WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "uqui-e-bouba-forte-e-a-vacina-ou-doenca" ()

Doenças aviárias do tipo virose

Várias doenças atacam as aves. A maioria delas são respiratórias. Quando bem tratadas e tendo o manejo correto, tornam-se muito mais resistentes a esses fatores patogênicos. A prevenção de algumas doenças pode ser feita por meio de vacinas, no entanto, nem todas possuem essa proteção. As principais doenças aviárias são:

Por que vacinar os bovinos?

Os bovinos quando não vacinados podem ser atacados por várias doenças que, além da queda da produção, podem causar a morte dos animais que as contraíram. O resultado é um só: prejuízo; tanto para os criadores quanto para a economia do país. Além disto, estudos mostram que muitas dessas doenças podem ser transmitidas aos homens. Fica comprovado, portanto, a extrema importância e necessidade de combater e prevenir doenças, principalmente com o uso de vacinas específicas.

Pavões - principais doenças, sintomas, como evitá-las e tratamento indicado

Os pavões são aves muito resistentes a doenças e raramente apresentam problemas. Isso acontece somente quando essas aves não são devidamente manejadas ou vacinadas. Aves vindas de outros plantéis também podem ser fonte de contaminação. As principais doenças que podem vir a acometer os pavões e as aves, em geral, são:

Doenças aviárias do tipo bacteriose

Algumas doenças aviárias são causadas por bactérias. Bactérias são organismos unicelulares, de tamanho muito pequeno. Os tipos de doenças aviárias, causadas por elas, podem ser facilmente controladas pelo uso de antibióticos. No caso dos humanos, os antibióticos devem ser usados com muita cautela, pois desenvolvem imunidade antibiótica. Um programa de sanidade, bem planejado e manejado, deve existir no combate contra essas doenças. Um esquema de vacinação deve ser empregado, paralelamente a um programa sanitário contínuo, com um manejo correto diário.

Doenças da Seringueira - Antracnose do Painel e Cancro da Haste

A Antracnose do Painel é uma doença do tronco, do painel de sangria da seringueira, causada pelo fungo Colletotrichum gloeosporioides, presente, principalmente, nos seringais dos Estados de São Paulo e Mato Grosso. Os sintomas se assemelham aos do cancro estriado.

Plantação de tomate - doenças causadas por bactérias

Muitos alimentos são jogados fora, porque não atendem ao padrão para a sua comercialização. Entre os fatores que influenciam diretamente na perda dos alimentos estão as doenças. O tomateiro pode ser atacado por diversas doenças, causadas por fungos, bactérias, nematoides ou vírus. Pode, também, apresentar distúrbios fisiológicos causados por falta ou excesso de nutrientes, falta ou excesso de água no solo, exposição excessiva ao sol e outros fatores ambientais.

Por que vacinar o gado de leite?

A vacinação é uma prática importante e necessária na produção de bovinos leiteiros, podendo ser obrigatória ou não. Em ambos os casos, o objetivo é prevenir (ou erradicar) doenças infectocontagiosas e reduzir perdas econômicas. Segundo Oriel Fajardo Campos, professor do Curso a Distância CPT Bezerras de Raças Leiteiras - Do Nascimento ao Desaleitamento, em Livro+DVD e Cursos Online, "Para melhorar a eficiência da vacinação sem prejudicar o bem-estar dos animais, é importante desenvolver e aplicar as boas práticas de manejo, bem como treinar as pessoas para a correta aplicação das vacinas".

Farinha de trigo forte e farinha de trigo fraca: qual a diferença?

Todos os tipos de farinha podem ser classificados em forte e fraca. A forte é aquela farinha rica em proteínas, de ótima qualidade, e que, por isso, produz massas bastante consistentes. Para uma farinha ser considerada forte, ela precisa possuir de 10,5% a 12% de proteína. E, para compensar as perdas nutricionais ocasionadas pela retirada do gérmen dos grãos do trigo, essa farinha pode ser enriquecida com tiamina, riboflavina, niacina e ferro, sendo chamada, por isso, de farinha forte especial. Por tudo isso as farinhas fortes especiais são mais caras.

Plantas medicinais - loção para a queda de cabelo, complexo emagrecedor e pomada para a psoríase

O uso de plantas para a cura de doenças e sintomas remonta aos primórdios do homem na Terra. Essa sabedoria popular atravessou os séculos e ainda hoje as plantas são remédios de grande valor para muitos povos, principalmente daqueles de baixa renda. Cientificamente, estudos já comprovaram que os efeitos terapêuticos de algumas plantas medicinais sobre certas doenças, além de altamente vantajosos em termos de custos e benefícios para o homem, são muito eficazes. Ao mesmo tempo, é possível notar nas sociedades do mundo inteiro crescente interesse das pessoas por formas de tratamento que têm como base ingredientes naturais, já que são menos agressivo do que o tratamento com produtos sintéticos. A queda de cabelos, a psoríase, o vitiligo, doenças do fígado, a obesidade, são algumas das doenças que afetam populações pelo mundo todo e todas elas podem ser combatidas ou controladas por meio do uso de produtos feitos com plantas medicinais. Quer saber como? Veja algumas receitas amplamente utilizadas dermatologicamente no combate à doenças comuns:

Produção de acerola - principais pragas e doenças da aceroleira

As pragas e doenças que atacam a aceroleira sempre trazem prejuízos ao produtor, atrapalhando o sucesso do investimento. Portanto, é imperativo fazer inspeções constantes na plantação com o objetivo de identificar todos os problemas no pomar de acerola. Neste sentido, é primordial atestar a presença de pragas, tais como a Mosca-das-frutas, Cochonilhas e os Pulgões, além das doenças, como a Mancha-das-folhas, Verrugose e Antracnose.

Fique por dentro das novidades!