraós e rainhas já era vista nos braços, colos e mãos, simbolizando poder e beleza. Hoje, não poderia ser diferente.
 
A arte de fabricar joias é anterior à escrita e vem sendo aperfeiçoada desde então. Essas são confeccionadas por meio de fundição, estamparia, usinagem e mesmo manualmente, por um técnico chamado de ourives. O processo de fabricação das peças varia de acordo com o material usado, a qualidade e o tipo desejado.

Sendo o ourives um bom profissional, o mercado é garantido, uma vez que existem muitas joalherias e pouca mão de obra. Atualmente, a joalheria mundial está voltada para o design, que deve ser criativo, bem identificável e corresponder a um mercado consumidor sempre crescente e ansioso por inovações, tanto nas técnicas de fabricação, quanto na expressão dos estilos e conceitos escolhidos.

Materiais para o trabalho do ourives

O processo de fazer joias é constituído por estas etapas: fundir, recozer, laminar, cortar, serrar, limar, lixar, fazer fio, soldar e polir, não necessariamente nessa sequência.

O ferramental para essas etapas pode ser classificado em quatro tipos: as ferramentas “comerciais”, que atendem várias atividades e são encontradas no mercado com facilidade; as específicas para a atividade de prótese dentária que são utilizadas no ofício de joalheiro, nessas estão incluídos os alicates, aneleira, arco de serra, balança de precisão, bastão de medição de anéis, limas, maçarico, martelos dentre outros.  

E ainda as ferramentas que foram propriamente desenvolvidas para o ofício do ourives e as que são desenvolvidas de acordo com a necessidade de inovação das joias. Nesse trabalho são incluídos alguns produtos químicos, como o ácido muriático, o amoníaco, o ácido para toque, o bórax, o soldarom e pastas para polimento.

O ouro e a prata são as principais matérias primas na fabicação de joias.

O ouro e a prata são as principais matérias primas na fabricação de joias.

Ouro e prata

A principal matéria-prima utilizada pelo ourives é o ouro, que apesar de ser considerado um material difícil de serrar ou limar, oferece flexibilidade, encurva, mas não retorna sua forma primitiva quando a pressão cessa; é dúctil,  um mineral que pode ser estirado para formar fio; séptico, pode ser cortado em aparas delgadas; não quebradiço, não se rompe ou pulveriza facilmente; e seu ponto de fusão é alto em relação ao dos outros metais.

Possui várias classificações segundo o seu grau de pureza, como ouro mil, que é puro, ouro 18 quilates, 14 quilates e assim por diante. Quilate é a unidade de pureza. A liga de ouro mais valiosa é a de 18 quilates.

A prata possui as mesmas classificações do ouro. Isso significa que, em cada 1.000 partes do metal ligado, 925 são de prata pura e o restante, normalmente, de cobre. É comercializada na forma de cascalho, granulada ou ainda em lingotes. A prata exige mais experiência e habilidade do ourives artesão porque é difícil de serrar e limar, provocando muitas quebras de serras durante o processo. Tem uma boa maleabilidade, podendo ser transformada em lâminas delgadas por percussão, ductibilidade, e pouca flexibilidade, por ser muito macia. Deve ter pouca liga, caso contrário, ocorre oxidação. Trata-se de uma matéria-prima que não “agradece”, só propõe 80% de acabamento, sempre apresenta irregularidades e deficiência no metal.

Pedras preciosas

As pedras trazem mais beleza as joias e fazem delas irresistíveis.

As pedras trazem mais beleza às joias e fazem delas irresistíveis.

O Brasil é internacionalmente conhecido pela diversidade e grande ocorrência de pedras preciosas. O país se posiciona como segundo maior extrativista de esmeralda e o único de topázio imperial e turmalina paraíba. Também possui grandes jazidas de citrino, ágata, ametista, turmalina, água marinha, topázio e cristal de quartzo.

Mas, também, podemos contar com uma enorme variedade de pedras sintéticas, que são cópias muito semelhantes das naturais. As características ópticas são as propriedades mais importantes na avaliação das gemas. Elas produzem cor e brilho, fogo e luminescência, jogo de luz e schiller (iridescência).

O polimento é a última etapa na qual o ourives trabalha para confeccionar as joias, dando brilho às peças.

Polimento

O polimento é a última etapa na qual o ourives trabalha para confeccionar as joias. É feito para dar brilho às peças. No caso dos anéis, primeiro usa-se o cone de feltro, que dá polimento na parte interna. Para começar, passe a pasta de polir em barra no cone, introduza a joia e vá girando em sentido contrário. Troque o equipamento pela escova de crina e passe novamente a pasta de polir, para lustrar a parte de fora.

Esse procedimento só não deve ser feito com as alianças, que são polidas com o uso da escova de brim. Nesse processo, o passo inicial é encaixar a peça no cone de feltro e aproximá-lo da escova. Desse modo, a própria ferramenta força a aliança a girar, polindo o interior e o exterior. Para lustrar as joias, use a pasta de polir e uma escova de brim. É essa etapa que dá o brilho característico às peças.

Por: Patrícia Tristão.

 

Ourives

 

Cursos Relacionados

Curso Como Fazer Bijouterias - Técnicas de Fabricação e Comercialização Curso Como Fazer Bijouterias - Técnicas de Fabricação e Comercialização

Com Prof.ª Gabriela Brandão

R$ 368,00 à vista ou em até 12x de R$ 30,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso de Ourives - Como Fabricar e Reparar Joias Curso de Ourives - Como Fabricar e Reparar Joias

Com Prof. Ailton Lopes

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso de Ourives  -  Aperfeiçoamento de Técnicas - Como Fazer Curso de Ourives - Aperfeiçoamento de Técnicas - Como Fazer

Com Prof. Ailton Lopes

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Como Fazer Lapidação de Pedras Curso Como Fazer Lapidação de Pedras

Com Prof. Itamar Fernandes

R$ 378,00 à vista ou em até 12x de R$ 31,50 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Isabel Regina Lopes

2 de jan de 2017

Gostaria de mais informações sobre esses cursos..

Resposta do Portal Cursos CPT

3 de jan de 2017

Olá Isabel,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Cleiton

19 de ago de 2014

Olá, busco informações para conclusão de um trabalho acadêmico e gostaria de saber quais parcerias uma empresa no ramo de joias e semijoias deveria buscar (algo como fornecedores de matéria prima, sindicatos, órgão do governo). Seria de muita ajuda se me dessem essa informação com o nome desses possíveis parceiros. Grato!

Resposta do Portal Cursos CPT

20 de ago de 2014

Olá, Cleiton!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Para mais informações nossas conscultoras entrarão em contato.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Outros artigos relacionados à área Como Fazer

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade