Resultados da busca para "pele-de-porco-a-pururuca"

Pele à pururuca: além de delicioso tira-gosto, ótima fonte de renda!

Hoje em dia, a pele frita de suínos tem alcançado uma grande procura como tira-gosto ou salgadinho. É um produto fácil de ser usado e de custo bem barato, pois é um aproveitamento do couro do porco. “Para preparar a pele à pururuca deve-se limpá-la bem, fervê-la em salmoura com sal de cozinha e sal amoníaco, deixá-la secar e depois fritá-la. Percebe-se que a pele à pururuca não tem tempero”, afirma Newton de Alencar, professor do Curso a Distância CPT Industrialização de Carne Suína, em Livro+DVD e Curso Online.

Esfoliação de pele - onde, quando e como fazer

A esfoliação é excelente método de tratamento da pele. Pode ser feita em clínicas especializadas ou em casa. Usa ingredientes comuns e tem por finalidade ajudar a renovar o tecido corporal, eliminando as células mortas e as impurezas que deixam o maior órgão do corpo envelhecido, seco e desidratado. Como resultado, a esfoliação devolve à pele o seu aspecto natural, tornando-a nitidamente mais lisa, suave e luminosa. Pode ser aplicada nos pés (ajuda a remover a pele mais grossa), pernas, joelhos, cotovelos, enfim, em todas as áreas que julgar necessário. Exige-se, no entanto, o cuidado de não massagear com muita força as áreas de pele muito fina, como a virilha, pois isso pode danificá-la. O primeiro passo para uma esfoliação de pele de qualidade é lavar bem o rosto e o corpo com sabonetes apropriados para o seu tipo de pele e aplicar o creme.

3 dicas imperdíveis para cuidar da pele

Todos os dias, os cuidados com a pele começam pela manhã, quando ela deve ser higienizada para a eliminação das impurezas. Ao fim do dia, antes de deitar, o mesmo deve ser feito, lavando a pele com água fria e completando a higiene com uma loção tônica. Esta é essencial, pois controla o pH e a oleosidade da pele.

Cuidador de idosos - tipos de banho e sua importância para a hidratação da pele dos idosos

A pele é o revestimento externo do corpo, integrante do sistema tegumentar (junto ao cabelo e pelos, unhas, glândulas sudoríparas e sebáceas). Nem todos sabem, mas a pele é o maior órgão de nosso corpo e o mais pesado, constituindo 15% do peso corporal. Sua função é nos proteger contra microrganismos e contra substâncias estranhas; atua na termorregulação do nosso organismo, protegendo-nos contra a desidratação; atua na reserva de nutrientes e, ainda, contém terminações nervosas sensitivas. À medida que ficamos mais velhos, nossa pele fica mais fina, menos elástica e mais ressecada. O banho, então, aumenta a resistência da pele fazendo com que a mesma consiga recuperar-se mais rápido em caso de lesões, por exemplo. Por essa razão, o primeiro objetivo ao cuidar da pele da pessoa idosa, afim de manter ao máximo suas propriedades, é mantê-la hidratada, o que explica a grande importância do banho para os idosos.

Pele ressecada, pelos encravados, lábios rachados e outros sintomas na pele. O que fazer?

Minha pele está ressecada, meus pelos encravados, meus lábios rachados e muitos outros infortúnios têm se manifestado em minha pele ultimamente. E agora? O que fazer? A resposta é muito simples. Cuide-se! Não se deixe pegar de surpresa por estes indesejáveis sintomas, que aparecem do nada, agredindo a sua pele sem apresentar aviso prévio

Criação de porcos enriquece o sitiante ao mesmo tempo que enriquece a terra

O porco é um animal que pode ser explorado com pequeno capital inicial, mostrando-se excelente chance de negócio para os pequenos produtores. No entanto, poucos são os criadores que de fato sabem explorar e se beneficiar dos grandes benefícios proporcionados pela criação de suínos. Em sua maioria, os criadores só se preocupam em obter porcos que, superalimentados com milho, alcancem enormes pesos, ignorando o fato de o porco possuir a seu favor pontos essenciais, como grande prolificidade, docilidade e rusticidade, podendo ser alimentado com economia e fornecer carne de excelente qualidade. Isto comprova que esses criadores não conhecem o real valor desta rendosa indústria, que supera em lucro a de quase todos os animais domésticos.

Use a maquiagem a seu favor e deixe sua pele linda, saudável e bronzeada no verão

Muitas vezes caracterizado como o grande vilão do verão, o sol pode causar danos irreversíveis à pele quando os cuidados necessários para mantê-la em bom estado não são tomados. Portanto, antes de expor-se por horas a fio sob seus efeitos nocivos, é importante abusar do protetor solar e tomar bastante líquido. Afinal, quem não gosta de exibir uma pele bronzeada no verão?

Criação de porcos ao ar livre ou em pocilgas, qual o melhor?

Os porcos criados a campo não só são mais fortes, como também mais robustos, em seu desenvolvimento geral, do que aqueles que se criam encerrados em pocilgas com exclusiva alimentação de concentrados. “Quando dispõem de boas pastagens, ternas e abundantes, os animais podem ser criados com mais harmonia com a natureza, e uma vez que os piquetes fiquem infestados de vermes, podem ser renovados pelo cultivo de vegetais”,

Estética e beleza - dicas para cuidar da pele no inverno

Falar de estética e beleza no inverno é falar, principalmente, dos cuidados que se deve ter com a pele. Para os que ainda não sabem, a pele é o maior órgão do corpo humano e tem por principais funções a proteção dos tecidos próximos, a regulação da temperatura do corpo, a reserva de nutrientes e, ainda, a contenção de terminações nervosas sensitivas. A pele representa 15% do peso do nosso organismo, cobrindo quase todo o corpo exceto os orifícios genitais e alimentares, olhos e superfícies mucosas genitais. Tamanha importância e responsabilidade, enfim, faz da pele merecedora de todos os cuidados especiais, principalmente durante o inverno, época em que é muito castigada.

Criação de suíno light - conheça suas vantagens de produção e ganhe mais

A vida do porco brasileiro foi mudando no mesmo ritmo que a sociedade. Até os anos setenta, a gordura usada na cozinha era geralmente de origem animal. Porco bom era porco gordo, que rendia banha. Com o advento dos óleos vegetais, o rebanho suíno precisou dar mais carne que gordura. Nos últimos vinte anos, por exemplo, o índice médio de carne magra dos porcos subiu de 47% para 60%.

Atendimento Online
Quer Facilidade