WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Resultados da busca para "jumento-nordestino" ()

Criação de jumentos de raça - saiba tudo sobre esse asinino

O jumento é um animal dócil, inteligente e dotado de grande senso de sobrevivência. Vive em média 25 anos e pode ser encontrado em praticamente todo o planeta, exceto em regiões mais frias. Dependendo da região em que se encontra, pode receber o nome de asno, jegue, jerico ou ainda asno-doméstico, mas no mundo científico recebe o nome de Equus asinus. Muito usado como animal de carga (carroça, cangalha, e outros) e tração (arados, carpideiras, plantadeiras, e outros), o jumento sempre foi peça fundamental utilizada nos trabalhos pesados do campo. Também é extremamente utilizado na sela para a lida com o gado, em passeios, cavalgadas, concursos de marcha e enduros.

Fruticultura irrigada - sistema de gotejamento permite plantar frutas no sertão nordestino

A fruticultura irrigada tem se mostrado como a atividade agrícola que mais se expande nos últimos anos. É crescente a demanda interna e externa por frutas, principalmente as do tipo exportação e a adoção da técnica de irrigação por gotejamento no sertão nordestino, região semiárida, considerada adversa ao desenvolvimento de lavouras, tem tornado um sonho, antes considerado impossível, um fato real. Quando bem implantada, a irrigação por gotejamento viabiliza a produção agrícola e possibilita a obtenção de frutas de melhor qualidade, até mesmo na época da entressafra. Sem ela, seria impossível aos agricultores vencerem as condições climáticas da região nordeste, muitas vezes agravadas pela estiagem prolongada.

Culinária da região Nordeste: Moqueca Baiana

A culinária da região Nordeste recebeu influências do índio, do negro e do europeu, que se uniram dando origem a pratos tão apreciados, que fazem sucesso no mundo todo. Paçoca, feijão-de-corda, buchada de carneiro, sarapatel nos mostra a forte personalidade do sertanejo que se impõe, vigorosa e agreste. É uma marca da cozinha e civilização nordestina conciliar o mais rústico e o mais requintado, o regional e o internacional, como encontramos em algumas casas de Pernambuco, como o Sarapatel. Já a moqueca baiana é uma mistura clássica que combina ingredientes de variadas procedências: o dendê de Congo, a técnica portuguesa e a cebola do poente asiático.

Orçamento familiar é a chave para se libertar das dívidas

O IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, apresentou, na pesquisa divulgada em junho deste ano, que 75% das famílias têm dificuldade de terminar o mês com o salário que ganham. De acordo com esse relatório, as famílias gastam, em média, R$ 2.626,31 mensais, sendo um pouco mais na população do Sul do país e um valor menor para os nordestinos.

Abelhas sem ferrão - Uruçu (Melipona scutellaris)

Uruçu é uma palavra que vem do tupi eiru su, que nessa língua indígena significa abelha grande. Essa nomenclatura está relacionada com diversas abelhas do mesmo gênero, encontradas não só no Nordeste, mas também na região Norte. No Brasil, existe a Uruçu amarela (Melipona rufiventris), bem como a Uruçu Verdadeira ou Uruçu do Nordeste (Melipona scutellaris). A tendência, porém, é a de reservar o termo Uruçu para a abelha da zona da mata do litoral baiano e nordestino.

Biomas do Brasil - Caatinga

A caatinga é o único bioma exclusivamente brasileiro e abrange 9,92% do território nacional. Dada a sua alta biodiversidade este bioma é rico em recursos genéticos. Ocupa a totalidade do Estado do Ceará e parte do território de Alagoas (48%). Na Bahia, a caatinga ocupa 54% da região, no Maranhão 1%, em Minas Gerais 2%, na Paraíba 92%, em Pernambuco 83%, no Piauí 63%, no Rio Grande do Norte 95% e no Sergipe 49%.

Biomas do Brasil - Zona de Cocais

A zona de Cocais, nome dado a este bioma devido à grande quantidade de cocais encontrados em seu território, está situada em uma área de transição entre a Caatinga e a Amazônia, o que nos permite encontrar muitas características desses dois biomas. Esta zona tem muitas formas de relevo, como a planície, as depressões, o planalto, a estrutura rochosa formada por rochas cristalinas (formada por cristais) e sedimentares. Em sua vegetação, registramos a presença de florestas dominadas por palmeiras, com folhas grandes e finas, como o buriti, oiticica, babaçu e carnaúba.

O cupuaçu e seu cultivo

O cupuaçuzeiro, cujo nome científico é Theobroma grandiflorum, pertence à família Sterculiaceae, a mesma família do cacau. Como suas sementes podem ser aproveitadas para a produção de chocolate, talvez, seja por isso que o cupuaçu, muitas vezes, é confundido com o cacau. Este fruto é facilmente encontrado nas regiões Sul e Nordeste da Amazônia Oriental e no Nordeste do Maranhão. Atualmente, esta espécie de fruta está disseminada em toda a Bacia Amazônica e em alguns estados nordestinos, destacando-se, entre eles, a Bahia.

Biomas do Brasil - Zona Costeira

O Brasil, devido a sua grande extensão territorial e localização, é um país privilegiado quando comparado aos demais. Possui 7.367 km de litoral, composto por diversos tipos de formações vegetais, enorme variabilidade de espécies animais, formada por uma grande diversidade de ecossistemas. Toda essa extensão da Zona Costeira ou faixa litorânea brasileira é caracterizada por vários tipos de paisagem ? dunas, ilhas, praias, recifes, costões rochosos, baías, estuários, brejos e falésias, e vai do Norte (Cabo Orange, na foz do Rio Oiapoque) ao Sul do país (Chuí), passando por 17 Estados e mais de 400 Municípios. É uma faixa complexa, dinâmica, mutável e sujeita a vários processos geológicos, provocados pela ação mecânica das ondas, das correntes e das marés, fatores modeladores das zonas costeiras.

Ovinos Morada Nova - histórico, características e aptidões da raça

Morada Nova é uma das principais raças de ovinos deslanados do Nordeste do Brasil. Para os poucos familiarizados com o termo, falar em ovinos deslanados é falar de ovinos desprovidos de lã, sendo o corpo desses animais, então, recobertos por pelos. Explorados para a produção de carne e pele, os ovinos Morada Nova são muito apreciados no mercado internacional. Nacionalmente, por serem animais de pequeno porte e facilmente adaptáveis às condições climáticas nordestinas, a criação dos ovinos Morada Nova em pequenas propriedades rurais constituem importantes fontes de proteína para a alimentação familiar.

Fique por dentro das novidades!